Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

Campus Party Recife é confirmada após rumores nas redes sociais

Do G1 PE

Foram vendidos os 2 mil ingressos disponíveis para o evento do Recife. (Foto: Lorena Aquino/G1)
Evento acontece na cidade desde 2012, sempre com grande público (Foto: Lorena Aquino/G1)

Após incertezas sobre a realização do evento por falta de verba, a edição 2016 da Campus Party Recife foi confirmada pela Prefeitura do Recife (PCR), através da Secretaria de Desenvolvimento e Empreendedorismo. Ainda não há informações sobre a data de realização, mas os responsáveis pela feira estão reunidos na tarde desta sexta-feira (20) para acertar os detalhes.

No Twitter, o idealizador do evento, Paco Ragageles, já havia levantado rumores positivos sobre a realização do evento no fim da manhã desta sexta (20). Na mesma rede social, o perfil da Campus Party Brasil anunciou, minutos depois, uma “virada” na Campus Party Recife. Por meio de nota, a Campus Party informou que detalhes como data, local, e formato serão divulgados no próximo dia 6 de junho.

Procurada pelo G1, a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Sectec) do Estado informou que inicialmente não tem notícias sobre a realização da feira em 2016. O último contato com a organização foi feito em abril, quando o governo se prontificou em ceder o Centro de Convenções para o evento.

Em nota, a secretaria informou que, apesar das enormes restrições financeiras, disponibilizou, sem custos, os espaços do Centro de Convenções de Pernambuco no mesmo formato do ano de 2015, para realização da evento. O custo do aluguel do Centro de Convenções, para todo o período de realização do evento, representa um investimento do Governo do Estado no valor aproximado de R$ 400 mil. Afirmou também que, devido à crise financeira não poderia fazer nenhum aporte a mais.

Também no mês de abril, a perda de patrocinadores importantes levou alguns campuseiros a acreditarem que a feira não seria realizada no Estado em 2016. Segundo Paco Ragageles, o Governo de Pernambuco havia informado que não tinha orçamento suficiente para arcar com os custos do evento.

A Campus Party
Realizada desde 2012 em Recife, a feira reúne tecnologia, empreendedorismo, entretenimento e inovação.Com palestras e workshops no cronograma, a última edição do evento na capital pernambucana reuniu 4 mil campuseiros presentes em mais de 400 horas de conteúdo.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

PM flagra comércio ilegal de gasolina e diesel em Santa Cruz do Capibaribe

Do G1 Caruaru

Dois pontos de comércio ilegal de combustíveis foram flagrados em Santa Cruz do Capibaribe, Agreste de Pernambuco, na noite de sexta-feira (19). De acordo com a Polícia Militar, dois homens foram detidos por estelionato e fraude, e cerca de 30 litros de combustíveis foram apreendidos – sendo 20 litros de óleo diesel e 10 litros de gasolina.

Os dois flagrantes ocorreram na Vila do Pará, após denúncias anônimas. Ainda segundo a PM, um dos suspeitos alegou que vendia o produto porque “o local é de difícil acesso para que os demais moradores tenham acesso ao produto”.

Um homem de 29 anos e outro de 25 anos foram encaminhado para a delegacia de Santa Cruz do Capibaribe, onde foram autuados em flagrante.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

DER apreende ônibus por transporte irregular de passageiros no Agreste

Do G1 Caruaru

Ônibus foram apreendidos neste sábado (21) na BR-104 (Foto: Divulgação/AssessoriaDER)
Ônibus foram apreendidos neste sábado (21) na BR-104 (Foto: Divulgação/AssessoriaDER)

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) apreendeu três ônibus por transporte irregular de passageiros neste sábado (21) no Agreste de Pernambuco. De acordo com a assessoria do órgão, os veículos foram apreendidos durante operação realizada na BR-104, nos municípios de Cupira e Panelas. Empresas foram notificadas.

Ao G1, a assessoria informou que a média da infração de transportes é de R$ 3.110. A operação faz parte de uma operação que tem como objetivo reduzir irregularidades no trânsito e diminuir em até 40% o número de acidentes de trânsito, conforme a assessoria.

“Nosso objetivo para 2016 é diminuir todos os indicadores de acidentes no trânsito. Reforçar a fiscalização e incentivar a conscientização na estrada, tem sido  o compromisso de todos que fazem o DER, e os órgão de trânsito do Estado”, destacou o chefe de fiscalização do DER-PE, Laurent Licari.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Serviços do Detran voltam a funcionar normalmente na segunda

Do G1 PE

“Vamos aguardar. Isso tudo já gerou muito desgaste tanto para a população quanto para os servidores. Entraremos em greve, se o governo não sancionar o projeto de lei até a próxima semana”, garante Bulhões.

Como forma de pressionar o poder público, os quase 1.400 servidores amanheceram de braços cruzados nesta sexta-feira (20). Como o governo assinou o acordo, mas não cumpriu, o presidente do sindicato informou a categoria está com um “pé atrás” agora. “Fica difícil acreditar no que eles falam a partir desse momento”, pontua.

Eles reivindicam a contratação definitiva do plano de saúde, a gratificação dos servidores que trabalham no pátio de exames da CNH, além da ampliação do incentivo de produtividade para quem trabalha em shopping e em alguns setores para todos os servidores..

No última greve, os serviços ficaram paralisados por mais de um mês. A categoria retomou os trabalhos em abril deste ano com a promessa de parar novamente no dia 19 de maio caso o acordo não fosse cumprido.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

‘Canibais de Garanhuns’ vão a novo júri popular em Pernambuco, diz TJPE

Do G1 Caruaru

Trio de canibais durante o júri popular realizado em Olinda no ano de 2014

O trio conhecido como “Canibais de Garanhuns” deve ir a um novo júri popular, de acordo com a sentença de pronúncia publicada pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) desta sexta-feira (20). A Primeira Vara Criminal do município do Agreste determinou que os acusados serão julgados pelos crimes de assassinato, esquartejamento e ocultação de cadáver de outras duas vítimas: Gisele Helena da Silva e Alexandra da Silva Falcão, assassinadas em fevereiro e março de 2012, respectivamente.

Ainda segundo a sentença do TJPE, Gisele e Alexandra foram mortas a facadas e esquartejadas. Depois de esquartejarem, os acusados se alimentaram da carne das vítimas por três dias. Eles “ocultaram os demais restos mortais, que foram enterrados no quintal da residência [onde moravam os canibais]”, afirma o TJPE. Eles teriam até utilizado parte da carne das vítimas para rechear coxinhas e salgadinhos que vendiam em Garanhuns.

Os acusados Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, Isabel Cristina Torreão Pires e Bruna Cristina Oliveira da Silva já foram condenados em 2014 por homicídio quadruplamente qualificado da adolescente morta em Olinda, Jéssica Camila da Silva Pereira, de 17 anos.

A Justiça ainda não definiu a data do júri popular porque ainda cabe recurso da defesa dos réus, conforme o TJPE informou ao G1. Os acusados afirmam fazer parte da seita Cartel, que visa a purificação do mundo e o controle populacional. A ingestão da carne faria parte do processo de purificação.

O caso veio a público depois que parentes de Gisele Helena da Silva denunciaram o desaparecimento dela. Os acusados usaram o cartão de crédito da vítima em lojas de Garanhuns e foram localizados. Uma publicação contendo os detalhes dos crimes – registrada em cartório – foi encontrada na casa dos réus.

Audiência de instrução
O trio acusado de canibalismo participou de uma audiência de instrução no dia 29 de outubro de 2015 em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. Jorge Beltrão, Isabel Cristina e Bruna Cristina foram acusados de duplo homicídio triplicamente qualificado, vilipêndio (violação) e ocultação de cadáver, segundo o promotor Jorge Dantas.

Ainda segundo o promotor, cada um teve “uma participação bem clara nos crimes”. A audiência foi aberta ao público e realizada no Fórum Eraldo Gueiros Leite. Na ocasião foram ouvidas 18 testemunhas – incluindo os três acusados.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Sem cumprimento de acordo, servidores do Detran retomam greve

Do G1 PE

Presidente do Sindicato dos Servidores do Detran (Sindetran-PE),  Alexandre Bulhões (Foto: Ana Regina/ TV Globo)

Última greve durou mais de um mês  (Foto: Ana Regina/ TV Globo)

Alegando o não cumprimento do acordo firmado com o governo do Estado, os quase 1.400 funcionários do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) voltam a cruzar os braços nesta sexta-feira (20). De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores do órgão, Alexandre Bulhões, todos os serviços estão paralisados até segunda ordem.

Contudo, uma assembleia foi marcada para acontecer às 9h desta sexta. No encontro,  será decidido se a greve segue por tempo indeterminado ou se a categoria vai estipular um prazo para o retorno. “O único ponto que o governo cumpriu foi o reajuste salarial. Eles já encaminharam o projeto de lei para a Assembleia Legislativa do Estado. Vamos votar se aguardaremos essa tramitação trabalhando ou parados”, adiantou Bulhões.

Como o governo assinou o acordo, mas não cumpriu, o presidente do sindicato informa que a categoria está com um “pé atrás” agora. “Fica difícil acreditar no que eles falam a partir desse momento”, pontua.

“Reivindicamos a contratação definitiva do plano de saúde, a gratificação dos servidores que trabalham no pátio de exames da CNH, tem também a questão da insalubridade do historiador de veículo, além de que o incentivo de produtividade para quem trabalha em shopping e em alguns setores seja ampliado para todos”, completa.

No última greve, os serviços ficaram paralisados por mais de um mês. A categoria retomou os trabalhos em abril deste ano com a promessa de parar novamente no dia 19 de maio caso o acordo não fosse cumprido.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Entidade de PE cria ‘mortômetro’ para contar crimes letais contra policiais

Ricardo Novelino

Do G1 PE

Mortômetro (Foto: Reprodução)
Mortômetro foi criado pela OPB (Foto: Reprodução)

Uma entidade criada em Pernambuco e com atuação em todo o Brasil está traçando um perfil dos policiais mortos em serviço ou em decorrência da atividade policial. A Ordem dos Policiais do Brasil (OPB) lançou o “mortômetro”, uma espécie de placar eletrônico com os registros feitos em todo o território nacional. Nos três primeiros meses deste ano, o site da instituição marcou 88 crimes. Desse total, três ocorrências foram notificadas em municípios pernambucanos.

O “mortômetro” é apenas a prieira etapa do projeto. A princípio, a OPB planejava fazer um levantamento completo semestral das mortes dos policiais de seis corporações, bem como de bombeiros, guardas municipais e agentes de trânsito. Diante da explosão da criminalidade, nos últimos meses, no entanto, a entidade decidiu acelerar as ações para finalizar um documento de alerta, mesmo de forma parcial.

”Esta semana, aqui em Pernambuco, tivemos mais três casos de policiais mortos. Dois no Recife e um na Mata Sul. Ou seja, em pouco tempo dobramos as estatísticas do ano. Em janeiro, ocorreu, em média, uma morte por dia, no Brasil. Em fevereiro, foram duas, em média, no País. No próximo ‘mortômetro’, vamos mostrar o registro atualizado, com 140 óbitos. São dados computados até o dia 31 de março”, justificou o presidente da OPB, o policial rodoviário federal Frederico França.

A ideia da OPB é fazer um mapeamento completo com nome, idade, tempo de serviço, e circunstância da morte do agente de segurança pública. O material será entregue, no próximo mês, a representantes da Comissão de Direitos Humanos da Presidência da República, do Ministério Público Federal e do Ministério da Justiça.

França afirma que a ideia é cobrar das autoridades mudança das políticas públicas para amenizar essa mortalidade de agentes e PMs. “Precisamos observar a questão de treinamento, dos equipamentos e da qualidade de vida do agente de segurança pública. É preciso, com urgência, repensar a forma de combater o crime no Brasil”, comentou.

O presidente da entidade destaca que atualmente duas questões são muito críticas para quem atua na área de defesa a segurança pública: a baixa expectativa de vida e a vulnerabilidade diante das ameaças dos criminosos. “Nos Estados Unidos, por ano, morrem 50 policiais em atividade. Aqui, vivemos esse grave problema. A Polícia Rodoviária Federal começou a fazer um levantamento e mostrou que a expectativa de vida de um integrante da corporação é, no  máximo, de 56 anos. Muito pouco para o Brasil”, comentou.

Estatísticas
As estatísticas da OPB mostram que o Rio de Janeiro lidera as estatísticas de policiais mortos em serviço ou em decorrência da atividade policial. este ano, já são 27 óbitos computados até 31 de março. O segundo lugar é de São Paulo, com 24. Minas Gerais fica em terceiro, com 12. No Nordeste, a liderança do ranking e do Ceará, com 7.

Entre as corporações, as Polícias Militares são as líderes nas estatísticas de perda de integrantes: 95 (em relação aos 140 da nova atualização), em todo o Brasil. Isso representa 67% do total de crimes. As Polícias Civis aparecem em segundo lugar, com 19 óbitos, ou 13% do total.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Aposentado diz ter colhido limão de 3,1 quilos em Olinda

O fruto, digno de Livro dos Recordes, foi colhido por José Carlos de Lima no seu sítio, localizado no bairro de Peixinhos, em Olinda.

O super limão virou atração na vizinhança / Foto: Bobby Fabisack/JC Imagem

O super limão virou atração na vizinhança
Foto: Bobby Fabisack/JC Imagem
JC Online

Normalmente o peso de um limão comum, dentre as mais variadas espécies da fruta, é de 50 a 100 gramas. Mas, e se você soubesse da existência de um limão que pesa pouco mais de três quilos? Acreditaria? Pois, segundo o aposentado José Carlos de Lima, 56 anos, ele existe. O fruto, digno de Livro dos Recordes, foi colhido por ele no seu sítio no bairro de Peixinhos, em Olinda, Região Metropolitana do Recife.

“O limoeiro nunca deu nada desde que foi plantado, há oito anos. Só começou a dar limão há oito meses e o primeiro foi justamente esse gigante”, conta o aposentado, que garante nunca ter usado nenhum tipo de produto agrotóxico para ajudar no crescimento. O pé ainda conta com mais dois frutos gigantes, carinhosamente chamados de “filhotes” pelo dono do sítio.

No bairro, o crescimento anormal da fruta virou atração entre os vizinhos. “Os vizinhos vinham aqui curiosos e perguntavam quando eu ia tirar do pé. Decidi colher somente quando amadurecesse e caísse”, lembra. Na terça-feira (17), José Carlos colheu o fruto e pôde, finalmente, tirar as medidas. São 3,16 quilos distribuídos em 61 centímetros de circunferência. “No dia em que colhi muita gente veio aqui tirar foto. Em casa, minha esposa se assustou e pensou que era uma fruta-pão”, recorda o aposentado, aos risos.

Em breve análise das imagens enviadas pelo JC, a professora do Departamento de Agronomia da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) Rosimar dos Santos Musser acredita que a fruta não se trata de um limão. “Se trata de uma toranja, que são parentes do limão por serem da mesma família (Rutaceae) e mesmo gênero (Citrus). As toranjas são os maiores frutos cítricos e são pouco consumidas no Brasil. Provavelmente, a demora para produzir frutos tenha relação com o plantio. Acredito que foi feito através de uma muda de pé franco, ou seja, feito por semente”, esclarece a especialista.

Se a suspeita da professora se confirmar, José Carlos pode ter uma amarga surpresa nesta sexta-feira (20), dia programado por ele para preparar uma limonada para toda a família.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Campanha estimula doação de leite materno em Pernambuco

NE10

O Dia Mundial da Doação de Leite Humano é comemorado nesta quinta (19)  / Foto: AcervoO Dia Mundial da Doação de Leite Humano é comemorado nesta quinta (19)Foto: Acervo

A amamentação é, com certeza, uma das práticas mais íntimas da experiência humana. Imagine só, com esse simples ato, tão pessoal, poder salvar dezenas de vidas por dia. É para isso que é comemorado, nesta quinta-feira (19), o  Dia Mundial de Doação de Leite Humano, buscando sensibilizar mães que conseguem produzir além do que os filhos precisam sobre a importância desse ato.
Na Região Metropolitana do Recife (RMR), o Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (Imip), no bairro dos Coelhos, área Central do Recife, abriga o maior e mais requisitado banco de leite do Estado. Pelo menos nesta quinta, o órgão vai receber cerca de 1,3 mil potes de vidro para o armazenamento do leite materno, arrecadados no mês passado em uma campanha promovida pelo Hospital Pelópidas Silveira, localizado no Curado, Zona Oeste.
De acordo com a pediatra Vilneide Braga, o Imip conta agora com um estoque 40% menor que o ideal para distribuir aos recém-nascidos e prematuros que necessitam desse tipo de doação, já que em alguns casos as mães não conseguem produzir a secreção láctea. “Uma grande parcela do leite materno vai para bebês prematuros e, nesses casos, o aleitamento materno é primordial para a sobrevivência e desenvolvimento dessas crianças”, explica.
A médica também afirma que, para doar, não é necessário muito esforço e a mulher também se beneficia. “A ordenha estimula a produção de leite e isso faz com que a amamentação do próprio bebê seja mantida. Além disso, a mulher tem a oportunidade de salvar vidas. Doar é um ato de amor”, acredita.
Sobre os procedimentos anteriores à doação, Vilneide explica que a mulher deve estar saudável, preferencialmente sem tomar remédios. “Antes da doação, fazemos um cadastro que deve apresentar xerox dos exames de pré-natal ou simplesmente o cartão do SUS. Caso a mulher esteja gripada, por exemplo, a Anvisa recomenda que a mãe suspenda tanto o aleitamento quanto a doação de leite por uma média de quatro dias, para eliminar o risco de contaminação das crianças”, explica.
Para estimular a doação, o Imip se disponibiliza a buscar o leite na casa das lactantes localizadas na Região Metropolitana do Recife. Confira abaixo os passos para a doação:

Fonte: Imip

PASTEURIZAÇÃO – Todo o leite doado é primeiramente pasteurizado, para eliminar bactérias e prolongar o tempo de armazenamento. O Imip disponibiliza o serviço de pasteurização para mães que desejam armazenar seu leite por mais que 15 dias. A única exigência é a de que seja doado 10% da produção arrecadada.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Preço do gás natural deve cair até 9,54% este mês

Os percentuais de redução do preço foram publicados ontem pela Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe).

A redução será de 9,54% no preço do Gás Natural Veicular (GNV) para os donos de postos / Foto: JC Imagem/Renato Spencer

A redução será de 9,54% no preço do Gás Natural Veicular (GNV) para os donos de postos
Foto: JC Imagem/Renato Spencer
Da Editoria de Economia

Do JC Online

A Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe) divulgou ontem que ocorrerá uma  queda média de 9,51% no preço do gás natural no Estado. Os percentuais de redução são diferentes de acordo com o tipo de consumidor. Haverá uma diminuição de 8,90% para os clientes industriais; 9,54% para os donos de postos de gasolina que revendem o Gás Natural Veicular (GNV) usado nos carros; 11,84% para os consumidores comerciais e 7,83% para aqueles que usam o gás encanado nos seus apartamentos. Em Pernambuco, 21 mil pessoas usam o gás natural encanado nos seus apartamentos.

Os percentuais foram publicados ontem pela Arpe e entram em vigor, retroativamente, a partir de 1º de maio. A redução do preço do gás natural ocorreu basicamente por causa de dois fatores. Primeiro, houve uma queda no preço do barril de petróleo e dos óleos que indicam o preço do gás natural em todo o mundo. O segundo motivo foi uma redução de 10% nas principais despesas da Copergás que a estatal decidiu repassar para o consumidor final devido à crise e  a alta da inflação.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.