Faculdade vai construir campus em Pesqueira

19iiiiiiweifwefwrge5t4y4yh4hiiiiiiihi4h_05-16-2014O Instituto Superior de Educação de Pesqueira (ISEP) e o CENSG – Colégio e Curso Nossa Senhora das Graças confirmaram o investimento de mais de R$ 6 milhões na construção da sede própria, às margens da BR-232, na altura do quilômetro 216, no agreste pernambucano. O ISEP comprou uma área de 40 mil metros quadrados, onde funcionava o BNB Club, para a construção do futuro campus da faculdade. “Esta aquisição mostra o quanto o ISEP acredita no potencial de Pesqueira e região agreste”, explicou o diretor da instituição, Luiz Henrique Diniz.

O complexo educacional será implantado numa área estratégica, com acesso privilegiado para vários municípios da região. Quando concluído, o prédio contará com quatro pavimentos, dois elevadores, mais de 40 dependências e toda estrutura para comportar seus milhares de alunos em diversos cursos presenciais e à distância de graduação, pós e extensão, além dos estudantes da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio, que formam o CENSG. No ensino superior, o ISEP vai atender ainda estudantes de mais de vinte cidades das regiões agreste e sertão de Pernambuco.

As obras do prédio acadêmico, com 26 salas de aula, laboratórios, piscina semiolímpica, praça de alimentação, auditório, ginásio poliesportivo, salão de festas, amplo estacionamento, e de demais dependências para os setores administrativos e apoio educacional, irão atender às necessidades dos quase quatro mil alunos que devem integrar o novo complexo de educação, formado pelo ISEP e pelo Colégio e Curso Nossa Senhora das Graças – CENSG. Na região Nordeste, o ISEP faz parceria com a UNOPAR, oferecendo dezenas de cursos superiores nas mais diversas áreas. A nova sede tem conclusão prevista para o primeiro semestre de 2015. O projeto da nova sede prevê a convivência entre acadêmicos e servidores e soma um grande investimento com recursos próprios e parte financiado pela rede bancária.

O edifício vai abrigar todos os cursos disponíveis no ISEP e os demais em parceria com a Unopar. A intenção, segundo o Diretor do Instituto, Luiz Henrique, é ampliar a oferta de cursos, pós-graduações e especializações, além de cursos de extensão. Para atender às demandas dos cursos e do administrativo, o novo complexo acadêmico terá salas de aula, de desenho, de estudos, de monitoria, da direção, de estar, de reuniões, de professores, auditório com 400 lugares, salão de festas para 600 convidados, laboratórios de informática e pesquisas, almoxarifado, secretaria administrativa, acadêmica, salas de coordenação, da assistência estudantil e biblioteca.

A arquitetura do prédio da futura sede do ISEP e CENSG se preocupa com a sustentabilidade, por isso vai contar com sistema de coleta de água da chuva para uso em sanitários e irrigação de jardins e ventilação cruzada, além de contar com um terraço verde, que será instalado no auditório, no primeiro pavimento. A expansão do ISEP/CENSG vai gerar novos empregos durante as obras e na contratação de mais profissionais de educação e de apoio em toda região.

 

EncartNoticias.com

Foto: Divulgação

Texto: Flávio Jardim

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

1 Pessoa já Comentou

Espingardas e munições são apreendidas em Sairé e indivíduo é detido.

19iiiewiwifiwfiiiri43ii564i64i74i4iigigiegieiiiiieePoliciais civis da Delegacia de Bezerros, em apoio à Delegacia de Sairé apreenderam duas espingardas calibres 36 e 32 e munições, no Distrito de Insurreição, que fica entre os municípios de Bezerros e Gravatá.
As espingardas e munições estavam em posse de um homem de idade não divulgada, que foi autuado em flagrante delito por posse ilegal de arma de fogo.
O mesmo, foi liberado após o pagamento de fiança no valor de R$ 300,00 (trezentos reais), arbitrado pela autoridade policial.
Na mesma ocasião foi recuperado um veículo Pálio Weekend Track, tomado de assalto no município de Caruaru.
EncartNoticias.com
Foto Divulgação Polícia Civil

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Homem invade residência e é detido pelos proprietários 

facadaserkgerigeijrtijrtrrt464De acordo com a Polícia Militar o crime aconteceu na quarta-feira (14).

Segundo a PM, na quarta por volta das 19h00min o agricultor de 19 anos, após ganhar liberdade de salvo conduto temporária foi até a residência da vítima, na Zona Rural de Pesqueira-PE, com visíveis sinais de ter ingerido bebida alcoólica, e invadiu sua casa armado com uma faca peixeira, ameaçando-a de morte.

Ainda segundo a Polícia, a vítima juntamente com a esposa conseguiu deter o invasor, tomar sua faca e acionar a polícia. A vítima afirmou ter sido ameaçado de morte pelo suspeito.

A polícia esteve no local, onde o invasor já se encontrava detido pela vítima com o rosto no solo da casa, com um corte. Foram conduzidos todos os envolvidos para o Platão da Delegacia de Belo Jardim para serem tomadas as medidas cabíveis.

 

EncartNoticias.com

Foto: Ilustração Internet

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Sport perde para o Paysandu por 2×1 no Mangueirão

19iiiiewiifwfiwefffdfdbiiiiiiergePrimeiro para quem só quer saber de Sul-Americana:
O Sport conseguiu seu objetivo de consolidar sua presença na Copa Sul-Americana ao perder para o Paysandu por 2×1 no Mangueirão, na noite desta quinta-feira (15), no Mangueirão, em Belém. Apesar de toda fragilidade dos bicolores, eles conseguiram os gols com os insistentes Pikachu e Marcos Paraná. O Sport acordou durante o breve momento depois de tomar o primeiro gol mas depois correu demais e jogou de menos.

Agora para quem prefere a Copa do Brasil:
O Sport iniciou mal sua arrancada na segunda fase da Copa do Brasil ao perder para o Paysandu por 2×1 no Mangueirão, em Belém, na noite desta quinta-feira (15). O resultado deixa os rubro-negros dependendo de uma vitória por 1×0 no jogo da volta, no longínquo 24 de julho, na Ilha do Retiro. O Papão joga pelo empate ou derrota por um gol de diferença a partir de 3×2 (4×3, 5×4…). Se os pernambucanos devolverem os 2×1 a decisão vai para os pênaltis.

A missão de encaminhar os passaportes para a competição continental mostrou-se árdua para os reservas do Sport, tamanha era a fragilidade do Paysandu. Também poderíamos escrever deficiência técnica de quase todo time. Nem mesmo o outrora carrasco Pikachu conseguiu ser letal. E olhem que ele teve uma chance de ouro logo aos oito minutos. Zé Antônio, um dos poucos que não poderia ser enquadrado no grupo dos abaixo da crítica, cruzou da linha de fundo pelo lado esquerdo. O camisa 10 estava tão livre que nem precisou saltar. Meteu a cabeça na bola, que passou raspando a trave direita de Saulo.

O panorama era o seguinte: o Paysandu atacava quando podia. E sempre podia muito. O Sport atacava quando queria. E sempre queria pouco. O problema é que o Papão não conseguia e o Sport, nitidamente, não queria. Ou, no máximo, queria pouquíssimo. Claro que devemos levar em consideração que os 11 leoninos que entraram em campo pouco treinaram, mas essa dificuldade foi a mesma diante do Brasília, na fase anterior, e, mesmo assim, viu-se velocidade e, principalmente, ambição.

Uma das principais características do time – seja o titular ou o reserva – é o jogo vertical. Desta vez a direção adotada foi a lateral. Nem mesmo nos contra-ataques, os leões tentavam imprimir mais velocidade. Sobre o Paysandu precisa ser dito que forçava demais o jogo pelo lado esquerdo com Jô ou o já citado Zé Antônio, que caía muito pelo lado esquerdo de ataque. Provavelmente instruído pelo técnico Mazola Júnior que o lateral não era lateral. Bileu é volante de origem.

Mas o time paraense errava até não poder mais. Saía jogando certo até porque ninguém era pressionado, ultrapassava bem o meio de campo, também sem pressão. Mas quando chegava perto da área pernambucana era um festival de passes errados. Tanto que depois do erro de pontaria de Pikachu, a segunda, que também seria a última, oportunidade de gol, veio num presente de Ewerton Páscoa a Lima. Ele ficou tão surpreso, que ao chutar, carimbou as costas do companheiro Jô. Por isso, a bola tomou o rumo das nuvens.

A cabeça mal calibrada e timidez ofensiva de Pikachu no primeiro tempo ficaram no vestiário. Uma vez algoz, sempre algoz e logo aos seis minutos ele mostrou que foi só um mau momento. Zé Antônio lançou Lima, que cruzou no segundo pau. Tão livre quanto na primeira chance que teve no jogo, desta vez o herói dos desenhos animados não falhou quando acionado. Mandou de cabeça para as redes, sem apelação.

O gol dos bicolores surtiu o efeito de um choque elétrico nos vermelho e pretos. Partiram para cima, tentaram jogar em velocidade, o que era bem mais fácil de fazer do que o adversário, e nem precisaram de muito esforço. Até porque, como já foi dito no primeiro tempo, o oponente não metia muito medo. Aos nove minutos, Felipe Azevedo tabelou com Neto e chutou forte no canto esquerdo de Paulo Rafael: 1×1.

Mas quem acumulava toda energia, aliás fazendo jus ao homônimo Pokémon, era Pikachu. Como meia ou como ala, sempre dava opção ofensiva. Como precisava vencer, Mazola mandou Marcos Paraná para o lugar do lateral Aírton. O novato teve uma grande chance aos 26. Talvez por ainda estar frio tentou chutar a bola mas acertou o vento. Dois minutos depois a vida deu-lhe uma segunda chance, ainda mais livre que na primeira. Seria esnobar demais da sorte, mas ele não fez isso. Chutou sem chance para Saulo: 2×1.

Foi a vez de Pedro Gama correr risco. Tirou Robert Flores, em mais uma jornada sem aproveitar a chance que teve, para acionar o atacante Sandrinho. Mas quem chegou perto de novo foi Marcos Paraná, definitivamente o maior seguidor do onipresente Pikachu. O garço desta vez foi o centroavante Lima. Na primeira ele furou, na segunda acertou. Na terceira foi a vez de chutar fraco e facilitar a vida de Saulo. O Sport rondou muito, forçou a barra mas gol que é bom, nada.

Ficha do jogo:

Paysandu: Paulo Rafael; Djalma (Ricardo Capanema), Charles, João Paulo e Airton (Marcos Paraná); Augusto Recife, Pablo, Zé Antônio e Yago Pikachu; Lima e Jô (Leandro Carvalho). Técnico: Mazola Júnior.

Sport: Saulo; Bileu, Meza, Ewerton Páscoa e Igor; Ronaldo, Neto (Bruninho), Wendell e Robert Flores (Sandrinho); Felipe Azevedo e Érico Júnior (Joélinton). Técnico: Pedro Gama (interino).

Local: Mangueirão, em Belém-PA. Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF). Assistentes: José Araújo e Daniel Henrique da Silva Andrade (ambos do DF). Gols: Pikachu, aos seis; Felipe Azevedo, aos nove; Marcos Paraná, aos 28 do segundo tempo. Cartões amarelos: Augusto Recife, Zé Antônio, Marcos Paraná, Felipe Azevedo e Érico Júnior.

 

 

 

 

Blog do Torcedor

Foto: Ney Marcondes/VIPCOMM

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Polícia Civil prende 234 pessoas durante período de caos no Recife

A Polícia Civil divulgou balanço da segurança feita no Grande Recife durante período de paralisação da Polícia Militar, encerrada na noite desta quinta-feira (15), após três dias de mobilização. Foram detidas 234 pessoas e autuadas 102 – a maioria por envolvimento em furtos, roubos, perturbação do sossego, porte ilegal de armas e danos à propriedade.

O reforço na segurança ocorreu desde a noite dessa quarta-feira (14), onde foram envolvidos 180 policias civis e 59 viaturas. A operação também contou com o apoio da Companhia Independente de Operações na Caatinga (Ciosac) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

 

 

NE10

Foto: JC Imagem

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Pernambuco registra 27 homicídios desde que começou a greve da PM

Foram registrados 27 homicídios em todo o Estado de Pernambuco desde o início da greve dos policiais militares nessa terça-feira (13) até o fim da mobilização, anunciada na noite desta quinta-feira (15). Os dados foram divulgados pelo chefe da Polícia Civil de Pernambuco, Osvaldo Morais, durante uma coletiva para a imprensa. O governador João Lyra Neto e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, estavam presentes no encontro.

Dois destes homicídios aconteceram nesta quinta-feira (15). No bairro do Pina, Zona Sul do Recife, um homem foi baleado por rapazes em um moto em plena Avenida Domingos Ferreira, durante a tarde. Ferido, Gilvam da Silva, de 31 anos, correu em direção à Favela do Bode, onde faleceu.

Flagra feito pela JC Imagem (imagem acima) mostrou moradores da localidade arrastando o corpo de volta para a avenida para pedir ajuda. O cadáver se encontra no Instituto de Medicina Legal (IML) para perícia e a investigação ficará sob responsabilidade do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Em Cavaleiro, Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, um homem morreu com dois tiros na cabeça e outro ficou ferido nesta tarde. Os dois tentavam saquear uma loja quando foram surpreendidos com disparos de seguranças particulares do estabelecimento.

Rodrigo Vanderlei da Silva, 22 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O corpo do jovem foi levado pelo Instituto Médico Legal (IML). A outra vítima, que não foi identificada, ficou ferida nas costas e foi socorrida para o Hospital Otávio de Freitas, no Sancho.

 

 

Ne10

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Grupo depreda Prefeitura e Câmara de Toritama, no Agreste

Um grupo formado por centenas de manifestantes realizou protesto no final da tarde desta quinta-feira (15) em Toritama, no Agreste de Pernambuco. Durante o ato, vândalos chegaram a depredar a sede da prefeitura local e o prédio da Câmara de Vereadores. Móveis, arquivos e equipamentos eletrônicos foram destruídos e outros queimados no meio da rua.

Como no momento do ocorrido os policiais militares de Pernambuco ainda estavam em greve, apenas alguns oficiais do 24º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Santa Cruz do Capibaribe, voluntariamente, se deslocaram até a cidade para manter a ordem pública. Somente no início da noite foi que o efetivo chegou ao mancípio e conseguiu conter o grupo.

Os PMs chegaram a efetuar tiros para o alto, apenas para dispersar os vândalos que destruíram completamente a sede do Executivo e do Legislativo de Toritama. Segundo populares, a manifestação teria sido iniciada com o intuito de cobrar mais segurança, em virtude aos constantes roubos e assaltos registrados nas últimas semanas na cidade.

 

 

Grupo também agiu contra a residência do prefeito da cidade

A casa do prefeito do município Odon Ferreira (PSB) também chegou a ser depredada pelo grupo, mas não houve danos ou invasão. Em entrevista à TV Jornal, o chefe do Executivo contou que tinha chegado de uma viagem que havia feito a Brasília, e que estava surpreso com a atitude do grupo.

Dois adolescentes – um de 16 anos e outro de 17 – foram apreendedidos por crime de vandalismo e levados à 17ª Delegacia Seccional de Polícia de Santa Cruz do Capibaribe.

BLOQUEIO – Mais cedo, no início da tarde, dezenas de manifestantes interditaram trecho da rodovia BR-104, no perímetro urbano do município. O grupo bloqueou a pista com a queima de pneus. Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve no local e controlou o protesto. 

Com informações do repórter Emanuel Belmiro, da TV Jornal

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Termina a greve dos policiais militares em Pernambuco

Após três dias de braços cruzados, termina a greve da Polícia Militar e Bombeiros de Pernambuco. A decisão foi tomada nesta quinta-feira (15) à noite, depois de assembleia tensa dos PMs, ao lado do Palácio do Campo das Princesas, área central do Recife. A paralisação começou na última terça-feira (13) e, nas últimas 48 horas, a população pernambucana viveu um verdadeiro clima de guerra, com tanques do Exército circulando nas ruas da Região Metropolitana do Recife. O fim da greve não foi unânime, mas os soldados devem voltar ao trabalho na noite desta quinta.

A categoria conquistou quatro pontos considerados emergenciais. São eles: incorporação de gratificação por risco de morte ao salário base, beneficiando ativos e inativos; reformulação do plano de cargos e carreiras a partir da próxima segunda-feira (19), com a criação de uma comissão que irá avaliar junto aos deputados estaduais as promoções na categoria; reestruturação do Hospital da Polícia Militar e criação de unidades de saúde para a categoria no interior do Estado; além da promessa do governo estadual de que o aumento salarial voltará a ser debatido na primeira semana de janeiro de 2015, após os impedimentos causados pela lei de responsabilidade fiscal e lei eleitoral.

Veja vídeo com um dos líderes do movimento, Joel Maurino:

Apesar de aprovado, o fim da greve não foi pacífico entre os integrantes da categoria. Um pequeno grupo mais exaltado seguiu na frente do Palácio do Campo das Princesas, onde a negociação foi realizada, gritando que os líderes do movimentos eram covardes por terem encerrado o movimento paredista. A insatisfação se dá, principalmente, porque mesmo após as conquistas alcançadas os policiais militares e bombeiros não terão um aumento salarial real após a greve. Outra reclamação é de que o fim da greve não foi votado em assembleia mas sim anunciada pelas lideranças da manifestação.

Mesmo com a insatisfação de alguns, os primeiros beneficíos do pós-greve começarão a ser sentidos a partir do mês de junho. No próximo mês, os soldados receberão o salário incorporado ao auxílio de risco de vida e mais o aumento de 14,55% previsto para este ano desde 2011. Além disso, já na segunda-feira (19), uma comissão de dez policiais e bombeiros começam a avaliar a reestruturação do Plano de Cargos e Carreiras. Dentro desse contexto, uma outra conquista para a categoria é a promessa de que as promoções acontecerão a casa cinco anos. Segundo os líderes do movimento, essa determinação é importante porque há soldados que aguardam um escalonamento há cerca de 25 anos.

Já no que diz respeito à reestruturação do Hospital da Polícia Militar de Pernambuco, o Governo do Estado garantiu o investimento de R$ 4 milhões para tal. Ainda há a proposta de criar unidades de saúde voltadas para a categoria em outros municípios, como no interior pernambucano. Os PM’s e Bombeiros também comemoraram a aprovação da revisão do Código Disciplinar da classe.

Sobre uma nova negociação salarial, prevista para a primeira semana de janeiro de 2015, os líderes sincalistas garantem que se a promessa do governo não for cumprida, a categoria voltará a parar as atividades. Inicialmente, o pedido da classe é de que haja um aumento de 50% no subsídio dos praças e 30% para os oficiais, além do reajuste de R$ 150 para R$ 500 no vale alimentação dos trabalhadores. O tema não pôde ser debatido este ano porque o Estado é impedido de oferecer reajustes salariais em ano de eleições.

REFLEXOS DA GREVE – O clima de insegurança começou com ondas de boatos nas redes sociais e se concretizou com cenas de vandalismo e saques em vários supermercados. Nesta quinta-feira terceiro dia da greve, lojas, escolas e instituições públicas fecharam as portas. A Força Nacional de Segurança e o Exército estiveram nas ruas na ação intitulada “Operação Pernambuco”. Os soldados permanecerão nas ruas até que a ordem seja restaurada no Estado.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Boa parte das lojas de Pesqueira fecha as portas

19iiiiiiwiefiweifiwfiiiiiiiiiefwft56476iiiiii_05-15-2014A cidade de Pesqueira se encontra com clima pesado nesta quinta-feira (15), população nas ruas estava apreensiva.

Com as informações vindas da Capital Pernambucana e Caruaru,  e boatos soltos nas ruas a população ficou apreensiva e temerosa do que poderia acontecer, por isso a CDL de Pesqueira no finalzinho da tarde se reuniu para discutir a situação e concluíram através de informações prestadas por telefone de que o comercio ficaria com as portas abertas até às 17h00min e fechando assim a pois esse horário.

Alguns comerciantes, ao verem o clima e ouvirem boatos que corriam na cidade, decidiram antecipar e fecharam suas lojas desde as 13h00min, outros fecharam por medo.

Em contato com o Major Silvestre, por telefone, relatou que, existe sim policiamento na cidade e que o próprio está empenhado também nas ruas garantindo a normalidade e segurança à população e aos comerciantes apesar de que uma boa parte, dos comerciantes decidiu fechar as portas assim mesmo.

Disse ainda que até às 18 horas de hoje o efetivo está nas ruas realizando o seu trabalho, mas que depois desse horário não tem informação precisa se contará com o mesmo efetivo e que está sempre em diálogo para que tenha condições de atender a população da melhor maneira possível.

 

EncartNoticias.com

Fotos:  www.facebook.com/biosfaceboo?fref=ts

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

2 Pessoas já Comentaram

Comércio fecha em cidades no interior devido insegurança causada pela greve da PM

O medo e a insegurança motivados pela ausência nas ruas de policiais militares devido à greve da categoria no Estado, deflagrada no fim da tarde da última quarta-feira (14), já causam transtornos em alguns municípios no interior pernambucano. Lojas e agências bancárias foram fechadas e até linhas de ônibus foram reduzidas, nesta quinta-feira (15). No entanto, ainda não há registros de saques, arrastões ou arrombamentos na Zona da Mata, Agreste e Sertão.

Em Garanhuns, no Agreste Meridional, todos os estabelecimentos comerciais do centro da cidade e da Rua Duque de Caxias, no bairro Heliópolis, foram fechados. Ainda no município, todas as agências bancárias tiveram atendimento suspenso nesta quinta. A empresa de transporte coletivo São Cristóvão, responsável por quase 90% das linhas do município, reduziu o número de coletivos em circulação.

Durante entrevista à Rádio Jornal Garanhuns AM 1210, na manhã desta quinta, o prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB) disse que já pediu apoio ao 71º Batalhão de Infantaria Motorizado (BIMTz), sediado na cidade, para que tropas da unidade possam garantir a segurança nas ruas do município.

Já em Gravatá, também no Agreste, lojas do centro foram fechadas e os proprietários liberaram os funcionários do expediente na manhã desta quinta. Estabelecimentos comerciais também interromperam as atividades em Caruaru, Belo Jardim e Toritama, na mesma região. Nesta última, até o Parque das Feiras foi fechado nesta quinta-feira.

Apesar do clima de medo, ainda não se confirma qualquer informação sobre arrastões, arrombamentos ou mesmo saques em lojas e empresas em cidades no interior. Apenas boatos de possíveis ações criminosas estão levando comerciantes a suspenderem o funcionamento de estabelecimentos.

Até o momento, ainda não se confirma qualquer informação sobre arrastões, arrombamentos ou mesmo saques em lojas e empresas em cidades no interior. Apenas boatos de possíveis ações criminosas estão levando comerciantes a suspenderem o funcionamento de estabelecimentos.

Para tratar da segurança em Caruaru, o prefeito José Queiroz (PDT) terá uma reunião na tarde desta quinta-feira, às 15h30, com o comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM), coronel Marcos Campos, representantes do Conselho de Segurança Comunitária e Autarquia Municipal de Defesa Social Trânsito e Transportes (Destra).

Já Prefeitura de Gravatá, através da Secretaria de Defesa Social, informou que a guarda municipal reforçou o efetivo e colocou à disposição da população sete viaturas para manter a ordem pública nas ruas da cidade.

 

 

NE10

Foto: Divulgação/WhatsApp

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.