Carro elétrico com bateria de sal poderá ser realidade no Brasil

Empresas nacionais e estrangeiras estão desenvolvendo o primeiro carro elétrico com bateria 100% brasileira. De acordo com a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), que investe no projeto, o veículo terá um diferencial das demais iniciativas: uma bateria feita com sódio. As informações são da Finep.

Para os desenvolvedores, esse tipo de bateria é mais leve do que as de chumbo e mais adequada ao clima tropical. Além disso, poderá ser usada para armazenar energia de fontes renováveis. A primeira fase do carro deve ser finalizada em 2014 após estudos aprofundados sobre o grau de poluição/descarte e reciclagem posterior da bateria.

A abundância de matéria-prima é uma das vantagens do projeto. “A fonte do sódio nada mais é do que sal de cozinha. As baterias de lítio ou chumbo são muito agressivas à natureza. o veículo elétrico em si não polui o planeta, mas precisamos olhar todo o ciclo. Inclusive pensar no que vai acontecer quando o carro for descartado. o processo de reciclagem de uma bateria de sódio, por exemplo, é simples e barato ?” afirma o engenheiro Celso Novais, chefe da Assessoria de Mobilidade Elétrica Sustentável e responsável pela coordenação do projeto na Itaipu Binacional.

Apesar da bateria ser totalmente nacional, com concepção da Itaipu Binacional, a produção do veículo é o resultado da parceria entre empresas nacionais e estrangeiras. [Via EBC]

 

 

 

 

Mundo Bit

Foto: Itaipu/Divulgação

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

PS4 pode chegar sem principais recursos no Brasil, diz gerente da Sony

O novo videogame da Sony, o PS4, pode chegar ao Brasil sem suas principais funções anunciadas no último dia 20. Segundo Mark Stanley, gerente da Sony na América Latina, recursos como jogar enquanto faz download e transmissão de partidas ao vivo podem não estar disponíveis.

Ele disse que o maior entrave é base necessária para viabilizar a tecnologia, como disse em entrevista à Info. “Não podemos garantir que os serviços anunciados no PS4 funcionarão na América Latina. O objetivo é lançar o PS4 no Brasil no mesmo dia que ele sair nos Estados Unidos”, explicou.

O atual PS3 ainda será prioridade da Sony para o Brasil em 2013.

O presidente da Sony Worldwide Studios, Shudei Yoshida, disse que os jogos do PS4 vendidos em cópia física, também serão disponibilizados online. “Nós estamos direcionando nossa plataforma cada vez mais para o lado digital – o PS4 será similar ao PS Vita no qual todo jogo estará disponível para download e também em disco”, afirmou. [Via Info]

 

 

Mundo Bit

Foto: AFP

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Chega ao fim o serviço de email Hotmail da Microsoft

Após 16 anos, a Microsoft decidiu por um ponto final no serviço de email Hotmail. Segundo o comunicado oficial da empresa, a partir de hoje, todos os usuários do Hotmail serão migrados gradualmente para o Outlook.com. A empresa afirma que todos os dados, incluindo endereços, senhas e contatos, serão levados de forma automática para o novo serviço.

O Hotmail antes de se chamar Live Hotmail. Imagem: Microsoft/Reprodução
O Hotmail antes de se chamar Live Hotmail. Imagem: Microsoft/Reprodução

Após o lançamento, no ano passado, o Outlook.com conseguiu ser o email de maior crescimento em número de usuários do mundo, segundo a empresa, pulando de zero para 60 milhões, em apenas seis meses. Agora, com a união das plataformas, o serviço deve contabilizar cerca de 345 milhões de usuários, levando-se em conta o último relatório da ComScore, que apontava que o Hotmail tem 285 milhões de usuários. Assim, vai ultrapassar o Gmail, que de acordo com o mesmo estudo, tem 287 milhões de cadastrados. Claro que devem ser descontados aqueles que tem email tanto no Outlook.com quanto no Hotmail.

O Outlook.com tem integração com o Skype. Imagem: Microsoft/Reprodução
O Outlook.com tem integração com o Skype. Imagem: Microsoft/Reprodução

O Outlook.com tem algumas características que ficaram escondidas — ou difíceis de achar — no Hotmail. Além de uma interface mais limpa e moderna, ele permite compartilhar por meio do SkyDrive qualquer arquivo que exceda os limites de anexo, além de ter boas ferramentas para o controle da privacidade. Há ainda a vantagem de ser mais rápido.

Para quem não quer esperar a transição gradual, basta entrar no site Outlook.com e fazer o login com os mesmos dados que utiliza no Hotmail.

Em tempo

A Microsoft tem feito vários ataques ao Gmail. Segundo a empresa, o serviço do Google analisa seus emails e exibe propaganda direcionada. No entanto, para quem utiliza o Gmail há mais tempo sabe que isso é feito de forma automática, não há ninguém lendo os seus e-mails.

A empresa comandada por Steve Ballmer pede aos usuários que assinem uma petição contra o Gmail. No entanto, como mostra o site Marketing Land , pouco menos de 6 mil pessoas assinaram o pedido. Segundo a página, vai demorar, pelo menos, dois meses para a companhia atingir o objetivo.

 

 

Pernambuco.com

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Facebook é processado por causa do botão Curtir

O grupo holandês Rembrandt Social Media LP está processando o Facebook por causa do botão “curtir”. Segundo a empresa, o botão foi criado pelo designer holandês Van Der Meer em 1988 e usado no diário social Surfbook.

Van Der Meer morreu, e por isso o grupo Rembrandt, dono do Surfbook e suas patentes, decidiu apenas agora processar o Facebook por infração de propriedade intelectual, como informou a revista Exame. “Nós acreditamos que as patentes do grupo Rembrandt representam uma base importante para as mídias sociais como as conhecemos hoje. Esperamos que o juiz e júri possa chegar à mesma conclusão baseado em nossas provas”, disse a empresa em comunicado.

Já no Facebook, quem criou o botão curtir foi o engenheiro Aaron Sittig, que deixou a empresa em janeiro deste ano. A empresa de Mark Zuckerberg ainda não se pronunciou sobre o assunto.

 

 

Mundo Bit

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Brasil nega à Apple o registro da marca iPhone no País

O Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) negou nesta quarta-feira (13) à americana Apple o pedido de registro da marca iPhone para telefones celulares no Brasil, que já havia sido reconhecida no país à empresa Gradiente.

“O INPI negou o registro da marca iPhone à Apple para seus telefones celulares”, informou à AFP o departamento de imprensa do instituto. A decisão foi publicada oficialmente nesta quarta-feira pelo INPI.

A Apple fez o pedido de registro para o uso da marca com exclusividade no Brasil em 2007, quando lançou o popular aparelho.

Mas a brasileira Gradiente havia pedido o registro da marca “Gradiente iphone” em 2000, e ele foi concedido em 2008.

O INPI Também informou que a Apple apresentou um pedido para anular a marca iphone da Gradiente “alegando caducidade”, com o argumento de que a empresa brasileira não a utilizou nos cinco anos de prazo que tem para isso.

No fim do ano passado, a Gradiente surpreendeu o mercado ao lançar um telefone com o nome “Gradiente iphone”, o que levantou a polêmica e acelerou uma decisão do registro de marcas.

Os principais critérios para conceder direito a uso de marca são evitar confundir o consumidor (ou seja, que duas empresas usem o mesmo nome ou uma nomenclatura muito parecida para um mesmo produto) e quem chega primeiro, disse o INPI.

A decisão não tira da Apple o direito de comercializar seus aparelhos no Brasil com o nome iPhone, “porque o INPI não tem interferência na comercialização”, mas concede à brasileira Gradiente a possibilidade de exigir esta exclusividade na justiça, disse o instituto.

Nos Estados Unidos, a gigante americana Apple chegou a um acordo amistoso com a Cisco em 2007 sobre a utilização da marca iPhone, cujos direitos foram obtidos pela segunda em 2000.

 

Fonte: AFP

Foto: internet

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

EUA planeja oferecer wi-fi gratuito para todo o país

O governo dos EUA está planejando oferecer acesso gratuito à internet sem fio (Wi-fi) em todo o país, de acordo com o jornal El País. A iniciativa, proposta pela Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em Inglês) em setembro de 2012, que ainda deve ser aprovada pelo Congresso, tem o apoio de gigantes da tecnologia como Google e Microsoft, que consideram o projeto como uma oportunidade para o desenvolvimento de novos equipamentos e tecnologia, afirmou o jornal. No entanto, o projeto despertou suspeitas do setor de telefonia móvel, que teme perder competitividade, além de acreditar que suas redes possam ficar congestionadas,

De acordo com o El País, a FCC já começou a liberar bandas de frequência para a emissão do sinal de wi-fi. Segundo a proposta, as emissoras de TV locais deverão vender algumas de suas ondas de frequências para o governo, de modo que os EUA possam usá-las como parte do acesso à internet sem fio. Por enquanto, as emissoras não têm falado sobre esta nova exigência, afirmou o jornal.

As frequências que o governo quer liberar são muito mais potentes do que as oferecidas atualmente para uso doméstico e tem um alcance muito mais amplo.

 

 

Fonte: Agência Estado

Foto: Ilustração Internet

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Desenvolvedores de Alagoas criam app que traduz português para linguagem de sinais

Um aplicativo para smartphones, capaz de traduzir o português para a Língua Brasileira de Sinais (Libras) venceu o prêmio WSA-Mobile, prêmio internacional promovido pelas Organizações das Nações Unidas (ONU) que contempla projetos com melhores conteúdos e aplicativos on-line em diversas categorias. Os sócios Ronaldo Tenório, Carlos Wanderlan e Thadeu Luz viajaram no último sábado (02) para Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, onde aconteceu a entrega do prêmio. Cerca de 500 aplicativos do mundo todo concorreram na categoria “Inclusão Social”.

O programa, criado por três brasileiros de Alagoas, na região nordeste do país, é capaz de traduzir para a linguagem gestual, em tempo real, tanto mensagem de texto, como áudio (voz) e deve estar disponível gratuiramente a partir de agosto.

alagoas

Conhecido como “Hand Talk” (mãos que falam em tradução livre), o programa conta com um avatar, batizado de “Hugo” (espécie de personagem animado), que aparece na tela fazendo os sinais, após a mensagem ser digitada ou apenas falada, próxima ao aparelho. De acordo com a página oficial dos criadores, o processo de desenvolvimento do software ainda está em andamento e trata-se de uma adaptação muito “minuciosa”, uma vez que pequenos detalhes, com a expressão facial de Hugo podem fazer diferença no sentido da mensagem.

No vídeo de apresentação, os sócios sugerem que o software poderá ser usado ainda ao lado de notícias de texto publicadas na Internet, para ajudar no entendimento e transmissão de conhecimento aos surdos-mudos no Brasil. Como a Linguagem Brasileira de Sinais possui uma estrutura gramatical própria, parte da comunidade surda não chega a aprender textos em português.

Mais votado

O aplicativo brasileiro concorre na categoria de inclusão social e empoderamento com outros quatro projetos de Portugal, Alemanha, Equador e Japão e foi o mais votado entre os 40 finalistas na etapa online. A votação online é um dos 3 critérios para a decisão final do melhor aplicativo do mundo que será definido no evento realizado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, entre os dias 3 a 5 de fevereiro. Ao todo, 435 projetos de 102 países foram inscritos no prêmio.

 

Da EBC com informações da Agência Lusa

Foto: Divulgação

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Tribunal rejeita pedido da Apple no caso com a Samsung

A tentativa da Apple para acelerar o seu pedido de apelação pela proibição de vendas de uma série de smartphones da Samsung foi rejeitada nesta segunda-feira (4), prejudicando ainda mais a proposta da empresa para criar uma liminar permanente contra uma série de dispositivos que supostamente infringiram patentes da Apple.

Na segunda-feira, o Tribunal de Apelações, em Washington, recusou o pedido da Apple para acelerar a seu pedido de apelação alegando que a empresa deve, em primeiro lugar, apresentar o seu caso a um painel de três juízes que deverá decidir se o caso merece a atenção de um tribunal completo.

A decisão do Tribunal de Apelação foi uma derrota para a Apple, que vem buscando essa proibição desde agosto de 2012, quando ganhou uma compensação de US$ 1,05 bilhão definida por júri popular contra a Samsung em um tribunal da Califórnia. Cada atraso como este permite que os dispositivos que supostamente violaram as patentes continuem no mercado e dá Samsung mais tempo para desenvolver novos dispositivos que não entrarão em conflito com a propriedade intelectual da Apple.

 

 

Fonte: Agência Estado

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Twitter atingido por ataque cibernético

A rede social Twitter informou na sexta-feira (1°) que estava sendo afetada por um “sofisticado” ataque cibernético, similar aos que atingiram nos últimos dias grandes jornais da costa leste dos Estados Unidos, e que as senhas de cerca de 250.000 usuários haviam sido roubadas.

“Este ataque não foi obra de internautas normais, e não acreditamos que tenha sido um incidente isolado”, disse o diretor de segurança de informação do Twitter, Bob Lord, em um post em seu blog.

Lord se referiu a “ataques à segurança em grande escala contra o setor de tecnologia e empresas de comunicação americanas”, e informou que o Twitter havia detectado esta semana tentativas de obter acesso não autorizado a dados da rede social.

O ataque coincidiu com a revelação de várias violações da segurança de grandes empresas de jornalismo. Os jornais The New York Times e The Wall Street Journal anunciaram esta semana que tinham sido ‘hackeados’ da China.

O Twitter não confirmou a procedência do ataque.

Como medida de precaução, a rede social invalidou senhas e enviou mensagens de e-mail às pessoas afetadas para que criassem novas para que pudessem utilizar suas contas.

 

 

 

Fonte: AFP

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Apple perde o direito do nome “iPhone” para a Gradiente

A Apple não poderá mais usar o nome “iPhone” no Brasil nos seus celulares ou produtos ligados à telefonia móvel. A decisão foi dita pelo Instituto Nacional de Propriedade Intelectual, que deu vitória à brasileira Gradiente, empresa que é dona do nome desde 2008, após processo que durou oito anos.

As informações foram divulgadas pelo jornal O Globo, que teve acesso à decisão do INPI. A rejeição aos pedidos da Apple para uso da marca será publicada na próxima segunda-feira (5), na Revista da Propriedade Intelectual, editada pelo INPI.

Não é possível saber quais solicitações da Apple serão negados, mas segundo O Globo, todos que remetem à celulares terão rejeição, como “dispositivos eletrônicos digitais móveis”, “projetos de desenvolvimento de hardware”, “computador e periférico” e o aplicativo “find my iPhone”.

gradiente
Matéria do Estadão mostrava o “iphone” da Gradiente

Os pedidos da Apple foram feitos em 2006, 2007, 2010 e 2011. Segundo o site Olhar Digital, a empresa tinha recebido o direito de usar o nome em “artigos de vestuário, calçados e chapelaria”, mas o INPI ainda não tinha concluído o julgamento sobre categorias móveis.

A Apple ainda pode recorrer. A polêmica toda começou em dezembro quando a Gradiente – após um período em que ficou fora do mercado – anunciou o lançamento de um celular chamado “Gradiente iphone”. Ela surpreendeu o mercado ao anunciar que tinha direito sobre o nome.

iphone_gradiente_texto

 

Mundo Bit

Foto: Reprodução

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.