EUA planeja oferecer wi-fi gratuito para todo o país

O governo dos EUA está planejando oferecer acesso gratuito à internet sem fio (Wi-fi) em todo o país, de acordo com o jornal El País. A iniciativa, proposta pela Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em Inglês) em setembro de 2012, que ainda deve ser aprovada pelo Congresso, tem o apoio de gigantes da tecnologia como Google e Microsoft, que consideram o projeto como uma oportunidade para o desenvolvimento de novos equipamentos e tecnologia, afirmou o jornal. No entanto, o projeto despertou suspeitas do setor de telefonia móvel, que teme perder competitividade, além de acreditar que suas redes possam ficar congestionadas,

De acordo com o El País, a FCC já começou a liberar bandas de frequência para a emissão do sinal de wi-fi. Segundo a proposta, as emissoras de TV locais deverão vender algumas de suas ondas de frequências para o governo, de modo que os EUA possam usá-las como parte do acesso à internet sem fio. Por enquanto, as emissoras não têm falado sobre esta nova exigência, afirmou o jornal.

As frequências que o governo quer liberar são muito mais potentes do que as oferecidas atualmente para uso doméstico e tem um alcance muito mais amplo.

 

 

Fonte: Agência Estado

Foto: Ilustração Internet

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Desenvolvedores de Alagoas criam app que traduz português para linguagem de sinais

Um aplicativo para smartphones, capaz de traduzir o português para a Língua Brasileira de Sinais (Libras) venceu o prêmio WSA-Mobile, prêmio internacional promovido pelas Organizações das Nações Unidas (ONU) que contempla projetos com melhores conteúdos e aplicativos on-line em diversas categorias. Os sócios Ronaldo Tenório, Carlos Wanderlan e Thadeu Luz viajaram no último sábado (02) para Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, onde aconteceu a entrega do prêmio. Cerca de 500 aplicativos do mundo todo concorreram na categoria “Inclusão Social”.

O programa, criado por três brasileiros de Alagoas, na região nordeste do país, é capaz de traduzir para a linguagem gestual, em tempo real, tanto mensagem de texto, como áudio (voz) e deve estar disponível gratuiramente a partir de agosto.

alagoas

Conhecido como “Hand Talk” (mãos que falam em tradução livre), o programa conta com um avatar, batizado de “Hugo” (espécie de personagem animado), que aparece na tela fazendo os sinais, após a mensagem ser digitada ou apenas falada, próxima ao aparelho. De acordo com a página oficial dos criadores, o processo de desenvolvimento do software ainda está em andamento e trata-se de uma adaptação muito “minuciosa”, uma vez que pequenos detalhes, com a expressão facial de Hugo podem fazer diferença no sentido da mensagem.

No vídeo de apresentação, os sócios sugerem que o software poderá ser usado ainda ao lado de notícias de texto publicadas na Internet, para ajudar no entendimento e transmissão de conhecimento aos surdos-mudos no Brasil. Como a Linguagem Brasileira de Sinais possui uma estrutura gramatical própria, parte da comunidade surda não chega a aprender textos em português.

Mais votado

O aplicativo brasileiro concorre na categoria de inclusão social e empoderamento com outros quatro projetos de Portugal, Alemanha, Equador e Japão e foi o mais votado entre os 40 finalistas na etapa online. A votação online é um dos 3 critérios para a decisão final do melhor aplicativo do mundo que será definido no evento realizado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, entre os dias 3 a 5 de fevereiro. Ao todo, 435 projetos de 102 países foram inscritos no prêmio.

 

Da EBC com informações da Agência Lusa

Foto: Divulgação

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Tribunal rejeita pedido da Apple no caso com a Samsung

A tentativa da Apple para acelerar o seu pedido de apelação pela proibição de vendas de uma série de smartphones da Samsung foi rejeitada nesta segunda-feira (4), prejudicando ainda mais a proposta da empresa para criar uma liminar permanente contra uma série de dispositivos que supostamente infringiram patentes da Apple.

Na segunda-feira, o Tribunal de Apelações, em Washington, recusou o pedido da Apple para acelerar a seu pedido de apelação alegando que a empresa deve, em primeiro lugar, apresentar o seu caso a um painel de três juízes que deverá decidir se o caso merece a atenção de um tribunal completo.

A decisão do Tribunal de Apelação foi uma derrota para a Apple, que vem buscando essa proibição desde agosto de 2012, quando ganhou uma compensação de US$ 1,05 bilhão definida por júri popular contra a Samsung em um tribunal da Califórnia. Cada atraso como este permite que os dispositivos que supostamente violaram as patentes continuem no mercado e dá Samsung mais tempo para desenvolver novos dispositivos que não entrarão em conflito com a propriedade intelectual da Apple.

 

 

Fonte: Agência Estado

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Twitter atingido por ataque cibernético

A rede social Twitter informou na sexta-feira (1°) que estava sendo afetada por um “sofisticado” ataque cibernético, similar aos que atingiram nos últimos dias grandes jornais da costa leste dos Estados Unidos, e que as senhas de cerca de 250.000 usuários haviam sido roubadas.

“Este ataque não foi obra de internautas normais, e não acreditamos que tenha sido um incidente isolado”, disse o diretor de segurança de informação do Twitter, Bob Lord, em um post em seu blog.

Lord se referiu a “ataques à segurança em grande escala contra o setor de tecnologia e empresas de comunicação americanas”, e informou que o Twitter havia detectado esta semana tentativas de obter acesso não autorizado a dados da rede social.

O ataque coincidiu com a revelação de várias violações da segurança de grandes empresas de jornalismo. Os jornais The New York Times e The Wall Street Journal anunciaram esta semana que tinham sido ‘hackeados’ da China.

O Twitter não confirmou a procedência do ataque.

Como medida de precaução, a rede social invalidou senhas e enviou mensagens de e-mail às pessoas afetadas para que criassem novas para que pudessem utilizar suas contas.

 

 

 

Fonte: AFP

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Apple perde o direito do nome “iPhone” para a Gradiente

A Apple não poderá mais usar o nome “iPhone” no Brasil nos seus celulares ou produtos ligados à telefonia móvel. A decisão foi dita pelo Instituto Nacional de Propriedade Intelectual, que deu vitória à brasileira Gradiente, empresa que é dona do nome desde 2008, após processo que durou oito anos.

As informações foram divulgadas pelo jornal O Globo, que teve acesso à decisão do INPI. A rejeição aos pedidos da Apple para uso da marca será publicada na próxima segunda-feira (5), na Revista da Propriedade Intelectual, editada pelo INPI.

Não é possível saber quais solicitações da Apple serão negados, mas segundo O Globo, todos que remetem à celulares terão rejeição, como “dispositivos eletrônicos digitais móveis”, “projetos de desenvolvimento de hardware”, “computador e periférico” e o aplicativo “find my iPhone”.

gradiente
Matéria do Estadão mostrava o “iphone” da Gradiente

Os pedidos da Apple foram feitos em 2006, 2007, 2010 e 2011. Segundo o site Olhar Digital, a empresa tinha recebido o direito de usar o nome em “artigos de vestuário, calçados e chapelaria”, mas o INPI ainda não tinha concluído o julgamento sobre categorias móveis.

A Apple ainda pode recorrer. A polêmica toda começou em dezembro quando a Gradiente – após um período em que ficou fora do mercado – anunciou o lançamento de um celular chamado “Gradiente iphone”. Ela surpreendeu o mercado ao anunciar que tinha direito sobre o nome.

iphone_gradiente_texto

 

Mundo Bit

Foto: Reprodução

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Mega remove arquivos piratas em menos de 48 horas

O Mega está sendo um bom amigo dos detentores de direitos autorais nestes primeiros dias. A LeakID, uma companhia que trabalha no desenvolvimento de soluções antipirataria, fez um teste e enviou uma série de solicitações para que o Mega removesse arquivos piratas que estavam sendo distribuídos pelo serviço. Teste concluído com sucesso: eles foram removidos em menos de 48 horas.

 

A francesa LeakID possui um sistema de busca chamado LeakSearch, que procura automaticamente por arquivos piratas em redes P2P e sites de compartilhamento de arquivos, incluindo o Mega. Em nome da Citel Video, a LeakID solicitou que o Mega removesse cinco episódios da série Naruto. Dois dias depois, os arquivos ficaram inacessíveis no Mega, de acordo com a Numerama.

Arquivo removido do Mega após solicitação da LeakID

Arquivo removido do Mega após solicitação da LeakID

Segundo Kim Dotcom, 500 uploads são completados a cada segundo no Mega, o que dá mais de 40 milhões de novos arquivos por dia. O TorrentFreak diz que o Mega ainda está bem longe do Dropbox, onde mais de 1 bilhão de arquivos são enviados a cada 24 horas. Mesmo assim, não dá para negar que o Mega está indo muito bem para um site com apenas nove dias de vida. Até o momento, foram apenas 50 solicitações de remoção de conteúdo.

O Megaupload também removia arquivos piratas de seus servidores, mas a quantidade de dados enviados era tanta que, invariavelmente, muitos deles continuavam sendo distribuídos. No caso do Mega, há mais um problema: como todos os arquivos são criptografados, não há como saber se um arquivo é ilegal sem a chave de criptografia. Provavelmente, ao solicitar a remoção de um conteúdo, a empresa também deverá informar essa chave para que o Mega faça a verificação. Se o Mega remover dados mesmo sem checá-los, então é melhor tomar cuidado antes de nomear um arquivo para não ter problemas.

Fonte: http://tecnoblog.net

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

iPhone 5 está em falta no Brasil

O iPhone 5 não está sendo encontrado em muitas lojas do Brasil. O aparelho da Apple, que custa cerca de R$ 2,5 mil desbloqueado, está sendo muito procurado e as empresas estão demorando a repor seus estoques.

Uma matéria do G1 mostrou que o telefone pode estar esgotado no País. Entre as quatro maiores operadoras, apenas a Tim afirmou não ter mais o aparelho em lojas. Claro, Vivo e Oi disseram que existe uma grande procura, mas que estão reabastecendo as lojas conforme necessidade.

Procuramos pelo telefone em lojas dos shoppings Recife e Tacaruna e também tivemos dificuldade em encontrar o iPhone. No início desta semana, as lojas das quatro operadoras estavam sem iPhone 5 em estoque.

 

 

 

Mundo Bit

Foto; Divulgação

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Intel vai encerrar produção de placas-mãe para PCs até 2016

A tendência que avisa sobre o fim do PC começa a ficar cada vez mais real. A Intel anunciou um prazo para parar com a produção de placas-mãe para PCs. O processo será concluído em 2016.

Até lá, a empresa vai diminuir a fabricação das placas até encerrar a produção por completo em 2016. Com isso, a Intel irá focar seu segmento de Ultrabooks, notebooks mais finos com foco em velocidade. [Via VentureBeat]

 

Mundo Bit

Foto: Foto: Reprodução via MtrcServices

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Mozilla anuncia primeiros smartphones com sistema operacional Firefox

A Mozilla anunciou os primeiros modelos de smartphones com o sistema operacional Firefox OS. Ainda não há previsão de chegada ao mercado.

O primeiro, de codinome Keon, tem tela sensível ao toque, 3,5 polegadas e resolução de 480×320 pixels. O processador vem com núcleo Snapdragon S1 de 1GHz, 512 MB de RAM, 4GB de espaço, Wifi e câmera de 3 megapixels.

O segundo, o Peak, é um pouco melhor, com tela touchscreen de 4,3 polegadas, resolução de 960×540, processador Snapdragon S4, câmera traseira de 8 megapixels, dianteira de 2 megapixels, memória RAM de 512 MB e 4GB de espaço.

Como é possível perceber, os smartphones são voltados para o mercado de baixo custo, com configurações razoáveis. No Brasil, a operadora parceira para o lançamento será o grupo Telefônica.

O sistema operacional será em código aberto, com aplicativos construídos em HTML5, CSS3 e Javascript. [Via INFO]

 

 

 

Mundo Bit

Foto: Divulgação

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Microsoft anuncia Surface com Windows 8 para fevereiro

A Microsoft anunciou o seu tablet Surface com Windows 8 Pro para o dia 9 de fevereiro , nos EUA e Canadá, por US$ 899. Até agora, a versão do aparelho à venda tinha apenas o Windows RT, que é um sistema mais limitado.

Ainda não há previsão de quando o aparelho chega por aqui, mas há expectativa que algo seja dito durante evento secreto que a Microsoft planeja em São Paulo semana que vem. Além do Surface, esse evento poderia também anunciar o Office 2013.

O Surface Windows 8 Pro será vendido com as opções 64 Gbytes ou 128 Gbytes de armazenamento e processador Intel Core i5 de terceira geração. Tem memória de 4Gb de RAM, porta USB 3.0, entrada para cartão microSD, resolução de 1920×1080 pixels (portanto, full HD) e 910 gramas de peso (o iPad, por comparação tem 662 g).

A principal diferença é que este Surface com Windows 8 não tem a famosa capa Type Cover, pela qual o aparelho ficou conhecido. Será necessário comprar como um acessório separadamente, por US$ 130. [Via Folha,WinRumours]

 

 

Mundo Bit

Foto: Divulgação

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

contato@encartenoticias.com
jencartnoticias@gmail.com