Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

Acidente entre dois ônibus complica trânsito na Imbiribeira, Zona Sul do Recife

Colisão aconteceu na embaixo do Viaduto Tancredo Neves, no sentido Recife. Duas faixas ficaram ocupadas pelos veículos até por volta das 7h10.

Por g1 PE e TV Globo

Um acidente entre dois ônibus complicou o trânsito, na manhã desta segunda-feira (8), na Zona Sul do Recife. A colisão aconteceu na Avenida Mascarenhas de Morais, no sentido Centro, embaixo do Viaduto Tancredo Neves.

Segundo informações no local, apenas os dois motoristas estavam nos veículos no momento da colisão, por volta das 5h30, e ninguém ficou ferido. Por volta das 7h10, os dois coletivos foram retirados da avenida e o trânsito começava a fluir.

Não foram informados detalhes de como ocorreu a colisão. Imagens feitas no local mostram o vidro da frente de um dos ônibus quebrado, com parte do para-choque no chão. A pista estava molhada, mas não foi confirmado se isso teve relação com a batida.

Dois ônibus bateram debaixo do Viaduto Tancredo Neves, na Zona Sul do Recife, nesta segunda-feira (8) — Foto: Reprodução/TV Globo

Dois ônibus bateram debaixo do Viaduto Tancredo Neves, na Zona Sul do Recife, nesta segunda-feira (8) — Foto: Reprodução/TV Globo

Agentes da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) foram ao local para orientar os motoristas.

g1 entrou em contato com a Vera Cruz, empresa responsável pelos coletivos, mas não recebeu resposta até a última atualização desta reportagem.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Com índices abaixo da meta, PE deflagra campanha para vacinar crianças e jovens contra pólio e outras doenças

Ação começa na segunda (8), em 2,4 mil salas de imunização em todo o estado. Iniciativa segue até o dia 9 de setembro. ‘Dia D’ ocorre em 20 de agosto.

Por g1 PE

Com coberturas menores do que as metas estabelecidas pelo Ministério da Saúde, Pernambuco dá início na segunda (8) a uma campanha de multivacinação. A iniciativa prevê imunização contra a pólio e outras doenças, contemplando crianças e adolescentes. No estado, serão 2,4 mil salas para aplicação das doses.

As campanhas seguem até o dia 9 de setembro. O ‘Dia D’ de mobilização nacional está marcado para 20 de agosto.

Uma das vacinas previstas na ação é a contra a poliomielite, doença que causa a paralisia infantil. O imunizante a pode ser aplicado em crianças acima de 1 ano e abaixo de 5 anos. Em Pernambuco, 667.338 pessoas nesta faixa etária estão aptas a receber as doses.

Até este domingo (7), a cobertura de vacina contra a poliomielite no estado estava em 43,83% do público-alvo. A meta do Ministério da Saúde é chegar a 90%.

Na estratégia de multivacinação, pode se vacinar qualquer pessoa com menos de 15 anos que ainda não tenha se vacinado ou cujo esquema vacinal esteja incompleto em relação ao Calendário Nacional de Vacinação.

O Brasil não tem casos de poliomielite desde 1990. Mas a queda nas coberturas preocupa pelo risco da reintrodução de doenças, como ocorreu com o sarampo.

Entre os imunizantes atendidos pela campanha com cobertura considerada baixa no Estado estão a tríplice viral (64,02% na primeira dose e 37,30% na segunda dose), hepatites A (52,08%) e B (59,05%) e rotavírus (55,26%). O objetivo também é chegar até a marca de 90%.

Para dar conta do esforço, cerca de 2 milhões de doses de vacinas foram enviadas a Pernambuco pelo Programa Nacional de Imunização (PNI).

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, as vacinas presentes nas duas campanhas podem ser ministradas de maneira simultânea ou com qualquer intervalo de tempo em relação aos imunizantes contra a Covid-19.

No Recife, os imunizantes estarão disponíveis em todas as mais de 150 unidades de saúde. A lista completa pode ser consulta aqui.

Na Capital, as doses serão aplicadas de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. A recomendação do município é que os pais levem seus filhos à unidade de saúde mais perto de casa, para que a necessidade de aplicação seja avaliada caso a caso.

Ao todo, 17 imunizantes estarão disponíveis para as crianças e adolescentes, dependendo da idade. Na cidade, com exceção da febre amarela, as cobertura das principais vacinas incluídas na campanha estão em queda nos últimos anos.

Veja índices de imunização na capital

Pentavalente

  • 2018: 93,53%
  • 2019: 69,95%
  • 2020: 68,43%
  • 2021: 62,37%
  • 2022: 58,80% (até junho)

Poliomielite

  • 2018: 89,76%
  • 2019: 72,27%
  • 2020: 67,77%
  • 2021: 62,40%
  • 2022: 56,54% (até junho)

Pneumocócica 10

  • 2018: 96,22%
  • 2019: 77,54%
  • 2020: 73,54%
  • 2021: 66,62%
  • 2022: 63,82% (até junho)

Rotavírus

  • 2018: 84,40%
  • 2019: 72,71%
  • 2020: 68,89%
  • 2021: 62,94%
  • 2022: 57,30% (até junho)

Meningocócica C

  • 2018: 81,42%
  • 2019: 74,42%
  • 2020: 69,07%
  • 2021: 63,57%
  • 2022: 60,72% (até junho)

Febre amarela

  • 2020: 10,32%
  • 2021: 35,65%
  • 2022: 33,74% (até junho)

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Baleia é flagrada no mar em Boa Viagem; ‘vi a beleza da dança’, diz morador que gravou vídeo

Segundo biólogo, animal é uma jubarte. Esta foi a segunda vez que uma baleia dessas espécie foi filmada no Recife, nos últimos dias.

Por g1 PE

Uma baleia foi flagrada, neste sábado (6), em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Segundo especialistas, era uma jubarte. “Vi a beleza da dança”, afirmou Almir Mendes, que fez um vídeo, da janela de casa.

Esta é a segunda vez que uma jubarte foi filmada em Boa Viagem, nos últimos dias. Em 28 de julho, um vídeo mostrou o momento em que uma baleia saltava no mar.

Baleia é flagrada saltando no mar de Boa Viagem, no Recife

Em entrevista ao g1, Almir contou que estava estudando na sala de casa, quando olhou para o mar. “Ela mergulhava e saía da água, em movimentos sincronizados”, disse.

O morador de Boa Viagem disse, ainda, que, depois, foi possível “observar o espiráculo em funcionamento no alto da cabeça”.

“Deu para perceber ela inspirando e expirando, bem na frente do meu edifício, em Setúbal”, afirmou.

Segundo Almir, o registro foi feito por volta das 11h30. “Do meio para o final, dá para observar a dança dela na água”, acrescentou.

Coordenador do projeto Golfinho Rotador de Fernando de Noronha, o biólogo Flávio Lima afirmou que, pelo comportamento, é uma jubarte.

”O salto e a quantidade de espuma que ela faz são comportamentos típicos de uma baleia dessa espécie”, declarou.

Segundo o especialista, o nome científico dela é megaptera. “Mega quer dizer grande e ptera, asas. Então, ela é conhecida como a baleia de grande asas”, explicou. A característica da jubarte é ter grandes nadadeiras peitorais.

Baleia foi filmada no mar em Boa Viagem, no Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

Baleia foi filmada no mar em Boa Viagem, no Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

“Neste momento, elas estão em movimentos migratórios reprodutivos. Saem do inverno austral no Sul da América do Sul e migram em direção a áreas de águas mais quentes, chegando a regiões tropical e perto do Equador”, informou.

Ainda de acordo com o Lima, nesta época do ano, começa o comportamento reprodutivo. “Elas passam o verão se alimentando. Fogem do inverno, que é bem intenso, e seguem aqui para essa região, para reprodução, parto e cuidados com os filhotes”.

A temporada reprodutiva das baleias jubarte, no Atlântico, ocorre entre julho e novembro, podendo chegar até dezembro.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Violência doméstica é tema de ação nos 16 anos da Lei Maria da Penha; PE teve 19,8 mil casos no 1º semestre

Neste domingo (7), policiais que atuam em delegacias da Mulher promoveram conscientização no Marco Zero do Recife.

Por g1 PE

Lei Maria da Penha faz 16 anos e polícia dá orientações sobre violência contra a mulher

No dia em que a lei Maria da Penha completou 16 anos, o Departamento de Polícia da Mulher de Pernambuco realizou um ato de conscientização contra a violência doméstica no Marco Zero, no bairro do Recife, Centro da capital, neste domingo (7).

Nos seis primeiros meses deste ano, a Secretaria de Defesa Social (SDS) registrou 19,8 mil casos de violência doméstica e familiar contra mulheres no estado. Desse total 4,4 mil ocorreram no Recife.

Ato no Marco Zero do Recife marcou 16 anos da Lei Maria da Penha  — Foto: Ascom Polícia Civil/Divulgação

Ato no Marco Zero do Recife marcou 16 anos da Lei Maria da Penha — Foto: Ascom Polícia Civil/Divulgação

Em 2021, em média, a cada sete horas uma mulher foi vítima de feminicídio no Brasil, segundo dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Nesse tipo de crime, a mulher é morta por causa do gênero.

Nas atividades do Marco Zero do Recife, houve discursos e distribuição de cartilhas. Os agentes orientaram as pessoas que passeavam na área turística da cidade sobre o funcionamento da lei e as atualizações que a norma sofreu nos últimos anos.

Eles também abordaram a existência da rede de proteção à mulher e como fazer para acioná-la em caso de violência.

Evento realizado no Recife marcou 16 anos da Lei Maria da Penha  — Foto: Ascom Polícia Civil/Divulgação

Evento realizado no Recife marcou 16 anos da Lei Maria da Penha — Foto: Ascom Polícia Civil/Divulgação

O evento também contou com a presença de um grupo de dança circular de Olinda. A atividade buscava ressaltar os sentimentos de empatia, compreensão e pertencimento entre os participantes.

O ato também marcou o início da campanha Agosto Lilás, mês de conscientização sobre o combate à violência contra a mulher.

O que é a Lei Maria da Penha?

Ela tornou crime a violência doméstica e familiar contra a mulher em 7 de agosto de 2006. O nome é uma homenagem à mulher cujo marido tentou matá-la duas vezes e que desde então se dedica à causa do combate à violência contra as mulheres.

A lei existe para qualquer caso de violência doméstica e na família contra uma mulher, que independe do parentesco e sexo. O agressor pode ser padrasto ou madrasta, sogro ou sogra, cunhado ou cunhada, entre outros.

Em abril deste ano, a 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça decidiu que a Lei Maria da Penha pode ser aplicada em casos de agressão contra mulheres transexuais. A decisão é inédita num tribunal superior e pode orientar futuras análises de casos semelhantes nas instâncias inferiores.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Jovens de 12 a 17 anos são convocados para participar de testes de vacina contra chikungunya

Trabalho é desenvolvido pelo Instituto Butantan, de São Paulo. No Recife, as inscrições para voluntários começam na segunda (8).

Por Beatriz Castro, TV Globo

Vacina contra chikungunya está sendo estudada em Pernambuco

Jovens de 12 a 17 anos são convocados para participar de um estudo para ajudar no desenvolvimento de uma vacina contra a chikungunya, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. As inscrições começam na segunda (8).

Em junho, Pernambuco confirmou a primeira morte provocada pela doença este ano. Também foram notificados mais de 23 mil casos da doença, no mesmo período.

O estudo é realizado pelo Instituto Butantan, de São Paulo. Em março deste ano, a instituição anunciou resultados feitos em testes com voluntários.

Os interessados em participar do estudo podem entrar em contato com os pesquisadores pelo telefone 3416 7967 e pelo WhatsApp 99398 3026.

A vacina foi desenvolvida pela Valneva, indústria farmacêutica da Áustria. Ela utiliza vírus enfraquecidos. Logo que é aplicada, induz o organismo a produzir anticorpos, mas sem provocar a doença.

No Recife, esse estudo é coordenado pelo Instituto Autoimune, que está recrutando os voluntários. Todos os inscritos vão passar por uma triagem antes dos testes.

Poderão participar dos testes jovens que não têm doenças pré-existentes, as comorbidades. Os voluntários podem fazer parte de grupos distintos: aqueles que já tiveram a doença ou os que nunca contraíram chukungunya.

Não podem participar grávidas, mães que estão amamentando ou quem tem histórico de alergias ou artrite.

Os pesquisadores explicam que dois terços dos adolescentes vão receber a vacina. Um terço deles tomará placebo, uma substância que não tem efeito.

Ao final do estudo, todos aqueles voluntários que tomaram placebo serão vacinados com a vacina da chikungunya.

Ao todo, 750 voluntários serão acompanhados durante um ano pelos pesquisadores, em todo o Brasil. Dez centros de pesquisas no país vão testar a vacina pra que ela seja submetida à aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A expectativa é que o efeito da vacina dure cerca de dez anos. Depois de aprovada, ela será fabricada pelo Butantan.

Segundo Carlos Brito, um dos responsáveis pelo estudo em Pernambuco, há relatos de mortes em todo mundo provocadas pela chikungunya.

A doença pode atingir pulmão e coração, além de apresentar problemas neurológicos e sequelas permanentes. “É uma doença extremamente grave. Por isso, é importante desenvolver uma vacina”, afirmou.

Um dos coordenadores da pesquisa no estado, Rafael Dhalia ressaltou a chance de “trazer uma vacina inédita para o Brasil”.

“Essa é a única vacina no mundo na fase três. É uma oportunidade única de a gente acabar com a cnikungunya”, declarou.

A vacina foi testada em mais de quatro mil adultos voluntários nos Estados Unidos. Segundo os pesquisadores, 96% dos vacinados produziram anticorpos contra o vírus. Nos EUA, a doença não é endêmica, como no Brasil, onde o vírus circula desde 2014.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Jovem é morto a tiros dentro de casa em Gravatá; outros três homicídios foram registrados na região

Os outros crimes foram em Belo Jardim, Jurema e São José do Belmonte.

Por g1 Caruaru

Três homicídios foram registrados no Agreste e um no Sertão de Pernambuco entre o sábado (6) e o domingo (7). Os crimes foram em Belo JardimGravatáJurema e São José do Belmonte.

Em Belo Jardim, um homem, identificado como Luciano Morais dos Santos, de 39 anos, foi morto a golpes de arma branca dentro de um bar. De acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu após suspeito e vítima discutirem.

Já em Jurema, o corpo do ex-presidiário Edvaldo Teodoro da Silva, de 30 anos, foi encontrado com marcas de tiros em uma estrada que dá acesso ao Sítio Mocós. O Instituto de Criminalística foi até o local e encaminhou a vítima para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

O jovem Jean José da Silva, de 24 anos, foi morto a tiros dentro da casa onde morava, em Gravatá. Os criminosos invadiram a residência e efetuaram os disparos de arma de fogo. Em seguida, eles fugiram em uma moto.

Em São José do Belmonte, a vítima foi identificada como Adenilton Araújo, de 28 anos. Ele estava em casa quando chegou um veículo em frente à residência. Os ocupantes do veículo efetuaram disparos de arma de fogo em direção à vítima, que morreu no local.

A autoria e motivação dos homicídios são desconhecidas. Os casos serão investigados pelas Delegacias de Polícia Civil de cada município.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Polícia Civil identifica detento que aplicava golpes dentro do presídio, em Caruaru

Golpe foi aplicado após o criminoso entrar em contato com vítima por meio de um site de vendas.

Por g1 Caruaru

A Polícia Civil identificou um detento de 24 anos que aplicava golpes dentro do Presídio Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco A informação foi confirmada pela polícia neste sábado (6).

De acordo com informações da Polícia Civil, um homem, que não foi identificado, fez um anúncio para vender um celular em um site de vendas. O criminoso entrou em contato com a vítima por meio de um perfil falso afirmando estar interessado em comprar o aparelho.

No dia da entrega, na sexta-feira (5), o suspeito disse que fez a transferência, que estava com o valor bloqueado e mandou um entregador pegar o celular com a vítima. Após investigações, a polícia chegou ao criminoso, que está preso há 3 anos, cumprindo pena por homicídio. O celular da vítima foi recuperado.

A Polícia Civil pediu para que alguém que foi vítima de golpe pelo número 99420-4356 entre em contato com a polícia para fazer a denúncia.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Homem é preso em flagrante por tentar estuprar jovem de 17 anos; vídeo mostra momento da abordagem

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que ele se aproxima da adolescente e coloca os braços em torno do pescoço dela, no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife.

Por g1 PE

Homem preso por tentativa de estupro persegue jovem no Cabo de Santo Agostinho

Um homem de 21 anos foi preso em flagrante por tentar estuprar uma adolescente de 17 anos, em Ponte dos Carvalhos, no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife. Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que ele se aproxima da jovem e coloca os braços em torno do pescoço dela.

O crime aconteceu na segunda (1º) e os detalhes do caso foram apresentados nesta quinta (4) pela Polícia Civil. O homem foi preso na quarta (3), após quase três dias de buscas por ele.

Jovem foi surpreendida por gravata (golpe) no Cabo de Santo Agostinho — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Jovem foi surpreendida por gravata (golpe) no Cabo de Santo Agostinho — Foto: Divulgação/Polícia Civil

De acordo com o delegado Cley Anderson, titular da delegacia de Ponte dos Carvalhos, a vítima contou que estava saindo da escola quando foi surpreendida com uma gravata [golpe] do suspeito, que a todo momento fazia menção a estar armado e pedia para ela ficar em silêncio.

“Tentou levar ela até um descampado que dava dentro de um matagal, mas foi impedido por terceiros que se manifestaram contra essa atitude dele. Por sorte, os amigos que por ali passavam conseguiram gritar e o crime não se consumou”, afirmou o delegado.

Cley Anderson afirmou que o homem negou a tentativa de estupro e afirmou que estava tentando roubar o celular da vítima, o que diverge do depoimento dela.

“A vítima falou que, inclusive, ofereceu o celular para que ele não fizesse nada e, mesmo assim, ele não quis saber do celular e continuou no seu intento. Não é normal tentar levar para um descampado, um matagal, em caso de roubo. Ele estava com uma lata e confirmou que era cerveja. Ela informou que ele também tentava a todo momento dar bebida alcoólica”, declarou.

O homem autuado em flagrante não tem antecedentes criminais registrados. No entanto, a polícia investiga o envolvimento dele em outra tentativa de estupro.

“A gente tem informações informais de que não é a primeira vez que ele tenta fazer isso. Na comunidade, ele já tentou isso com outra garota, então a gente está tentando identificar essa outra possível vítima”, disse o delegado Cley Anderson.

A Polícia Civil não informou o nome e a idade do suspeito. O local onde ocorreu a prisão também não foi divulgado.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Comerciantes reclamam que cédulas de R$ 10 e R$ 5 ‘sumiram’ em Noronha e fazem ‘mágica ‘ para dar troco

Escassez do dinheiro em espécie prejudica comércio local. Bancos não disponibilizam cédulas de valor menor os comerciantes precisam se adaptar.

Por Ana Clara Marinho, g1 PE

Os comerciantes de Fernando de Noronha têm enfrentado um problema que se agravou nos últimos meses: falta de dinheiro em espécie. A maior reclamação é relativa ao “sumiço” das cédulas de R$ 10 e R$ 5, o que dificulta o troco.

Dono de farmácia, Lino Sultanum afirmou que sofre com a falta de dinheiro trocado. Ele diz que tem comércio na ilha á 20 anos e nunca tinha enfrentando a escassez de notas.

“Os bancos na ilha não têm disponibilidade e eu trago dinheiro do Recife para garantir o troco dos clientes”, contou Lino.

Na papelaria, em frente à Escola Arquipélago, o problema se repete. A dificuldade se agrava no início do mês, quando as pessoas recebem os salários, fazem compras e usam cédulas de R$ 100 e R$ 50. “Muitas vezes, temos que pedir para o cliente voltar depois”, falou a vendedora Cintia Silva.

Caixa da padaria e lanchonete localizada no bairro da Floreste Velha, José Wallace Pimentel disse que o banco da ilha não conta com as cédulas para troco. Por isso, é preciso adotar medidas alternativas que causam prejuízo.

“Nós temos muita dificuldade com cédulas de R$ 5 e de R$ 10. É necessário fazer mágica para dar o troco. A alternativa que encontramos é fazer um desconto nos produtos”, declarou José Wallace.

Na empresa distribuidora de água mineral localizada na região do Porto de Santo Antônio, a gerência recebe pagamento em dinheiro e PIX na mesma compra, por falta de dinheiro em espécie.

“Na manobra, o cliente faz uma parte do pagamento em PIX e outra em espécie para chegar ao valor total. Isso dificulta para fechar o caixa, mas é a solução que encontramos”, declarou a gerente Raissa Dornelas.

Os comerciantes também afirmaram que moeda é artigo “ainda mais raro” em Noronha. Às vezes, o cofrinho dos filhos é desfalcado para ajudar no troco.

“Eu tirei do cofre da minha filha, fiz uma troca, peguei R$ 32 em moedas e devolvi R$ 30 em espécie. Infelizmente, ela saiu perdendo”, contou Raissa.

Instituições bancárias

Por meio de nota, o Bradesco disse que “o abastecimento de numerário das máquinas de autoatendimento e nos guichês da agência está sendo realizado normalmente”.

Ainda segundo a instituição, “quando são identificadas situações pontuais, decorrentes de fluxo inesperado de público, as providências de correção são adotadas”.

A Caixa Econômica Federal informou que dispõe de uma unidade lotérica em Fernando de Noronha, que atua com contrato de permissão para prestação de serviços bancários.

“Nesse sentido, é responsabilidade contratual da permissionária o transporte de valores e abastecimento da unidade”, informou a Caixa em nota.

g1 entrou em contato com o Santander para saber os motivos do problema da falta das cédulas e se há previsão de solução, mas não obteve retorno até a última atualização desta reportagem.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Homem é assassinado, mulheres ficam feridas e show é interrompido por ataque a tiros em bar em Boa Viagem

Apresentação acontecia, na noite desta quinta (4), no bar do posto Petro Mega, na Rua Dona Benvinda de Farias, entre as avenidas Conselheiro Aguiar e Domingos Ferreira.

Por Mario Carvalho e Priscilla Aguiar, TV Globo e g1PE

Video mostra movimentação em posto onde ocorreu homicídio em Boa Viagem

Um homem foi assassinado e duas mulheres ficaram feridas durante um show musical, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. A apresentação foi interrompida por causa do ataque a tiros, na noite desta quinta (4), em um bar que fica em um posto de combustíveis.

Inicialmente, a informação era de que apenas uma mulher tinha ficado ferida, mas a Polícia Militar informou, na sexta-feira (5), que duas foram atingidas por tiros e socorridas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Imbiribeira.

Testemunhas que estavam no local contaram que uma pessoa chegou em uma motocicleta e atirou na direção de um casal.

O crime aconteceu no bar do posto de gasolina Petro Mega, na Rua Dona Benvinda de Farias, entre as avenidas Domingos Ferreira e Conselheiro Aguiar.

Uma mulher que preferiu não ser identificada afirmou que a apresentação de uma cantora foi interrompida após o ataque a tiros, por volta das 19h15.

Outra testemunha, um homem que também não quis ser identificado, afirmou que o alvo dos disparos era um casal e que aproximadamente 20 pessoas assistiam ao show na hora do crime.

Um vídeo enviado para o WhatsApp da TV Globo mostra uma mulher ferida sendo carregada por um grupo de pessoas e colocada na mala de um carro Polícia Militar.

Também foram enviadas fotos que mostram o homem que foi assassinado sentado e com parte do corpo sobre uma cadeira na mesa do bar onde estava sentado. Segundo a polícia, o nome da vítima é José Clóvis da Silva Filho.

Policiais do 19º Batalhão de Polícia Militar (BPM) foram os primeiros a chegar ao local do crime. Equipes do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) e do Grupo Especializado de Perícias em Homicídios (GEPH), da Polícia Científica de Pernambuco, também foram enviadas ao local.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.