Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

NUVEM DE TAGS

Segundo criminoso mais procurado do Pernambuco é preso no Recife

O segundo criminoso mais procurado de Pernambuco foi preso na tarde desta quarta-feira (30) na comunidade do Detran, na Zona Oeste do Recife. Iltenberg Manoel da Silva, 33 anos, conhecido como Berguinho, é acusado de cometer vários homicídios e latrocínios, roubos seguidos de morte. O suspeito estava sendo investigado havia seis meses e foi preso por policiais disfarçados.

De acordo com o delegado Darlison Freire, da Delegacia de Santo Amaro, Iltenberg estava registrado no livro dos mais procurados do Estado. “A polícia chegou até o suspeito através de investigações. Ele está entre os criminosos mais procurados de Pernambuco e responde por dois latrocínios e oito homicídios, além de ser integrante de uma quadrilha de matadores que já foi presa”, explicou.

Iltenberg foi capturado por volta das 13h. O acusado costumava atuar no Recife, nos bairros de Roda de Fogo, San Martin, Várzea, Caxangá e comunidade do Detran, e também na cidade de Camaragibe, na Região Metropolitana. Durante o período de investigação a polícia ainda prendeu Natanael Eugênio de Lima, conhecido como Naninho, flagrado com uma espingarda calibre 12.

Iltenberg Manoel foi encaminhado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima.

 

 

 

 

Do JC Online

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

PRF apreende 11 toneladas de pescados impróprio para o consumo em São Caetano

16tttttttttwefhuiwhvuhvnervbevbForam apreendidos mais de 11 toneladas de peixes transportados sem refrigeração adequada na BR 232, no município de São Caetano, no Agreste do Estado, na manhã desta quarta-feira (30). A carga foi encontrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), após uma fiscalização em um caminhão baú.

De acordo com informações da assessora de comunicação da PRF, Marilene Malagodi, a carga de peixe do tipo tilápia era originária do município de Bauru, em São Paulo, e tinha como destino o estado do Rio Grande do Norte.

O motorista, Odair Guedes de Oliveira, conduzia o caminhão Mercedes Benz do tipo Baú , placa EGJ 3452/SP, e ao ser fiscalizado pela PRF recusou-se a mostrar o que estava sendo transportado. Após ordem do policial o condutor abriu o baú, quando foi constatado os pescados acondicionadas em recipientes plásticos apenas com gelo. ” O peixe estava sendo transportado com uma refrigeração totalmente inadequada. Quando os policiais abriram o baú o mau cheiro era insuportável”, comentou Marilene Malagodi.

O condutor do veículo foi ouvido pela polícia e foi liberado. A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro/PE) foi acionada e apreendeu a carga. Todo o peixe foi encaminhado para a cidade Belo Jardim, também no Agreste, onde será incinerada. Esta ocorrência está sendo considerada a maior apreensão de pescados impróprios para o consumo humano no estado de Pernambuco. A Adagro informou que a carga não tinha nenhuma documentação e vai localizar a empresa responsável.

 

 

Do JC Online

Foto: Divulgação

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Greve dos rodoviários chega ao fim no Grande Recife

Após três dias, chega ao fim a greve dos rodoviários no Grande Recife. Em dissídio envolvendo patrões e categoria, ficou decidido que motoristas, cobradores e fiscais receberam 10% de aumento salarial, incremento no tíquete-alimentação (que passa de R$ 171,20 para R$ 300) e aumento de 6,06% de auxílio-funeral, diária de motoristas para viagens especiais e indenização por morte ou invalidez. O julgamento aconteceu na noite desta quarta-feira (30), no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), 6ª região, na área central do Recife.

A greve não foi considerada abusiva pelos desembargadores, e todos os trabalhadores devem voltar normalmente ao trabalho à meia-noite desta quarta-feira.

Após o julgamento, rodoviários celebraram a vitória em frente ao TRT. Chorando, Djalma José da Silva, 44 anos, 20 dos quais como motorista de ônibus, disse que a conquista foi grande. “Os desembargadores hoje foram heróis por terem dado aumento. Só a gente sabe como é difícil trabalhar nessa profissão”

Veja como vão ficar os salários:

  • Motoristas: de R$ 1.605,50 para R$ 1.765,50
  • Cobradores: de R$ 738 para R$ 812,13
  • Fiscais: de R$ 1.037 para R$ 1.141,69

Mais informações em instantes.

 

NE10

Arte sobre foto da JC Imagem

JC Trânsito

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

MPPE dá ultimato a prefeitos

16cccccccccccccygr4v3-tv3-t43gbhgn4ghnbO Ministério Público de Pernambuco (MPPE) avisou, nesta terça-feira, que não terá complacência com os municípios que ainda mantêm lixões a céu aberto e nada fizeram para se adequar às Políticas Nacional e Estadual de Resíduos Sólidos. De acordo com a Lei Federal n° 12.305/2010, os prefeitos têm até o dia 2 de agosto para encerrar os depósitos, sob pena de serem multados. Pernambuco não conseguiu cumprir a meta.

“Teremos olhares diferenciados para os municípios, a partir do dia 3 de agosto”, afirma o promotor André Felipe Menezes, coordenador do Centro de Apoio Operacional às Promotorias do Meio Ambiente (Caop Meio Ambiente). Ele vai elaborar três listas diferenciadas para identificar as cidades adaptadas à lei (mesmo parcialmente), aquelas que não aplicaram a lei, mas querem resolver o problema e os municípios que estão de braços cruzados.

Os gestores incluídos no terceiro grupo serão punidos conforme a legislação, com Ação Civil Pública, Ação de Improbidade Administrativa e por prática de crime ambiental, “sem dó nem piedade”, afirma o promotor. “Na segunda-feira, os prefeitos começam a semana inadimplentes como gestores, porque o prazo de quatro anos dado pelo governo federal para erradicação dos lixões vence no sábado”, ressalta.

Em reunião ontem pela manhã, na sede da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), no Jiquiá, Zona Oeste do Recife, ele apresentou um termo de compromisso ambiental (TCA), com as orientações do MPPE para a aplicação das Políticas Nacional e Estadual de Resíduos Sólidos. O TCA, documento com força jurídica, amplia em até um ano os prazos para os municípios se ajustarem à lei.

“Esse é um compromisso que assumimos com os prefeitos de não processá-los a partir de segunda-feira, diante dessas ilegalidades. Estamos dando um voto de confiança”, declara o promotor. Dez municípios já assinaram o TCA, diz ele. Ferreiros foi primeiro a aderir, no ano passado, e o Cabo de Santo Agostinho assinou na semana passada.

Na reunião de ontem, com cinco horas de duração, prefeitos, vereadores e secretários municipais alegaram falta de recursos e pouco tempo para cumprir as políticas de resíduos sólidos, que também preveem coleta seletiva, fortalecimento dos catadores e ações de educação ambiental. Participaram 13 prefeituras e representantes de três consórcios de gerenciamento de aterros.

“Tentei fazer o aterro, mas fui informado que custaria R$ 3 milhões. Não tenho dinheiro”, diz o prefeito de São Caetano (Agreste), José Neves. “A prefeitura tem um terreno de 12 hectares, na margem da BR-232, mas não sei se a área pode receber o aterro.” O município mantém lixão.

Eduardo Tabosa Júnior, prefeito de Cumaru (Agreste), precisaria de R$ 2 milhões para compartilhar um aterro avaliado em R$ 8 milhões, com os vizinhos Bezerros e Riacho das Almas. “O problema não é resolvido só com o aterro, há o custo da manutenção”, destaca o prefeito.

O presidente da Amupe e prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, vai discutir o TCA com os gestores e apresentar contraproposta ao MPPE terça-feira próxima. Todos querem aumentar os prazos contidos no documento. Dos 184 municípios pernambucanos, 26 usam aterro.

 

 

 

Do JC Online

Foto: Hélia Scheppa/JC Imagem

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Reunião no TRT termina sem acordo e greve de ônibus entra no 3º dia

16ccccccccwevfyweg v4vtrg3tv45byA reunião sobre o dissídio coletivo dos rodoviários do Grande Recife, realizada nesta terça (29), terminou sem acordo e a greve de ônibus entra, nesta quarta (30), no terceiro dia. O encontro, que ocorreu no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 6ª Região, Bairro do Recife, durou mais de 6 horas. No entanto, o desembargador Pedro Paulo Pereira Nóbrega não conseguiu intermediar os interesses do sindicato da categoria, que deflagrou a paralisação na última segunda (28), e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros no Estado de Pernambuco (Urbana-PE), que reúne os empresários do setor. O julgamento sobre o dissídio coletivo ficou marcado para esta quarta.

A audiência teve início por volta das 16h20, quando o setor jurídico do Sindicato dos Rodoviários entrou com pedido de suspeição contra o desembargador Pedro Paulo, alegando que, por ele já ter sido advogado dos empresários de ônibus no passado, não poderia presidir a intermediação. O desembargador se negou ser “suspeito” e deu continuidade à reunião, por se tratar de tema de interesse público. “Assim como fui advogado das empresas de transporte, também fui advogado de diversas outras empresas e diversos outros clientes”, explicou.

As duas partes envolvidas no processo foram levadas para salas separadas do pleno do TRT.  O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Benilson Custódio, afirmou que os trabalhadores exigem aumento de 10% no salário e no tíquete-refeição. “Nós tentamos uma flexibilização, mas no sentido de benefícios sociais, como as indenizações dos trabalhadores, auxílio de funeral, e também algumas questões econômicas”, contou. Benilson acrescentou que o máximo de reajuste oferecido pelos empresários no encontro foi o índice de inflação, de 6,06%, o que não foi aceito pela categoria.

“A conciliação foi parcial porque só acordamos em relação às cláusulas sociais. Em relação às econômicas, não avançamos. Eles [os empresários]  ofereceram 6% linear,  que quer dizer 0,37 centavos no tíquete-alimentação,  muito inferior do que queremos.  A greve segue nos termos da lei,  com os motoristas comparecendo fardados para trabalhar”, disse Maria Rita Albuquerque,  advogada do Sindicato dos Rodoviários. As cláusulas sociais tratam de questões como desconto no salário do motorista em casos de assalto ou avarias nos veículos. A empresa que descumprir as cláusulas sociais acordadas pagará multa de 10% em cima do salário do funcionário.

Inicialmente, o Urbana-PE ofereceu 5% de reajuste. “Estamos dispostos a ouvir, negociar, mas acredito que vai ter que ir para julgamento. Eles têm o maior salário do Nordeste”, disse o presidente do sindicato, Luís Fernando Bandeira. O Urbana-PE destacou que propôs acordo em outros aspectos, como formação de banco de horas extras e aumento do intervalo intrajornadas. “Consideramos que houve um avanço significativo. Apenas a questão do salário não foi resolvida, o que cabe aos desembargadores julgarem”, completou.

Atualmente, os salários são de R$ 1.605 (motoristas) e R$ 783 (cobradores). Com o aumento de 10%, os valores ficariam, em média, R$ 1.765 e R$ 861, respectivamente. Já os fiscais que recebem R$ 1.037 passariam a ganhar R$ 1.140.

Julgamento sobre o dissídio coletivo ficou marcado para esta quarta (30); sessão ocorre no pleno do TRT (Foto: Vitor Tavares/G1)
Julgamento sobre o dissídio coletivo ficou marcado para
esta quarta (30); sessão ocorre no pleno do TRT
(Foto: Vitor Tavares/G1)

Urbana-PE rebate acusações
O presidente do Urbana-PE também se pronunciou a respeito de denúncias divulgadas pelo Sindicato dos Rodoviários em coletiva de imprensa na segunda (28). Segundo os trabalhadores, funcionários terceirizados não qualificados estariam assumindo a direção dos veículos e as próprias empresas estariam impedindo os ônibus de saírem das garagens, prejudicando a manutenção de 100% das frotas nas ruas nos horários de pico, como determinou o TRT.

Luís Fernando Bandeira negou a contratação de terceirizados. “Os motoristas sem farda são os próprios funcionários com medo de piquetes”, disse. Sobre a retenção de veículos nas garagens, ele comentou que a acusação era “conversa de papai-noel”. “Lógico que eles não estavam lá em 100% para trabalhar. As imagens divulgadas pela mídia comprovam isso”, rebateu.

Devido à manutenção da paralisação dos rodoviários, a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) anunciou o cancelamento das aulas no campus Recife pelo terceiro dia seguido. A determinação para suspender as aulas nesta quarta (30) é da Administração Central da instituição.

Terminais lotados e longa espera
Nesta terça, segundo dia da paralisação, passageiros do Grande Recife voltaram a sofrer com terminais lotados e longa espera nos pontos. Após um plantão de 24 horas, a técnica em enfermagem Tereza Araújo tentava voltar para casa, na UR-07. Porém, na Avenida Caxangá, ela não encontrou ônibus. “Estou há mais de 40 minutos esperando, assim como o pessoal que vai para Camaragibe. Depois de 24 horas plantão, quero mais é chegar em casa, estou cansada”, reclamou.

Parada cheia na Av Visconde de Albuquerque, na Torre (Foto: Katherine Coutinho/G1)
Passageiros enfrentaram longa espera em ponto de ônibus no bairro da
Torre, Recife (Foto: Katherine Coutinho/G1)

Com consulta marcada no Hospital das Clínicas, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Zona Oeste do Recife, o motorista Antônio Elói conseguiu uma carona saindo de Jaboatão (Região Metropolitana) até metade do caminho e pegou um táxi para a parte final. O problema é conseguir retornar para Prazeres, em Jaboatão, sem ter como pagar um novo táxi. “Eu entendo a situação do pessoal dos ônibus porque também sou motorista, sei como é cansativo, mas chuva e greve é muito difícil”, afirmou.

O porquê da greve
Motoristas, cobradores e fiscais de ônibus decidiram cruzar os braços em assembleia realizada no dia 23. Eles aprovaram indicativo de greve e comunicaram a decisão ao Ministério Público do Trabalho (MPT). A categoria não aceita a proposta de reajuste de 5% nos salários e no tíquete-refeição, feita pelo Urbana-PE. Eles querem aumento de 10%, proposto pelo MPT, e elevação no valor do tíquete-refeição de R$ 171 para R$ 320.

A greve afeta a vida de cerca de 2 milhões de passageiros que utilizam o transporte diariamente na Região Metropolitana. Atualmente, o sistema conta com aproximadamente 3 mil veículos integrando a frota, distribuídos em 385 linhas e 18 empresas operadoras de ônibus. São feitas, em média, 25 mil viagens por dia. O sistema conta também com mais de 15 terminais integrados.

Passageiros afirmam que é comum os ônibus sairem com portas abertas todos os dias por causa da lotação (Foto: Kety Marinho/TV Globo)
Passageiros afirmaram que é comum ônibus sairem com portas
abertas todos os dias por causa da lotação nos terminais do
Grande Recife (Foto: Kety Marinho/TV Globo)
G1 PE
Foto: Vitor Tavares/G1

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Incêndio de grandes proporções atinge galpão de empresa na Zona Oeste do Recife

O Corpo de Bombeiros (CB) foi acionado na noite dessa segunda-feira (28) para controlar um incêndio de grandes proporções em um almoxarifado de galpão da empresa de locação de guindastes Saraiva Equipamentos, localizada na Rua Cotumguba no bairro de Afogados, na Zona Oeste do Recife.

As causas do incêndio ainda estão sendo apuradas e não há informações de feridos. Para apagar as chamas, foram necessários sete viaturas, 20 bombeiros e 25 mil litros de água. A ocorrência durou duas horas.

 

 

 

NE10

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Segundo dia de paralisação dos motoristas começa com chuva no Recife

16nnnhdgwrwrw4332--gf-gv-v-vO segundo dia de greve dos motoristas, cobradores e fiscais de ônibus do Grande Recife começa com chuva na capital pernambucana, o que preocupa ainda mais os passageiros que precisam locomover-se na cidade.

Mesmo no começo da manhã e com a promessa de que 75% da frota estará circulando em horário de pico, alguns passageiros reclamam da demora dos coletivos no Terminal Integrado Joana Bezerra, em Santo Amaro. Na integração da PE-15, os ônibus circulavam com um intervalo maior, causando transtorno no embarque.

Por volta das 6h, na Estação Recife, as filas para entrar nos coletivos não mostravam anormalidades, assim como o metrô da linha Sul e Centro. Os passageiros justificam que o movimento na estação aumentará por volta das 7h. Nas paradas de ônibus do Derby, a quantidade de passageiros é maior do que o habitual.

Viaturas da CTTU fazem monitoramento nas principais vias da cidade, como a Av. Visconde de Suassuna, Rua do Príncipe, Cruz Cabugá e Conde da Boa Vista. O esquema de segurança foi reforçado com viaturas da Polícia Militar nas estações em funcionamento do BRT, e também em alguns Terminais Integrados.

O Sindicato dos Rodoviários anunciou em coletiva na noite da última segunda-feira (28) que a greve continuará até que suas reivindicações sejam atendidas. Uma nova reunião entre a categoria e os patrões está prevista para às 16h desta terça-feira (29).

 

 

 

 

Do JC Trânsito

Foto: @andre01santos / Twitter

 

 

 

 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Suposta dupla sertaneja é acusada de praticar golpe em restaurante de Piedade

16nnnnnnnnwe4tr304t53t045-t03-t303b0bbbUma suposta dupla sertaneja acusada de praticar golpes em restaurantes do País estaria em Pernambuco e, no último sábado (26), teria tentado enganar clientes do restaurante Zen, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. A ação da dupla acabou provocando tumulto e agressões dentro do estabelecimento, envolvendo os golpistas e os seguranças do restaurante.

Um dos clientes, o empresário André Fontenelle, presenciou a confusão e contou que os dois homens entraram no restaurante para pedir dinheiro. Eles se apresentaram como os irmãos Joel e Juliano, uma dupla sertaneja da cidade de Araçatuba (SP), e disseram que tinham participado do programa do apresentador Raul Gil e haviam sido enganados pelo seu empresário. Estavam no Recife há quatro anos e precisavam de dinheiro para voltar para casa. Contaram ainda que as esposas e filhos os esperavam no carro e que só queriam uma ajuda.

Alguns clientes ficaram comovidos com a história e decidiram ajudar financeiramente. A confusão teve início quando os dois foram abordados pelos seguranças. “Após vários pedidos para que se retirassem do local, os homens se recusaram. Um segurança pegou um deles pelo peito, então o outro deu um soco nele. Nessa hora, os garçons foram para cima para imobilizar a dupla e tirá-los do restaurante”, conta André Fontenelle.

A ação dos seguranças teria revoltado alguns clientes. “Independentemente de serem golpistas ou não, a conduta dos seguranças assustou e expôs os clientes sem necessidade”, disse uma cliente que preferiu não se identificar.

Durante a confusão, pratos e copos do restaurante foram quebrados e houve correria. A Polícia Militar foi chamada, mas a dupla disse que não queria seguir para a delegacia para prestar queixa. A decisão dos dois provocou desconfiança e, horas depois do ocorrido, começaram a circular nas redes sociais vídeos que mostram dois homens praticando o mesmo golpe em um restaurante de Curitiba (veja abaixo) e no metrô de São Paulo.

“Tenho certeza que são eles. Além de reconhecê-los, a história é exatamente a mesma”, afirma André Fontenelle. A outra cliente entrevistada também acredita em golpe. “São eles”, afirmou.

O comissário de polícia da Delegacia de Piedade, Wilson Souza, explicou que, apesar de ter recebido a denúncia por telefone de um dos clientes, ninguém registrou oficialmente a queixa na delegacia, o que impossibilita o início das investigações. “Sem a queixa da dupla, que não quis acompanhar a PM, e sem a denúncia oficial dos clientes, não podemos prosseguir com o caso. Mas pretendo entrar em contato com os donos do restaurante para saber se pretendem registrar a ocorrência na delegacia”, disse o comissário.

RESTAURANTE – Procurado pela reportagem, o empresário Renato Catel, dono do restaurante Zen, afirmou que deverá procurar a polícia e oferecer as imagens das câmeras de segurança para auxiliar nas investigações. Ele também defendeu os seguranças do estabelecimento. “Depois de serem convidados a deixar o local, um dos homens puxou o segurança por trás. O funcionário caiu no chão. Foi aí que começou a confusão e nós chamamos a polícia”, conta o empresário, que lamentou os transtornos aos clientes e disse que também teve prejuízos. “Vários utensílios foram quebrados e cinco mesas não pagaram a conta. Acredito no trabalho da polícia e espero que isso não volte a ocorrer nos restaurantes da cidade”, disse Renato. Para prevenir outros proprietários, enviou ofício relatando o fato para a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).

 

 

Do NE10
Foto: reprodução Google Maps

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Testes rápidos de hepatites B e C são realizados em Caruaru, Agreste

16mmmmmmmmmmhebgegbeiguhg3v g3v b3Testes rápidos para hepatites B e C estão sendo disponibilizados gratuitamente nesta segunda-feira (28) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O serviço é realizado pela Secretaria Municipal de Saúde, em comemoração ao Dia Mundial de Combate às Hepatites Virais.

Segundo a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Alba Cristina, manicures, pedicures e podólogos são o alvo da ação. “Por eles terem contato direto com o sangue e com instrumentos perfuro-cortantes – fator de risco para transmissão das hepatites B e C”, explica.

De acordo com a assessoria de imprensa da pasta, também serão oferecidas vacinas contra hepatite B. “Também haverá distribuição de preservativos”, informa. A iniciativa ocorre no auditório da Secretaria de Saúde, que é localizada na Avenida Vera Cruz, número 654, no Bairro São Francisco.

 

 

 

 

Do G1 Caruaru

Foto: Lucilia Guimarães/SMCS

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Ônibus incendiado no TI Barro

16mmmmmhfwvbhywbvuywbfvyfbvgwoufvgwoufvUm ônibus da empresa Vera Cruz foi incendiado no Terminal Integrado do Barro, na Zona Oeste do Recife, na manhã desta segunda-feira (28).

Muitos ônibus estão bloqueando a entrada do terminal. Motoristas e membros da Central Única de Trabalhadores (CUT) estão impedindo a entrada e saída de veículos.

De acordo com o Grande Recife Consórcio de Transportes, o fogo foi contido pelo Corpo de Bombeiros (CB). O terminal permanece bloqueado e vários pneus foram furados para impedir a saída. Com isso, estão sendo realizados bloqueios em pontos estratégicos pela Companhia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) para evitar que os ônibus fiquem presos – e sejam depredados-  nos locais onde está havendo manifestação.

PROTESTO DE PASSAGEIROS – Insatisfeitos com a falta de ônibus, passageiros realizam protesto na BR-101, no Barro.

Com cordão humano, os usuários de transporte coletivo impedem o tráfego de veículos no local, fechando a via por volta das 9h.

 

 

 

Do JC Trânsito

Foto: @PilatosP / Twitter

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.