Polícia Federal realiza a prisão de dois estrangeiros alemães

A Polícia Federal em Pernambuco, através de sua projeção regional da INTERPOL em conjunto com a Delegacia de Imigração-DELEMIG, prenderam ontem, dia 18.03.2014 por volta das 17h, dos estrangeiros alemães, um de 25 anos web designer, com residência no bairro de Boa Viagem-Recife/PE e outro de 34 anos, comerciante, com residência em Frankfurt na Alemanha.

As prisões ocorreram em virtude de troca de informações da Interpol de Recife com a da Alemanha dando conta de que um procurado pela Justiça daquele país com alerta vermelho estaria para se encontrar com um outro suspeito que havia partido do Aeroporto de Frankfurt/Alemanha com destino ao Aeroporto Internacional dos Guararapes/PE. De posse dessas informações e tendo conhecimento prévio das fisionomias dos alemães, os federais montaram vigilância no aeroporto visando identificar e prender tais pessoas. A ação teve seu desfecho final quando ambos foram localizados e detidos ao se encontrarem na área externa do desembarque internacional.

Ao ser feita uma busca minuciosa nos pertences de que chegara ao aeroporto, foi encontrada a quantia de € 38.235 (trinta e oito mil e duzentos e trinta e cinco) euros cerca de R$ 124.000,00 (cento e vinte e dois mil) reais que não foram declarados durante a viagem no ticket de informações da Receita Federal – (valores acima de R$ 10.000,00) precisam ser informados. Diante das irregularidades ambos receberam voz de prisão, foram informados dos seus direitos e garantias constitucionais e em seguida trazidos para a sede da Polícia Federal situada no Cais do Apolo, Recife/PE para os procedimentos de polícia judiciária.

Em seu interrogatório o proprietário do dinheiro, informou que não sabia que deveria declarar tais valores ao vir para o Brasil e que conheceu o que residia no Recife através da internet e que tal quantia seria para efetuar o pagamento da primeira parcela da compra de um imóvel numa praia do litoral pernambucano oferecida por ele, razão pela qual juntou tal quantia com fruto do seu trabalho motivo pelo qual veio da Alemanha com o objetivo de conhecer o imóvel, fechar o negócio e passar 3 semanas de férias em Recife/PE. Diante da irregularidade foi autuado em flagrante pela prática contida no artigo 299 do Código penal (Falsidade Ideológica – omitir em documento público informações que dele devia constar) e caso seja condenado poderá cumprir penas que variam de 1 a 5 anos de reclusão.

Já o residente no Recife, foi preso em virtude de haver sido decretada sua prisão Preventiva Supremo Tribunal Federal, e atende a um pedido de extradição feita pelo governo da Alemanha ao governo brasileiro fundada na promessa de reciprocidade entre esses países de tratamento de casos análogos, onde tomou conhecimento da existência do Mandado de Prisão para fins de extradição. A prisão ocorreu sem nenhum transtorno e o estrangeiro não esbouçou qualquer tipo de reação.

Segundo informações repassadas pelo governo da Alemanha o alemão residente na capital pernambucana, tem contra si 03 (três) processos de fraudes (09/2008)-(05/2011)-(05/2012) cujas penas podem chegar a 32 (trinta e dois) anos de reclusão e já estava sendo procurado pelos três casos. Em seu depoimento informou que ingressou no país em agosto de 2011 pelo estado do Rio de Janeiro/RJ e que mora no Recife/PE há cerca de 01(um) ano. Disse que tais acusações que lhe são imputadas pelo governo alemão foi devido ao uso de seus documentos de forma criminosa por uma pessoa cujo nome não foi revelado e nem deu detalhes sobre os fatos. Por não estar de posse do passaporte sua permanência no Brasil será ainda analisada.

Os dois estrangeiros foram encaminhados para a realização de exame de corpo no IML e logo em seguida recambiados para o COTEL- Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna, onde ficarão à disposição do Supremo Tribunal Federal e Justiça Federal/PE.  O que estava residindo no Recife, agora ficará aguardando os procedimentos administrativos para sua respectiva extradição para o seu país de origem e após conclusão deverá ser levado por policiais federais para ser entregue as autoridades policiais de Frankfurt/Alemanha.

 

EncartNotcias.com

Foto: Divulgação PF

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

contato@encartenoticias.com
jencartnoticias@gmail.com