Náutico quer reencontrar a vitória diante do Porto

Está mais do que na hora de reencontrar a vitória, principalmente depois da boa apresentação diante do Santa Cruz, na última quarta-feira. Com esse pensamento em mente, o Náutico volta a campo neste domingo para encarar o Porto, na Arena Pernambuco, às 16h, pelo Estadual. Vencer não só encerra a sequência de seis jogos sem vitórias como também traz o primeiro êxito no estádio de São Lourenço da Mata. O Timbu é o quinto com dois pontos, enquanto o Gavião é o quarto com três.

Para esta partida, o técnico Lisca resolveu apostar na equipe que jogou o segundo tempo contra o Santa. Zé Mário entra no lugar de Izaldo na lateral esquerda, enquanto Marcos Vinícius ganha a vaga de João Ananias no meio. A equipe entrará da seguinte maneira: Alessandro; Hélder Maurílio, Luiz Alberto, Flávio e Izaldo; Elicarlos, Dê, Yuri, Carmona e Marcos Vinícius; Hugo.

Com essa formação, o comandante alvirrubro espera maior agressão por parte do Timbu durante os 90 minutos, especialmente contra uma equipe que deve vir fechada. “Porto joga muito muito fechado. Se não agredirmos, vamos correr o risco de passar o jogo inteiro só tocando a bola. Precisamos da vitória e vamos agredir”, disse o treinador.

Técnico Lisca convocou a torcida para a Arena Pernambuco. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Técnico Lisca convocou a torcida para a Arena Pernambuco. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Lisca ainda aproveitou para refutar mais uma vez a ideia de que a Arena Pernambuco prejudica os resultados do Náutico e convocou o torcedor para comparecer ao estádio. “Vamos fazer da arena a nossa casa. Apesar das dificuldades, temos que trazer o espírito do Náutico apra cá”.

PORTO – A meta do Gavião é se recuperar da derrota para o Sport na útima quarta-feira, no Luiz Lacerda, em Caruaru. O técnico Elenilson Santos, porém, reúne algumas dúvidas sobre qual time escalar. O treinador perdeu o zagueiro Geninho, suspenso com o terceiro cartão amarelo. Em contrapartida, na sexta-feira, o departamento médico liberou três jogadores: o volante Cosme, o lateral-esquerdo Jackson e o meia Jefferson Renan.

Se a escalação ainda não está definida, Elenilson sabe que a postura em campo só poderá ser pautada pela velocidade. “Temos que segurar a bola, neutralizar as jogadas do Náutico e buscar o contra-ataque”, observou o técnico.

FICHA DA PARTIDA – NÁUTICO X PORTO

Náutico – Alessandro; Hélder Maurílio, Luiz Alberto, Flávio e Izaldo; Elicarlos, Dê, Yuri, Carmona e Marcos Vinícius; Hugo.

Porto – Wallace, Allison e Matheus; Felipe Almeida, Caio, Evandro, Guego, Thaciano e Baiano; Kiros. Técnico: Elenilson Santos.

Pernambucano. Local: Arena Pernambuco, São Lourenço da Mata (PE). Horário: 16h. Árbitro: Luiz Cláudio Sobral. Auxiliares: Ricardo Bezerra Chianca e Charles Rosas Pires.

 

 

Blog do Torcedor

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.