Drone pode ser usado para afastar aves das proximidades de aeroportos

DANIEL JUNQUEIRA

Do Olhar Digital

Pesquisadores dos Estados Unidos desenvolveram um sistema que usa drones para afastar aves das proximidades de certas regiões. A ideia é usar a tecnologia para manter pássaros longe de aeroportos e assim evitar possíveis acidentes causados pelo choque de uma aeronave com um animal.

Órgãos reguladores de aviação civil restringem o acesso de drones em aeroportos citando possíveis riscos que as pequenas naves podem causar aos aviões. Mas, no sistema desenvolvido pelos pesquisadores do Caltech, na Califórnia, os drones são importantes para garantir a segurança dos aeroportos.

Os engenheiros do Caltech se inspiraram no voo 1549 da US Airways, que em 2009 precisou fazer um pouso de emergência no rio Hudson, em Nova York, após se chocar com um grupo de gansos-do-canadá que voavam nos arredores do aeroporto LaGuardia.

Para evitar novos casos parecidos – e que tenham desfechos trágicos sem que o piloto consiga pousar a aeronave com segurança, como no caso de Nova York -, os pesquisadores começaram a estudar maneiras de afastar aves de regiões de tráfego aéreo intenso.

Ao estudar as dinâmicas de voo e formação de grupos de aves, os pesquisadores chegaram a um modelo matemático para desviar a rota deles com uso de um único drone. Ao perceber a proximidade da pequena nave, os pássaros mudam de direção por acreditar que ela representa um risco para eles.

O desafio agora é ampliar o sistema para que ele possa ser usado em aeroportos, que precisariam de muitos drones para afastar muitos pássaros.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.