“Invencibilidade gera cobrança maior”, diz Márcio Goiano sobre momento no Náutico

Por Sarah Porto — Recife

Globo Esporte

 

O Náutico tem 15 jogos na temporada e há 11 não sabe o que é perder. Vindo de vitória contra o América-PE, no último domingo, pelo Campeonato Pernambucano, o Timbu tem no confronto contra o CRB, nesta quinta, às 21h30, pela Copa do Nordeste, a missão de manter a sequência de invencibilidade. Isto não é algo inédito na carreira do técnico Márcio Goiano, que sabe das cobranças que recaem sobre o time neste momento.

– Eu como jogador fui campeão invicto duas vezes, aumentando assim a questão do tempo de invencibilidade. Esse bom momento de resultados positivos gera uma cobrança maior e os adversários também vêm com gana de quebrar essa sequência. Então nós temos que ter consciência e dentro de campo não podemos mudar a forma de ser. Temos que ser sempre uma equipe compacta, muito aguerrida, onde todos os atletas se entreguem ao máximo.

A última derrota do Náutico foi no dia 27 de janeiro, contra o Sport, pelo Campeonato Pernambucano. No jogo anterior, o time tinha sofrido outro revés, contra o Fortaleza, no dia 15 de janeiro, pelo Nordestão. Coincidentemente, ambos os times que venceram o Náutico estão em séries acima do Timbu em 2019 – Séries B e A, respectivamente – assim como o adversário desta quinta-feira, que jogará a Série B no corrente ano.

Perguntado sobre as dificuldades em enfrentar times de escalões mais elevados, em relação ao Campeonato Brasileiro, Márcio destacou que o mais importante neste momento é o trabalho feito no dia a dia e estar atento nas qualidades do rival para combatê-las.

– De modo geral, o mais importante é o trabalho que você faz no dia a dia, fazer com que os jogadores também tenham essa convicção, essa confiança, que eles possam acreditar. O jogo contra o Fortaleza, se a gente for analisar, nós fizemos um bom jogo. Pegando o início, foi um dos melhores jogos que fizemos, porém depois tivemos uma sequência ruim e não fizemos bons jogos. Nós temos essa consciência. Precisamos estar ligados em relação a como cada jogador atua individualmente. O grupo sabe da importância do resultado.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.