Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

Remadores de Fernando de Noronha circulam a ilha em canoas havaianas em menos de cinco horas

Grupo com 23 atletas locais completou o percurso de 34 quilômetros em 4 horas e 22 minutos. Foi a primeira vez que a expedição ocorreu apenas com moradores.

Por Ana Clara Marinho, G1 PE

Grupo deu a volta na ilha em três canoas havaianas  — Foto: Santiago Salazar/Divulgação

Grupo deu a volta na ilha em três canoas havaianas — Foto: Santiago Salazar/Divulgação

Um grupo formado por 23 remadores deu a volta em Fernando de Noronha em três canoas havaianas, na quarta-feira (30). Esta foi a quinta edição do evento e a primeira vez que a expedição ocorreu com a participação exclusiva de moradores da ilha.

Eles completaram o percurso de 34 quilômetros em 4 horas e 22 minutos, tempo menor que o registrado no ano passado, quando a expedição foi concluída em 5 horas e 22 minutos. Devido à pandemia da Covid-19, a expedição ficou ameaçada de não acontecer.

(CORREÇÃO: Inicialmente, esta reportagem informou que o percurso foi finalizado em 4 minutos e 22 segundos, mas a expedição durou 4 horas e 22 minutos. O texto foi atualizado às 9h15.)

“Por conta da pandemia, o treino em equipe foi proibido. Quando a atividade foi liberada, nós resolvemos realizar a expedição, apenas com atletas da ilha. O grupo contou com pessoas que treinam há quatro meses”, disse o capitão da equipe e organizador do evento, Alef Alves.

O percurso teve muito vento, ondas e até uma canoa virou, mas os participantes tiveram agilidade para colocar a embarcação na posição correta e seguiram a aventura. O instrutor de canoa havaiana Rhaldney Marques participou da expedição pela primeira vez.

“Essa foi a minha primeira expedição e também a minha primeira vez na função do leme. Foi uma experiência muito boa. O momento mais difícil foi a hora em que a canoa virou, mas deu tudo certo. Valeu muito a pena”, contou Rhaldney.

O cinegrafista Fábio Borges, que mora em Fernando de Noronha há mais de 20 anos, abriu mão de fazer o registro do evento e trocou a câmera pelo remo. “A remada foi sensacional, uma verdadeira experiência de vida. Depois de 25 anos de ilha, primeira vez que dei a volta em Fernando de Noronha numa atividade esportiva vai ficar na memória para sempre”, declarou.

A equipe contou com a participação de sete mulheres. Entre elas, a bancária Simone Reis, que estreou na expedição e comemorou o aniversário no evento. “Eu fiquei muito emocionada. Foi um desafio. Não poderia ter um presente melhor do que dar a volta à ilha, chegar e comemorar”, afirmou.

O organizador do evento também comemorou. “Foi uma superação para todo mundo. Eu vi vários participantes chorando ao final da expedição. Estou muito satisfeito, o tempo foi bom, fiquei muito feliz”, disse Alef Alves.

A expedição contou com dois barcos de apoio, e uma equipe do Corpo de Bombeiros deu segurança aos atletas locais.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.