Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

NUVEM DE TAGS

Smartphone já está presente em 28% da população brasileira

Foto: AFP.

Um novo estudo divulgado pela Kantar Worldpanel mostrou que os brasileiros aumentaram os gastos com comunicação dentro do orçamento familiar. Foi constatada a nova realidade para o Brasil com o crescimento do acesso online. 28,3% da população já possui smartphones. Só no ano passado, o alcance dos aparelhos celulares era de 25,7%.

Segundo a pesquisa, 36,8% dos consumidores são adeptos dos telefones touchscreen, cuja presença dentro dos lares passou de 8,6% em 2012 para 32,3% em 2014. Já os tablets ainda estão conquistando os brasileiros, com apenas 1,1% de penetração.

Em relação ao consumo por domicílios foi verificado que 45% das casas possuem TV por assinatura, e a importância dessa categoria passou de 31,6% em 2012 para 39,4% no ano passado. A internet banda larga faz parte de 65,3% dos lares.

O único meio de comunicação que vem perdendo espaço para os consumidores brasileiros é o telefone fixo. Em 2012, a penetração era de 44,9% e em 2014, registrou 34,8%. Mesmo assim, 62,8% dos brasileiros ainda possuem o serviço.

 

MundoBit

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Mais de 11 mil se inscrevem para pesquisa médica com uso de iPhones

Da Folhapress

O sistema consegue analisar o comportamento de seus usuários / Foto: AFPO sistema consegue analisar o comportamento de seus usuáriosFoto: AFP

A Universidade Stanford, na Califórnia, anunciou que iria fazer algumas pesquisas cardiovasculares usando o ResearchKit, um software apresentado pela Apple nesta semana e que tenta dar aos cientistas uma nova forma de reunir informações sobre pacientes, com o uso de iPhones.

O formato permitirá aos usuários decidir se querem participar de um estudo e como seus dados serão compartilhados com os pesquisadores.

Na terça-feira (10) de manhã, menos de 24 horas depois do lançamento do aplicativo, mais de 11 mil pessoas já haviam se inscrito para participar da pesquisa de Stanford, algo que, de acordo com os pesquisadores, levaria um ano para ser alcançado (com a ajuda de 50 clínicas médicas).

Por outro lado, de acordo com a agência de notícias Bloomberg, alguns pesquisadores alertam para as possíveis falhas do aplicativo em armazenar essas informações, tornando algumas delas não tão confiáveis. Questionam também, a capacidade do aplicativo de proteger a privacidade dos participantes.

Além disso, donos de iPhones geralmente participam de um grupo social mais privilegiado, o que pode interferir no resultado de algumas pesquisas. Outra desvantagem é que as perguntas feitas nessas pesquisas são mais diretas, e, diferentemente de questionários feitos cara a cara, não permitem uma maior abertura para tratar do tema estudado.

Por outro lado, o sistema consegue analisar o comportamento de seus usuários, de maneira a conseguir checar a veracidade das respostas em cada pesquisa. Pesquisadores da Stanford estão usado o aplicativo para estudar maneiras de encorajar as pessoas a mudar seus hábitos a fim de melhorar a saúde de seus corações.

Para isso, vão pedir aos voluntários que andem a todo momento com seus celulares, para que o GPS e o acelerômetro do programa rastreiem suas atividades.
Espera-se que o resultados da pesquisa revelem quais tipos de treinamento são mais efetivos em melhorar o condicionamento físico das pessoas.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Programa dará bolsas de R$ 60 mil para mulheres cientistas no Brasil

Laboratório em São Paulo: aumento da representatividade (Foto: Agência Fapesp/Divulgação).

Já estão abertas as inscrições para o Prêmio L’Oréal-Unesco-ABC Para Mulheres na Ciência no Brasil, que vai premiar sete cientistas brasileiras com bolsa-auxílio de US$ 20 mil (ou cerca de R$ 62 mil) cada. Este é o único programa brasileiro de premiação voltado exclusivamente para mulheres cientistas, e completa dez edições em 2015. A iniciativa é patrocinada pela fundação francesa e conta com parcerias da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e da Academia Brasileira de Ciências (ABC).

O presidente da ABC, professor Jacob Palis, disse que o prêmio é um grande incentivo à mulher cientista brasileira. “É uma disputa saudável, muito boa. Temos muitos processos aplicados para ganhar esse prêmio”, comemorou, e admitiu que é uma escolha difícil, uma vez que a ciência no Brasil está avançando de forma significativa “e, em particular, o papel da mulher na ciência. Para a ABC é uma satisfação promover a mulher na ciência”.

Thaisa Bergman foi uma das vencedoras do prêmio da Unesco este ano (Divulgação.)

Desde que foi instituída no país, atendendo à sugestão da ABC, a iniciativa premiou 61 cientistas brasileiras de todas as regiões. Na edição de 2014, mais de 300 projetos foram inscritos. Os prêmios são distribuídos em áreas diversas como física, matemática, biologia, ciências médicas, astronomia, entre outras. “Algumas delas ganham o Prêmio L’Oréal-Unesco por regiões”, destacou Jacob Palis.

Lançada em 1998, a premiação global For Women in Science contempla anualmente cinco notáveis pesquisadoras, uma por continente. Ao todo, seis brasileiras já tiveram seus nomes incluídos entre as melhores cientistas internacionais: Mayana Zatz (genética), em 2001; Lucia Previato (microbiologia), em 2004; Belita Koiller (física), em 2005; Beatriz Barbuy (astrofísica), em 2009; Marcia Barbosa (física), em 2013; e Thaisa Bergmann (astronomia), em 2014. O grande número de projetos apresentados a cada ano fez crescer o total de cientistas premiadas, explicou Palis.

Segundo o presidente da ABC, o prêmio é positivo à medida em que permite às cientistas darem continuidade às suas pesquisas. Ele analisou que “a ciência precisa ser valorizada mais no Brasil. Para a sociedade, é um benefício ter uma ciência de ponta em todos os setores”. Palis disse que às vezes o benefício das pesquisas pode ser sentido de modo mais direto ��” caso da área médica ��”, mas mesmo as pesquisas indiretas acabam influenciando o todo ��” caso da matemática. Palis reiterou que “não há outro caminho para crescimento saudável e justo sem uma boa ciência por trás”.

O coordenador de Ciências Naturais da Unesco no Brasil, Ary Mergulhão, reforçou que o prêmio objetiva a estimular as mulheres a participarem do mundo científico. Isso varia de país para país, dependendo do desenvolvimento da comunidade científica local. “A gente pode dividir a influência deste prêmio em duas grandes linhas: fazer mulheres participarem da ciência e reconhecer o trabalho que mulheres cientistas já desenvolvem”. Mergulhão avaliou que o Brasil está em um caminho muito claro neste sentido.

O coordenador da Unesco destacou que há quase um equilíbrio entre mulheres e homens cientistas no Brasil. O grande desafio,acrescentou, é fazer com que as mulheres não abandonem a carreira científica, e “este prêmio tenta contribuir para isso”. O problema é que, com o decorrer da vida profissional e, muitas vezes, por influência da vida familiar, as mulheres tendem a deixar a carreira científica, apontou.

“O que queremos com esse tipo de iniciativa é motivar as mulheres a continuarem na carreira científica e aprimorarem, sobretudo, a qualidade do trabalho científico que desenvolvem”, disse Meergulhão. Ele salientou que o Brasil tem, atualmente, participação destacada no mundo, em termos de trabalhos científicos publicados em revistas especializadas. “O Brasil já ocupa um espaço bastante significativo”, afiançou.

As inscrições para o Prêmio L’Oréal-Unesco-ABC podem ser feitas até 31 de maio, na página criada especialmente para celebrar os dez anos do programa (www.paramulheresnaciencia.com.br). O anúncio das ganhadoras será em agosto, e a cerimônia de premiação em outubro. [Do Portal EBC]

 

 

MundoBit

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Adolescentes criam hidrômetro digital que calcula consumo e ajuda poupar água

Um grupo de alunos do curso de eletrônica de uma escola técnica no sul de Minas Gerais criou um sistema para medir, em tempo real, a quantidade de água que sai da caixa d’água e ajudar a acompanhar por smartphones ou tablets o consumo da casa em tempo real. O dispositivo, que ainda está na fase de protótipos, tem custo estimado de R$ 160 e também permite economia de energia elétrica. Os criadores têm entre 16 e 17 anos.

O “hidrômetro digital” é conectado pelo dispositivo móvel via bluetooth com os sensores na saída da caixa d’água. Eles calculam a quantidade de litros que circulam por uma pequena turbina e informam no display. Quem quiser também pode traçar metas de consumo para o mês, por exemplo.

“É possível definir um volume máximo de consumo de água no mês. Na tela do display a pessoa consegue fazer a contagem regressiva e em litros, porque o hidrômetro individual mede em metros cúbicos e em acumulativo, e fica difícil saber o real consumo”, explicou Fernando Iemini, um dos alunos responsáveis pelo projeto.

A mesma peça que mede o consumo de água funciona como uma turbina geradora de energia. Ela também é colocada na entrada da caixa d’água, onde a pressão é maior. Nela está acoplado um circuito regulador, que carrega as baterias armazenadoras de energia.

“A energia gerada não chega a suportar uma casa, mas pode ser usada em equipamentos eletrônicos modernos, como recarga de celulares, e na iluminação residencial por painéis de leds”, explicou o estudante Fernando Iemini. O projeto começou a ser elaborado no 1º ano do curso de eletrônica e foi aprimorado no 3º ano e último do curso da Escola Técnica de Eletrônica Francisco Moreira da Costa (ETE FMC), de Santa Rita do Sapucaí.

A ideia já foi premiada pela Associação Brasileira de Incentivo à Ciência (Abric) e será exposta na próxima semana na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace) na Universidade de São Paulo (USP), com a apresentação de outros projetos de inovação ligados à energia e à água.

Adolescentes criam 'hidrômetro digital' que calcula consumo e ajuda poupar água

 

Do G1

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Dia Mundial do Rim: silenciosa, doença renal crônica atinge 10% da população

Da Agência Brasil

Doenças crônicas nos rins atingem 10% da população / Foto:FreeImagesDoenças crônicas nos rins atingem 10% da populaçãoFoto:FreeImages

A doença renal crônica atinge 10% da população mundial e afeta pessoas de todas as idades e raças. A estimativa é que a enfermidade afete um em cada cinco homens e uma em cada quatro mulheres com idade entre 65 e 74 anos, sendo que metade da população com 75 anos ou mais sofre algum grau da doença. Diante desse cenário, no Dia Mundial do Rim, lembrado nesta quinta-feira (12), a Sociedade Brasileira de Nefrologia defende que a creatinina sérica e a pesquisa de proteína na urina façam parte dos exames médicos anuais.

O risco de doença renal crônica, de acordo com a entidade, deve ser avaliado por meio de oito perguntas: Você tem pressão alta? Você sofre de diabetes mellitus? Há pessoas com doença renal crônica na sua família? Você está acima do peso ideal? Você fuma? Você tem mais de 50 anos? Você tem problema no coração ou nos vasos das pernas (doença cardiovascular)? Se uma das respostas for sim, a orientação é procurar um médico.

Os principais sintomas da doença renal crônica são falta de apetite, cansaço, palidez cutânea, inchaços nas pernas, aumento da pressão arterial, alteração dos hábitos urinários como urinar mais à noite e urina com sangue ou espumosa.

As recomendações das entidades médicas para reduzir o risco ou para evitar que o quadro se agrave incluem manter hábitos alimentares saudáveis, controlar o peso, praticar atividades físicas regularmente, controlar a pressão arterial, beber água, não fumar, não tomar medicamentos sem orientação médica, controlar a glicemia quando houver histórico na família e avaliar regularmente a função dos rins em casos de diabetes, hipertensão arterial, obesidade, doença cardiovascular e histórico de doença renal crônica na família.

Dados da Sociedade Brasileira de Nefrologia indicam que 100 mil pessoas fazem diálise no Brasil. Atualmente, existem 750 unidades cadastradas no país, sendo 35 apenas na cidade de São Paulo. Os números mostram ainda que 70% dos pacientes que fazem diálise descobrem a doença tardiamente. A taxa de mortalidade para quem enfrenta o tratamento é 15%.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Tecnologia: Telescópio chileno revela constelação a 4 mil anos luz da Terra

Foto: Divulgação.

O Observatório Paranal, no Chile, conseguiu captar uma imagem da constelação austral de Ara (“O Altar”), que fica a 4 mil anos luz da Terra. Esta é a foto mais detalhada tirada desta parte do céu até hoje.

O Observatório Europeu Austral (ESO) usou 500 fotos individuais de um intervalo de tempo de 56 horas para compor a imagem divulgada.

O centro da imagem tem cerca de 30 estrelas brilhantes que dá o formato de coração à associação conhecida como Ara OB1. As duas estrelas mais brilhantes são gigantes muito quentes que, juntas, são a fonte principal de iluminação da nebulosa mais próxima, a NGC 6188.

O mais interessante da descoberta foi a revelação de que a radiação ultravioleta e os ventos estelares das estrelas de NGC 6193 “podem estar desencadeando” o nascimento de uma próxima formação estelar a partir das nuvens de gás e poeiras circundantes, segundo informou a ESO.

A formação de estrelas é um processo muito ineficiente, já que só cerca de 10% do material contribui para o processo e o resto se espalha pelo espaço”, disse o órgão, citado pela EFE.

 

 

MundoBit

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Vênus tem superfície revelada em imagens de alta definição

Foto: Divulgação.

Cientistas conseguiram fazer as mais incríveis e nítidas imagens de Vênus já feitas. E tudo isso foi feito a partir da superfície terrester. Foram usados o Green Bank Telescope (GBT) da National Science Foundation (NSF) e o transmissor de radar no Observatório de Arecibo, um dos maiores do mundo.

Vênus sempre é vista com uma espessa camada de nuvens feitas de dióxido de carbono em sua maioria. Agora foi possível descobrir imagens detalhadas da superfície do planeta. Os cientistas poderão detectar mudanças geológicas e sinais de atividade vulcânica.

Também será possível verificar a evolução da superfície do planeta comparando com outras imagens do planeta feitas pela primeira vez em 1988 e em 2012.

 

 

MundoBit

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Avião Solar Impulse 2 chega à Índia

No total, o avião percorrerá 35.000 km a uma velocidade relativamente modesta (entre 50 e 100 km/h) e sobrevoará dois oceanos, Pacífico e Atlântico / Foto: FABRICE COFFRINI / AFP

No total, o avião percorrerá 35.000 km a uma velocidade relativamente modesta (entre 50 e 100 km/h) e sobrevoará dois oceanos, Pacífico e Atlântico

Foto: FABRICE COFFRINI / AFP

O avião Solar Impulse 2 (SI2) aterrissou nesta terça-feira em Ahmedabad, no oeste da Índia, completando a segunda etapa de uma volta ao mundo sem precedentes, que tem por objetivo promover o uso das energias renováveis.

A aeronave, que funciona exclusivamente com energia solar, pousou na maior cidade do estado de Gujarat (oeste) às 23H25, após pouco menos de 16 horas de voo a partir de Mascate, a capital de Omã, onde completou na segunda-feira a primeira etapa da missão.

O suíço Bertrand Piccard, que pilotou o avião neste segundo voo, escreveu em seu Twitter: “Quando relaxo, respiro tão lentamente que o alarme do cockpit é ativado”.

“EmBoaHora para @bertrandpiccard do Controle da Missão” escreveu sua equipe em terra no momento da aterrissagem.

Piccard substitui no cockpit seu companheiro André Borschberg, que concluiu na segunda-feira a primeira etapa da volta ao mundo, após 13 horas e dois minutos entre Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, e Mascate.

O avião permanecerá em Ahmedabad por quatro dias, para uma série de eventos “sobre a energia renovável e o desenvolvimento sustentável”, indicou a embaixada da Suíça.

No total, o avião percorrerá 35.000 km a uma velocidade relativamente modesta (entre 50 e 100 km/h) e sobrevoará dois oceanos, Pacífico e Atlântico.

A viagem, a 8.500 metros de altitude no máximo, vai durar cinco meses, sendo 25 dias de voo efetivo, antes de aterrissar novamente em Abu Dhabi no final de julho ou início de agosto.

 

Da AFP

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Twitter compra app para transmissão ao vivo de vídeos do celular, diz site

Periscope, empresa que teria sido comprada pelo Twitter por causa do seu app de streaming (Foto: Divulgação)

Periscope, empresa que teria sido comprada pelo Twitter por causa do seu app de streaming (Foto: Divulgação)

O Twitter comprou no mês passado a startup Periscope, responsável por desenvolver um app capaz de transmitir ao vivo vídeos do celular. As informações são do site Business Insider, que cita fontes familiarizadas com o assunto.

Segundo o Business Insider, a fonte ouvida se recusou a confirmar o valor da negociação. Mas segundo investidores, ela pode girar entre US$ 50 milhões e US$ 100 milhões.

Atualmente, o Periscope está em fase fechada de testes e sem lançamento público definido.

O Business Insider afirma ainda que o Twitter pode estar reticente em confirmar a aquisição da Periscope porque, recentemente, um app similar foi lançado e bombou nas redes sociais. É o Meerkat, que avisa pelo Twitter quando o usuário está transmitindo vídeos ao vivo do seu smartphone.

A compra de um app como o Periscope não é a única empreitada recente do Twitter em vídeos. Em janeiro, a empresa anunciou um recurso que permite a gravação e edição de vídeos diretamente pelo aplicativo do microblog.

Do G1, em São Paulo

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Novo recurso de chamadas do WhatsApp vira isca para golpes

Whatsapp - ilustrativa ok (Foto: Adelmo Paixão Neto/G1)

Recurso de chamadas do WhatsApp tem sido usado para disseminar fraude.

Mensagens que prometem ativar o recurso de chamadas no WhatsApp são falsas, alertaram a empresa de segurança Panda Security e o site de tecnologia Softonic. O link da mensagem leva para um site que obriga o usuário a “convidar 10 amigos”, o que na prática apenas dissemina a mensagem para mais pessoas.

O usuário ainda é convidado a enviar informações para supostas pesquisas, que são pagas e permitem que os golpistas faturem com a fraude, que circula pelo menos desde quinta-feira (5).

O site, disponível no endereço “WhatsappCalling [ponto] com”, dá os “parabéns” para o visitante por ter sido convidado a testar as chamadas do WhatsApp. No entanto, mesmo depois de realizar todos os passos solicitados, a função de chamadas não será ativada no aplicativo.

O novo recurso ainda está em teste e disponível para apenas alguns usuários do comunicador. A recomendação é ignorar as mensagens.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.