Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

NUVEM DE TAGS

Polícia Militar participa de audiência pública em Zona Rural de Pesqueira-PE

PESQUEIRA-PE – Distante 225km da capital, no distrito de Papagaio no município de Pesqueira- PE,  representantes da segurança pública do Estado e Ministério Público se reuniram na manhã da quinta-feira (06) em audiência pública com  as comunidades locais de Papagaio, Salobro, Mutuca e Papagaio de Cima, com o objetivo de tratar de assuntos atinentes a segurança pública naqueles distrito e região.

A comunidade dos distritos em tela que tem em torno de 15.000 habitantes,  debateu com representantes da Polícia Militar (8ªCIPM/Pesqueira), Cap PM Alexino Almeida, Sub Cmt da 8ªCIPM na ocasião representando o Maj Girley Figueiredo, Ten Cel Eduardo Aragão ( Diretor Adjunto da Diretoria Integrada do Interior I)representando a Secretaria de Defesa Social, Delegados Dra Poliana Farias, Delegada Regional de Belo Jardim, Dr Wagner Volpi ( Delegacia de Pesqueira) e comissários do município de Capoeiras-PE, representando a Policia Civil , Cel Manoel Medeiros, Secretario de Governo municipal de Pesqueira, Dr Prudêncio (Procurador do município de Pesqueira-PE), Ministério Público de Pernambuco através do Dr. Oscar Nóbrega,   Vereador Evandro Junior da câmara de Vereadores de Pesqueira, e Deputado Waldemar Borges representando a Assembleia Legislativa do Estado, alem de lideranças locais e  comunidade em geral.

14fberger0g0ege9e9ee0e0e0e99ve9ev9w9w

População reivindicam mais segurança

Na ocasião a comunidade foi ouvida, tirou dúvidas, traçando em conjunto com os representantes das Policias, Governo Municipal, Assembleia Legislativa e Ministério Público ações de combate a criminalidade na região, as quais terão o fim de participação mais efetivas em ações participativas no Plano de Segurança  Pública do Estado,  o Pacto Pela Vida.

EncartNoticias.com

Fonte: Polícia Militar

Foto: Divulgação Polícia Militar

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Violência em Distrito de Pesqueira. Audiência pública é realizada na quinta-feira (06) para tratar do assunto.

Com a crescente violência acontecendo em cidades brasileiras, a criminalidade vem aumentando também nos distritos, exemplo este, o Distrito de Papagaio, que fica localizado na Zona Rural de Pesqueira.

Os moradores estão preocupados com o crescente aumento da criminalidade, com frequentes assaltos a residências e veículos de lotação que são alvos dos bandidos nas vicinais que liga a localidade a Pesqueira.

Com esta preocupação foi realizado uma Audiência pública na quinta-feira (06), na sede da Associação Comunitária do Distrito para tratar do assunto.

Estiveram presentes na audiência Autoridades Civis, Políticos, Polícia Militar através do comandante da 8ª CIPM Delegado de Pesqueira, Delegada Seccional de Belo Jardim, Delegado de Capoeiras, cidade que faz divisa com o Distrito, promotores  de Pesqueira, Secretario de Governo de Pesqueira, outras autoridades, além de membros dos Clubes de Serviços e da população em geral.

A audiência teve a coordenação do vereador Evadro Junior.

Foi debatido a importância de toda a comunidade do Distrito colaborar juntamente com as polícias, denunciando práticas criminosas aos órgãos competentes, foi dito ainda, que o pedido feito pela população da instalação de um posto policial no distrito, seria estudado e batalhariam na tentativa de instalação.

 

EncartNoticias.com

Foto: Fernanda Cordeiro

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Distrito De Papagaio Realiza Audiência Publica Sobre O Aumento De Violência

Acontece hoje pela manha no distrito de  Papagaio uma audiência Publica que trataram dos fortes casos do aumento da violência neste Município, o evento que tem como organizador o vereador  Evandro Junior e terá a participação de membros do promotores de nossa cidade de membros da policia militar Militar e civil clubes de serviços e da sociedade Geral .

Segundo informes os moradores daquela localidade não aguentam mais os constantes aumentos da violência naquele lugar, roubos, furtos, assaltos etc. Crimes que estao acontecendo a luz do dia, levam na ousadia mesmo e a população tem que ficar quieta com medo de represálias.

 

EncartNoticias.com

Fonte: psqfoco

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Menor tem celular levado por meliante

De acordo com a Polícia Militar, na quarta-feira (05), a vítima uma menor de 15 anos, transitava no bairro de Pedra Redonda, quando foi abordada por um elemento desconhecido que anunciou assalto e subtraindo-lhe um aparelho de telefonia celular do tipo Smartphone de cor preta e marca não informada, fugindo em seguida para destino ignorado, não sendo localizado em diligências realizadas.

 

 

EncartNoticias.com

Foto: Ilustração Internet

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Homem é autuado por tentativa de homicídio.

O caso aconteceu na Zona Rural de Sanharó-PE na quarta-feira (05).

De acordo com a Polícia Militar, um homem de 54 anos, que é companheiro da vítima, a agrediu a socos e pontapés, além de tentar jogá-la em um fogo, ocasionando hematomas e queimaduras em várias partes do corpo, sendo o mesmo detido e conduzido à DP local, onde foi entregue e autuado em Flagrante Delito, por tentativa de homicídio.

 

EncartNoticias.com

Foto: Ilustração Internet

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Pesqueira enfrenta o Chã Grande e empata 0x0

O Pesqueira F. Clube  fez sua     16ª partida hoje, pela 18ª rodada do CAMPEONATO PERNAMBUCANO DA SÉRIE A1 2014, jogando em  casa no Estádio  Joaquim de Brito, enfrentou o Chã Grande não fez um bom primeiro tempo, nem foi melhor no segundo, saindo com um empate de 0  X  0. Terminando o primeiro turno em 7° lugar.

A equipe pesqueirense foi outra vez modificada para enfrentar o Chã Grande nesta Quarta-feira, onde pra nós só uma vitória interessaria muito, para a nossa autoestima depois de 03 derrotas consecutivas duas delas em casa diante de sua torcida apaixonada, esperava  que hoje por ser um dia especial o Pesqueira, conseguisse a vitória mesmo jogando fora de casa para encerrar a sua participação neste 1° Turno e por ser o 8° aniversário da Águia do Agreste. O Técnico Junior Caruaru promoveu algumas mudanças, começando pelo arqueiro Herbert sacado em seu lugar entrou o Gaúcho Douglas, no lugar de Rogério Bruno Simões, Vander teve outra oportunidade no lugar de Braow, além de contar com as voltas de Neto Bala e Marcos Mendes, o Pesqueira começou a partida com um bom volume de jogo procurando espaços tentando surpreender a Raposa jogando de igual pra igual, infelizmente poucas oportunidades surgiram porque o time da Águia do Agreste produziu pouco para a importância da partida, mesmo com o time do Chã Grande perdendo na criatividade o Pesqueira não foi capaz de fazer um gol que seria o resultado mais justo neste primeiro tempo.

Começou o segundo tempo o Pesqueira voltou com uma alteração, Capela Wander no lugar de Wellington enquanto no Chã Grande veio com Levi no lugar de Dário, o estilo de jogo não mudou no início só depois com a continuidade, o jogo mudou um pouco a favor da Raposa que veio mais afoito aos 20 minutos quase marca, aos 20 minutos Edson Miolo tirou Gilson e colocou Jessui o Júnior Caruaru fez outra mudança tirou Wander e colocou Ricardo Mineiro, a partida continuou na mesma sem nenhuma emoção o tempo passando. Sem que nenhuma jogada mais perigosa chamasse a atenção do pequeno número de torcedores pudesse vibrar, já depois dos 30 minutos o Chã Grande chegou ao gol sem ser objetivo o Pesqueira chegou também sem forças, a última mudança no Pesqueira, foi a entrada de Sizal aos 38 minutos pouco tempo para tentar jogar  foi isolado não recebeu bola, para fazer ao menos uma jogada eficiente.

 

Ficha Técnica do Jogo:

Luciano Castro apitou a partida, foi uma boa arbitragem, com assistências de Ailton José e Arquimedes Pereira.

Cartões Amarelos: Marcos Mendes do Pesqueira, Rodrigo, Levi, Charles e Phillip  do  Chã Grande.

Pesqueira F. Clube = Douglas, Betão, Romário, Bruno Simões e Wellington (Capela), Marcos Mendes, Elton, Vander (Ricardo Mineiro), Neto Bala (Sizal) e Roberto Santos .

Técnico: Júnior Caruaru.

Chã Grande = Rodrigo, Ronaldo, Minohr, Jessé e Charlles, phellip, Wesley, Nona e Jougle, Gilson (Jessui) e Dário (Levi).

Técnico: Edson Miolo.

Resumo da 18ª Rodada do 1° Turno jogos de volta, nesta Quarta-feira dia 05/02/2014 com os seguintes jogos:

Em Caruaru no Estádio Luiz Lacerda às 20h= Porto 1×1 Serra Talhada

Em Salgueiro no Estádio Cornélio de Barros às 20h= Salgueiro 3×0 América 1 Chã Grande

Em Santa Cruz do Capibaribe no Estádio Otávio Limeira Alves às 20h= Ipiranga 0x5 Central

O Vitória folgou nesta rodada.

Na tabela de classificação o

  1. Salgueiro: Campeão do 1° Turno  com 36 pontos.
  2. Central: 34 pontos.
  3. Porto: 24 pontos
  4. Serra Talhada: 22 pontos
  5. Vitória: 21 pontos
  6. Chã Grande: 19 Pontos
  7. Pesqueira: 16 Pontos
  8. Ipiranga: 14 pontos
  9. América: 13 pontos

Quarta-feira o Pesqueira completou 08 anos de sua fundação, tão jovem já nos deu muitas alegrias, atualmente não está bem o seu torcedor que tem amargado algumas derrotas seguidas, neste campeonato esteve por várias vezes para entrar no G3, mas infelizmente não foi eficiente e capaz de se classificar.

A partir do dia 16 começa o Hexagonal da permanência e apesar das frustrações que vivemos temos a esperança de que a equipe vai reagir e com certeza buscará o título de melhor equipe do interior é o que todos nós esperamos.

O Treinador Júnior Caruaru use estes dez dias, para trabalhar e refletir, tenha a sensibilidade de escalar a melhor equipe e possa repeti-las nas partidas subsequentes, não use em cada partida um equipe modificada. Que o Pesqueira, continue cada vez mais firme e forte no cenário do futebol Pernambucano, vamos buscar a nossa permanência para 2015 avante hoje e sempre Pesqueira !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Texto:  J. Sobrinho

 

EncartNoticias.com

Foto; psqfoco

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

GATI da 8ªCIPM intensifica ações na zona rural de Alagoinha-PE e apreende armas e munições

A oitava CIPM, intensificou ações na área rural de Alagoinha-PE, distante 225 da capital, através de policiais do Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI) e Patrulha Rural,  e na Segunda-feira (03), policiais do GATI realizaram operação na área rural do município de Alagoinha, mas precisamente na localidade do Sitio Bonsucesso, Zona Rural daquele município, tendo prendido em poder de um senhor de 63 anos residente no Sítio Lagoa Rasa, Zona Rural de Alagoinha – PE e de um homem de 19 anos residente no Sitio Bonsucesso, Zona Rural de Alagoinha – PE, uma espingarda calibre 32, mais 09 cartuchos do mesmo calibre e uma munição cal 44, uma espingarda tipo Soca-soca carregada e um revolver modelo e calibre não identificado, sem cabo, sem numeração, uma espingarda tipo Soca-Soca descarregada uma faca peixeira que foi utilizada como forma de ameaça contra uma mulher residente naquela localidade.

A operação se desenvolveu durante as rondas regulares, tendo os policiais recebido informações de uma vítima, relatando que o homem de 19 anoso estava de posse de uma peixeira, embriagado, tendo ido a residência e ameaçado a mesma,  dizendo que possuía uma arma tipo espingarda, porém a vítima não saiu de sua residência, e o indivíduo jogou pedras no telhado da casa.

De posse de tais informações, o GATI empreendeu diligencias e o suspeito de 19 anos foi encontrado na residência de outro homem, onde foi localizado, tendo o suspeito, informado que estava na fazenda do seu patrão o suposto arsenal, local onde foi feito busca e encontrado uma espingarda calibre 32, mais 09 cartuchos do mesmo calibre e uma munição cal 44 tudo pertencente ao senhor de 63 anos.

Durante a referida operação ainda foi encontrado em poder do homem de 19 anos, uma espingarda tipo Soca-soca carregada e um revolver modelo e calibre não identificado, sem cabo e sem numeração e também uma espingarda tipo Soca-Soca descarregada, bem como a referida faca peixeira usada na ameaça, logo em seguida os envolvidos foram conduzidos a Delegacia de Policia Civil Local para medidas legais cabíveis.

 

EncartNoticias.com

Fonte: PM

Foto: Divulgação Polícia Militar

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Operação em Pesqueira recupera moto roubada

De acordo com a Polícia Militar, no município de Pesqueira, distante 200 km da capital pernambucana, Policiais militares da 8ªCIPM pertencentes ao PCS e Patrulha Rural intensificaram ações de combate a veículos roubados e furtados na cidade de Pesqueira –PE e região,  através de operação realizada na comunidade da Vila do Presídio naquela cidade e recuperaram na tarde de ontem(04FEV2014)  uma motocicleta marca HONDA NXR 150ES, de  placa PFQ6048,  a qual foi roubada e estava de posse de um homem de 24 anos, residente naquela localidade.

O veículo recuperado juntamente com o homem que estava com o veículo, foram encaminhados através da PM a Delegacia de Polícia Local onde foram tomadas as medidas legais cabíveis.

 

EncartNoticias.com

Foto: Divulgação Polícia Militar

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Como anda a Pesqueira da gente?!

Em pleno século XXI, nós pesqueirenses vivemos há exatamente um ano um mês e quatro dias momentos de tristezas e lamúrias pela falta de respeito para com a população e responsabilidade por parte das nossas lideranças quanto ao enfrentamento dos desafios e problemas que fazem parte do dia a dia da nossa cidade. Sabemos que cada mudança de comando de município cria-se expectativas de que as coisas andem dentro da ordem e de princípios que deverão nortear o crescimento e o desenvolvimento da nossa comunidade, do nosso município como um todo.

Ficamos sempre na expectativa de que o amanhã seja um dia de surpresas e de soluções dos problemas da comunidade, a exemplo, do que está acontecendo e como estão sendo conduzidos tais problemas e situações que carecem de melhorias imediatas como do transito, que vem causando transtornos inimagináveis e prejuízos incalculáveis ao comercio, a indústria e até mesmo aos setores de serviços! Na realidade evidencia-se neste período um caos sem precedentes. A cidade está sendo engolida pela frota excessiva de carros e motos. Não se encontra espaços que garanta aos pesqueirenses e/ ou visitantes estacionar porque não há controle, nem orientações que permita um estacionamento o qual possibilite segurança e conforto àqueles pretendentes a fazerem as devidas compras, visitas turísticas etc. Com isto prejudicando os vários setores econômicos porque muitas pessoas desistem de realizar o que pretendiam fazer. Só lamentamos é o que se houve. Todo dia espera-se que surjam as devida providencia, mas, até o presente as pessoas que  estão ansiosa e na expectativa de soluções, ficam apenas na expectativa de que as novidades apareçam,  mas nada, só ficamos na vontade. Nada até o presente! Não se sabe quando conquistaremos este direito, pois na verdade o dinheiro publico deve ser aplicado com regularidade, em serviços prestados à comunidade, observando-se uma sequência lógica das necessidade básicas, fundamentais e com a devida transparência. Dentre tantas outras necessidades podemos destacar ainda. As instituições representativas do comercio, da indústria e os órgãos de classe devem se mobilizar e cobrar dos nossos dirigentes o cumprimento do seu dever de executor e gestor – governo municipal principal credenciado pelo voto popular que lhe outorgaram tal comando!…

A questão do abastecimento d`água à comunidade! A COMPESA empresa estatal responsável pelo devido abastecimento sequer dá satisfação a seus clientes. Não é possível no momento, precisar o tempo que vem faltando água nas torneiras provocando as maiores consequências de caráter negativos e perniciosos. A falta deste precioso líquido acarreta danos irreparáveis, pois, seu abastecimento sendo sequenciado e de acordo com a disponibilidade armazenada, atenderia as necessidade básicas. Sua regularidade é de fundamental importância para a sobrevivência com dignidade de todos conterrâneos.  Mas, o que falta é sem sombra de dúvida uma eficiente participação das lideranças do município, no exercício do seu papel de representante do povo e do governo municipal com ações que levem a empresa COMPESA, a cumprir com suas responsabilidades, que é o de abastecer de água nossa cidade. Além de ser um problema econômico é acima de tudo um problema social! São deveres dos dirigentes – aqueles que fazem parte do poder executivo particularmente -, exercerem os seus direitos e deveres para como o povo que os elegeram e porque não da comunidade como um todo.

Ah! E como anda a nossa cultura?! O que temos observado é um total desprezo para com este importante seguimento co-responsável para com o desenvolvimento intelectual, educacional e ético dos nossos estudantes e agentes – professores, aquém lhes são entregues o futuro da sociedade no que diz respeito ao desenvolvimento socioeconômico e cultural!… Como vai a FUNDAÇÃO DE CULTURA?! Até o presente nem presidente tem. Sabemos que é o seu papel fundamental está na formação, condução e aprimoramento das manifestações culturais e do descobrimento de novos valores. Incremento dos grupos folclóricos e incentivos a qualquer tipo de manifestações culturais, apoio a instituições que cuidam da formação de músicos, de atores, associações que lidam com a literatura poética, quer seja da literatura em prosa. Pesqueira hoje tem muito a desejar neste setor. As cidades de menor porte que nos circunvizinham apresentam vários grupos folclóricos e orquestras, etc, que nos deixa cabisbaixos. Onde está a Pesqueira da Gente?! Como anda? Do jeito que via aonde vamos parar? Onde anda a nossa banda de música municipal?!

Esta na hora de se proceder a cobrança a quem de direito! Aqueles que juraram administrar para o povo e pelo povo!  Devemos nos lembrar que povo organizado é povo instruído é que juntos têm forças capaz de mudar o que aí está! É preciso acordar da letargia em que nos encontramos!… Irmos à luta na cobrança de resultados que satisfaçam nossas necessidades fundamentais.

 

 

Pesqueira, 04 de fevereiro de 2014.

Por: Sebastião Gomes Fernandes, Sociólogo, Poeta, Escritor e cronista.

Membro efetivo e atualmente Presidente da Academia Pesqueirense de Letras e Artes – APLA.

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Já é Fevereiro

Por: Walter Jorge de Freitas

É verdade, chegou fevereiro. E o Carnaval? Bem, o Carnaval oficial só em março.

Notaram que eu citei oficial? É que, queiram ou não queiram, já temos folia em várias cidades brasileiras. Blocos e escolas ensaiando, cantores lançando CDs, turistas fazendo seus planos de viagem, o certo é que já se vivencia o clima carnavalesco.

Aqui na outrora terra das chaminés, está acontecendo a Festa de Santa Águeda, Padroeira do município, cuja culminância ocorre no dia cinco. Não existem mais os encantos dos velhos tempos, no tocante ao lado profano, os tempos são outros. Por sua vez, a parte religiosa está sendo realizada dentro do melhor estilo possível.

Como o tema principal desta crônica é o Carnaval, aproveito para comunicar aos jovens que já tivemos um dos melhores carnavais do interior de Pernambuco. Observaram que eu disse tivemos? Isto mesmo! Nos tempos do quepe, do talco, do lança-perfume, dos bailes nos clubes, da animação nas ruas, tudo ao som de marchinhas e frevos interpretados por orquestras e cantores de primeira linha.

As músicas tinham letras românticas e às vezes engraçadas com sátiras ou críticas relacionadas com o cotidiano, sempre com melodias bem elaboradas e arranjos feitos por quem era do ramo. Tudo isto, são coisas que não voltam mais.

Depois que começamos a imitar o jeito baiano de fazer e brincar a festa dedicada ao Rei Momo há mais gente nas praças, é evidente, entretanto, para que isto aconteça, os governos investem verbas astronômicas, os produtores e empresários faturam uma nota preta, e o que impera mesmo, é a desordem e o barulho.

O Carnaval de Pesqueira faz mais ou menos doze anos, entrou no calendário da FUNDARPE e da EMPETUR, o que significa dizer que esses órgãos governamentais, além de ajudarem financeiramente, deveriam dar uma mãozinha na divulgação.

Porém, nem tudo são flores. Poderiam ajudar muito mais, se não atrapalhassem. Sei que estou sendo repetitivo, pois já abordei isto em outros comentários. Se essas entidades fossem mais ágeis na liberação das verbas e na escolha das atrações, tenho certeza de que os resultados seriam bem melhores.

Acho oportuno lembrar que neste Carnaval, conforme se verifica de dois em dois anos, teremos muitos candidatos distribuindo abraços e sorrisos, por causa das eleições. É chegada a hora de mostrar a cara, dizer que adora os blocos Lira da Tarde e Dois de Ouro, jurar que já saiu nos Caiporas e é vidrado nas Cambindas, fã das Escolas de Samba e dos Cangaceiros. E haja paciência para aturar tanta conversa fiada e bajulação.

Mesmo tendo como certa a presença maciça dos infernais trios elétricos e daquela radiola barulhenta no palco, apelamos para que os organizadores procurem mesclar a nossa festa com atrações que agradem tanto aos jovens como aos mais rodados, entre os quais me incluo. Desejo, também, que caprichem na organização, cuidem da localização e fiscalização das barracas, proíbam a circulação de carroças nos locais destinados às agremiações, concedam maiores espaços ao frevo e o que é mais importante, não deixem de oferecer segurança total aos cidadãos.

Pesqueira, 02 de fevereiro de 2014.  

 

CARNAVAL   DOS   CAIPORAS

 

FREVO CANÇAO DE WALTER JORGE E NELSON VALENÇA

 

NO  CARNAVAL  DOS  CAIPORAS

EU VOU ME ESBALDAR

NÃO VEJO, NÃO VEJO A HORA

DO  FREVO  COMEÇAR

A PRAÇA ESTÁ REPLETA

O FOLIÃO ALERTA

EU VOU ME ESBALDAR

EU VOU ME ESBALDAR

 

PREPAREI A MINI-SAIA

JÁ TOMEI A SAIDEIRA

PRA CANTAR COM AS CATRAIAS

ALEGRANDO O ZÉ PEREIRA

ALGUÉM GRITA ENTUSIASMADO

É O LIRA É O LIRA

CANTA A TURMA DO PROFETA

E O POVÃO É QUEM DELIRA

 

NO CARNAVAL  DOS CAIPORAS …

 

CANTAM, CANTAM FUZARQUEIROS

CANGACEIROS  DOIS DE OURO

OS MENINOS DE LULÚ

LÁ NO PRADO, UM ESTOURO

FREVANÇA IGUAL A ESSA

FIQUE CERTO QUE NÃO HÁ

SAIBA QUE O CÉU COMEÇA

AO SOPÉ DO ORORUBÁ.

EncartNoticias.com

Foto: Arquivo Pessoal

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.