Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

TSE confirma decisão que proibiu Bolsonaro de usar na campanha discurso feito em Londres

Presidente esteve na capital inglesa para participar do velório da rainha Elizabeth II, mas utilizou viagem para fazer discurso eleitoral.

Por Rosanne D’Agostino, g1 — Brasília

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve nesta quinta-feira (22) decisão do ministro Benedito Gonçalves que proibiu que o presidente Jair Bolsonaro use em sua propaganda à reeleição imagens do discurso que proferiu na sacada da embaixada brasileira em Londres, no domingo (18).

A decisão foi mantida por unanimidade.

Bolsonaro viajou ao Reino Unido para o funeral da rainha Elizabeth II, mas usou a passagem pela Embaixada do Brasil em Londres para fazer um discurso com tom eleitoral a apoiadores brasileiros no local.

TSE proíbe Bolsonaro de usar imagens do discurso em Londres na campanha

Na ação, a candidata do União Brasil à Presidência, Soraya Thronicke, afirmou que Bolsonaro tem se “notabilizado pela utilização de eventos a que comparece na condição de chefe de Estado, custeados com recursos públicos e inacessíveis aos demais candidatos, com posterior divulgação em meios oficiais e redes sociais de campanha, para promoção de sua candidatura à reeleição”.

Para Gonçalves, que é o corregedor-geral da Justiça Eleitoral, o uso da embaixada foi indevido.

“Os elementos presentes nos autos são suficientes para concluir, em análise perfunctória, que o acesso à Embaixada, por força do cargo de Chefe de Estado, foi utilizado em proveito da campanha. A repercussão do vídeo na internet, com mais de 49.000 (quarenta e nove mil) visualizações, demonstra que o alcance do ato não se restringiu ao pequeno grupo presente ao local”, afirmou na decisão liminar (provisória).

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.