Hernane se recupera de lesão no ombro e volta a treinar no Sport

Por Daniel Gomes — Recife

Uma novidade apareceu no campo do centro de treinamento do Sport nesta segunda-feira. Foi o atacante Hernane, que está recuperado de uma luxação no ombro esquerdo e voltou a treinar com bola. Contudo, apesar de retornar aos treinos uma semana antes do previsto, ele ainda será observado pelo departamento médico rubro-negro. A previsão inicial para o retorno aos gramados era somente para o jogo contra o Vasco, no dia 20 de outubro, às 19h, na Ilha do Retiro.

Hernane se machucou na derrota de 2 a 1 para o Corinthians. Foi justamente neste jogo que ele marcou seu primeiro gol desde que retornou ao Leão. O Sport decidiu tratá-lo de maneira conservadora, ou seja, sem cirurgia. Durante todo esse período ele fez fisioterapia no centro de treinamento do clube.

“Hernane surpreendeu e está liberado com uma semana de antecedência. Agora é ganhar preparação física, ganhar confiança. E vamos analisar junto com o departamento médico se ele poderá ir para a viagem contra o Atlético-PR”, disse o médico Rodrigo Perez.

Embora o departamento médico do clube prefira manter a cautela, Hernane está totalmente liberado e seu desempenho nos treinamentos durante a semana vai dizer se ele vai ou não retornar antes do previsto. Existe a chance do camisa 9 viajar com a delegação para o Paraná nesta sexta-feira. No domingo, o Sport enfrenta o Atlético-PR na Arena da Baixada.

O camisa 9 estava no Grêmio antes de acertar com o Sport. Ele voltou ao Leão – onde já tinha jogado em 2015 – no mês de agosto e, ao todo, fez seis jogos pelo time, todos como titular. Caso jogue contra o Atlético-PR, será a primeira vez que ele vai ser comandado pelo técnico Milton Mendes.

Rogério é dúvida; Morato liberado

Em contrapartida, o atacante Morato também está liberado. Ele teve um trauma no joelho que o deixou de molho – a última que ele jogou foi a derrota de 1 a 0 para o Palmeiras. Curiosamente, esta também foi a última partida do atacante Rogério. Mas ele vai ter de esperar um pouco mais no departamento médico porque ainda se recupera de um corte no tornozelo e não consegue calçar as chuteiras.

– O ferimento está cicatrizando bem, mas ele ainda não consegue utilizar as chuteiras. Por precaução, vamos segurá-lo. Ainda não sabemos se ele vai jogar contra o Atlético-PR – disse o médico Rodrigo Perez.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.