Pernambuco ganha três novos patrimônios tombados pelo governo estadual

Por G1 PE

Ponte D'Uchoa fica na Avenida Rui Barbosa, na Zona Norte do Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Ponte D’Uchoa fica na Avenida Rui Barbosa, na Zona Norte do Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

O governo do estado decidiu oficializar o tombamento de três patrimônios localizados no Recife e na Ilha de Itamaracá, no Grande Recife. Os tombamentos foram homologados na terça-feira (16), pelo governador Paulo Câmara(PSB) e representam o valor histórico, arqueológico, turístico, social, econômico e paisagístico das construções para o estado.

Duas das construções são o Museu do Estado e a antiga Antiga Parada de Trens Urbanos de Ponte D’Uchoa – Estação Maxambomba, ambas localizadas no bairro das Graças, Zona Norte da capital. A outra é o Povoado de Vila Velha, em Itamaracá, onde recentemente esqueletos de ao menos seis pessoas foram encontrados no entorno da secular Igreja de Nossa Senhora de Conceição, construída no século 16.

Pernambuco tem três novos sítios tombados pelo governo  — Foto: Arte/G1

Pernambuco tem três novos sítios tombados pelo governo — Foto: Arte/G1

O tombamento é o reconhecimento da relevância do bem e um de seus efeitos é o de restringir ações e intervenções que possam descaracterizar os bens protegidos. Os imóveis passaram a estar protegidos provisoriamente desde a abertura do processo de tombamento e, agora, as limitações impostas por lei tornam-se definitivas.

Segundo o estado, a responsabilidade pela preservação e conservação dos bens protegidos é do proprietário. O tombamento foi decretado após Exames Técnicos elaborados pela Fundação de Cultura de Pernambuco (Fundarpe), cujos laudos, favoráveis ao tombamento, foram aceitos pelo Conselho de Preservação do Patrimônio Cultural.

Confira, abaixo, características dos patrimônios tombados:

Igreja de Nossa Senhora da Conceição fica no povoado de Vila Velha, em Itamaracá, no Grande Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Igreja de Nossa Senhora da Conceição fica no povoado de Vila Velha, em Itamaracá, no Grande Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Povoado de Vila Velha

Fundada na Rua João Paulo II, a única do distrito de Vila Velha, a igreja de Nossa Senhora da Conceição foi construída entre 1524 e 1529. É uma herança histórica do primeiro povoado da Capitania de Itamaracá, uma das 15 divisões do território brasileiro no período colonial, segundo a Fundarpe. A edificação estava em processo de tombamento na esfera estadual desde 1990.

De acordo com o governo do estado, existe um plano macro de preservação do povoado, que foi elaborado em 2010, a ser implementado pelas esferas federal, estadual e municipal. O plano prevê ações de monitoramento mantidas pela Fundarpe e pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Ossos foram encontrados na área externa da Igreja de Nossa Senhora da Conceição, em Vila Velha, em Itamaracá — Foto: Marina Meireles/G1

Ossos foram encontrados na área externa da Igreja de Nossa Senhora da Conceição, em Vila Velha, em Itamaracá — Foto: Marina Meireles/G1

Segundo o secretário de Turismo, Cultura e Eventos de Itamaracá, Bruno Reis, o plano ainda não saiu do papel. Com o aparecimento das ossadas no entorno da igreja, o município começou a implementar um plano de conservação do local, para restringir a passagem de veículos e pedestres por cima do material.

Ele afirma, no entanto, que a gestão municipal não tem dinheiro para realizar outras ações a partir do tombamento.

“Itamaracá não tem receita própria, vive de impostos e repasses do governo. Sozinhos, não temos como preservar. A cidade já tem uma série de restrições justamente por ser uma ilha e precisa do apoio do governo do estado e federal para realizar as ações necessárias para preservação. O estado precisa tomar conta das coisas que são tombadas por eles”, diz.

Estação Ponte D'Uchoa ligava engenhos da Zona Norte do Recife ao Centro — Foto: Reprodução/TV Globo

Estação Ponte D’Uchoa ligava engenhos da Zona Norte do Recife ao Centro — Foto: Reprodução/TV Globo

Ponte D’Uchoa – Estação Maxambomba

Localizada na Avenida Rui Barbosa, a Antiga Parada de Trens Urbanos de Ponte D’Uchoa – Estação Maxambomba foi construída em 1865, para os primeiros bondes do Recife. Eles eram chamados de maxambombas, corruptela da expressão inglesa “machine pump”, ou “bomba mecânica”, em português.

A Ponte D’Uchoa servia de acesso aos engenhos de Casa Forte, Monteiros, Apipucos e Dois Irmãos e os ligava até o extremo oeste da Boa Vista, no Centro da cidade. De acordo com a Fundarpe, a estação encontra-se com os elementos físicos preservados e integrada ao programa de mobilidade de responsabilidade da municipalidade.

Em 2014, ela foi destruída por um motorista que dirigia sob efeito de álcool. Sua reforma custou R$ 171,9 mil aos cofres municipais. O motorista foi indiciado por dirigir alcoolizado.

Museu do Estado foi construído no século 19 — Foto: Reprodução/TV Globo

Museu do Estado foi construído no século 19 — Foto: Reprodução/TV Globo

Museu do Estado

No processo de tombamento, o Museu do Estado, seus dois jardins e dois prédios anexos foram inclusos. O edifício é administrado pelo estado e segue agenda específica, segundo a Fundarpe. O edifício é um palacete do século 19 e foi residência do Dr. Augusto Frederico de Oliveira, filho do Barão de Beberibe, um dos maiores traficantes de escravos de Pernambuco.

O museu foi criado em 1928 e abriga um acervo eclético, de mais de 12 mil peças.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Explosão provocada por vazamento de gás deixa mortos e feridos em Camaragibe

Por G1 PE

Uma explosão provocada por um vazamento de gás deixou ao menos dois mortos e três feridos no bairro de Primavera, em Camaragibe, no Grande Recife. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o caso ocorreu em três casas conjugadas, que desabaram após o acidente. Morreram uma idosa de 76 anos e um jovem de 20 anos de idade, ainda não identificados.

Dois feridos foram socorridos pelos bombeiros e o outro, pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Os feridos foram levados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, na Zona Oeste do Recife.

Ficaram feridos um idoso de 75 anos e duas mulheres de 60 e 18 anos

Corpo de Bombeiros foi acionado para explosão que deixou mortos e feridos em Camaragibe, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

Corpo de Bombeiros foi acionado para explosão que deixou mortos e feridos em Camaragibe, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

Não há informações sobre o estado de saúde das vítimas, mas uma delas foi posteriormente transferida para o Hospital da Restauração (HR), no Centro do Recife.

Foram enviados sete carros de bombeiros para a ocorrência, que ocorreu na Rua Frei Serafim, na entrada de Camaragibe, próximo a um posto de combustíveis. O chamado foi recebido pela corporação às 5h35.

Das três casas onde ocorreu a explosão, duas ficavam no térreo e uma, no primeiro andar. A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) informou que enviou equipes ao local para desligar o fornecimento de energia elétrica na Rua Frei Serafim e outras próximas ao local da explosão.

Explosão causou desabamento de casas e deixou mortos e feridos em Camaragibe, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

Explosão causou desabamento de casas e deixou mortos e feridos em Camaragibe, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Comerciante é assassinado dentro de carro na frente da mulher, mãe e filhos e irmão fica ferido

Por G1 PE

Homicídio ocorreu na Avenida Cláudio de Gueiros Leite, no Janga, em Paulita, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhattsApp

Homicídio ocorreu na Avenida Cláudio de Gueiros Leite, no Janga, em Paulita, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhattsApp

Um comerciante foi assassinado a tiros em uma emboscada, na noite de quarta-feira (17), no Janga, em Paulista, no Grande Recife. De acordo com a Polícia Militar, o crime ocorreu na frente da mulher, filhos e mãe da vítima, que estavam com ele no carro. O irmão do homem morto ficou ferido.

Ainda de acordo com informações do 17º Batalhão da PM, Onildo Lopes Mendes, de 50 anos, que era ex-policial militar estava no banco do passageiro do veículo e morreu no local.

O irmão dele, Flávio Mendes Lopes, de 45 anos, que dirigia o automóvel, foi baleado no rosto e seguiu para o Hospital da restauração (HR), no Derby, na área central do Recife. A unidade informou que ele passou por cirurgia e está em estado grave na sala de recuperação.

Também estavam no veículo a mãe do comerciante, a esposa e dois filhos, de 3 e 5 anos de idade. De acordo com a PM, eles não ficaram feridos.

Polícia foi acionada depois de assassinato ocorrido no Janga, em Paulista, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

Polícia foi acionada depois de assassinato ocorrido no Janga, em Paulista, no Grande Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

O crime aconteceu por volta das 20h40, na Avenida Cláudio Gueiros Leite, uma das principais vias do bairro, na frente de um supermercado.

A PM informou que o veículo da família parou em um sinal e foi abordado por dois homens que estavam em uma moto. Um deles, que estava na garupa, deu vários tiros de pistola.

O delegado Antônio de Campos e policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foram ao local do crime. Segundo a Polícia Civil, o caso será investigado pela 7ª Delegacia de Polícia de Homicídios (DPH), em Paulista.

Até o início da manhã desta quinta-feira (18), não havia informações sobre motivação e autoria do homicídio. O corpo do comerciante seguiu para o Instituto de Medicina Legal (IML), em Santo Amaro, na área central do Recife.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Mulher é presa com 5,3 quilos de cocaína em mala no Aeroporto do Recife

Por G1 PE

Uma mulher foi presa em flagrante com 5,3 quilos de cocaína no Aeroporto Internacional do Recife/Gilberto Freyre, na Zona Sul. De acordo com a Polícia Federal, a ajudante de cozinha Ivanube da Silva Cruz, de 30 anos, chegou à capital pernambucana em um voo que saiu de Manaus (AM) e transportava a droga na bagagem. (Veja vídeo acima)

A captura ocorreu na segunda-feira (15) e foi divulgada na manhã desta quinta-feira (18). Ainda de acordo com a PF, a mulher já tinha sido presa anteriormente por tráfico de drogas.

Ela seguiu para a sede da corporação, na área central do Recife, e passou por audiência de custódia, que confirmou a prisão preventiva. Caso seja condenada, Ivanube pode pegar penas que vão de cinco a 15 anos de cadeia. A mulher foi levada para a Colônia Penal Feminina, na Zona Oeste.

Tabletes de cocaína foram encontrados na mala de uma mulher, no Aeroporto Internacional do Recife — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Tabletes de cocaína foram encontrados na mala de uma mulher, no Aeroporto Internacional do Recife — Foto: Polícia Federal/Divulgação

A PF informou que a prisão aconteceu durante fiscalização de rotina, quando os agentes selecionam bagagens para fazer inspeção. A mala da mulher passou pelo equipamento de Raio-X e os policiais identificaram tabletes com material orgânico.

Ao pegar a mala, Ivanube foi chamada para uma entrevista preliminar. Segundo a PF, ela estava muito nervosa e não conseguiu explicar os motivos da viagem nem quanto tempo ficaria na cidade. Além da droga. foram apreendidos documentos e um celular.

De acordo com a Polícia Federal, durante o interrogatório, a mulher disse que recebeu a droga no Aeroporto de Porto Velho (RO) e que entregaria os tabletes no Recife. Para participar do tráfico de entorpecentes, afirmou que receberia R$ 3 mil.

Bagagem da mulher presa com cocaína passou pelo equipamento de Raio-X, no aeroporto, e agentes identificaram tabletes com material orgânico — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Bagagem da mulher presa com cocaína passou pelo equipamento de Raio-X, no aeroporto, e agentes identificaram tabletes com material orgânico — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Vítima tira foto de criminoso durante tentativa de assalto no Recife e ele é preso horas depois

Por G1 PE

Um homem foi preso em flagrante, nesta quarta (17), após uma tentativa de assalto no bairro da Torre, na Zona Oeste do Recife. Segundo a Polícia Militar, o assaltante foi encontrado porque a vítima tirou uma foto dele no momento da investida criminosa e publicou em redes sociais.

Daniel Batista Santiago, de 33 anos, foi preso por policiais do 13º Batalhão da PM durante rondas pela região após a publicação da imagem. Na foto postada na internet e enviada ao WhatsApp da TV Globo, é possível ver o homem puxando uma arma da bermuda, correndo em direção à vítima.

A prisão ocorreu por volta das 17h, na comunidade do Cardoso, na Madalena, na Zona Oeste. Ainda de acordo com a Polícia Militar, existem outras queixas por roubo e por lesão corporal contra Daniel Santiago.

Ele foi levado à Central de Plantões da Capital, no bairro de Campo Grande, na Zona Norte do Recife, onde foi autuado em flagrante pela Polícia Civil. O caso foi registrado pela 1ª Delegacia de Plantão, onde outras pessoas foram depor dizendo serem vítimas do mesmo homem.

Por meio de nota enviada nesta quinta-feira (18), a Polícia Civil informou que Daniel foi autuado por roubo. A corporação disse, ainda, que ele será apresentado em uma audiência de custódia.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Detentas fingiam ser autoridades para pedir doações e aplicar golpes em empresários e prefeituras, diz polícia

Por G1 PE

Seis integrantes de uma quadrilha, que fingiam ser autoridades para aplicar golpes ligando para as vítimas e pedindo doações para supostas ações sociais, foram alvos de mandados de prisão nesta quarta (17), segundo a Polícia Civil.

O esquema era comandado por duas detentas da Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima, no Grande Recife, de onde eram feitas as ligações.

Entre as vítimas, estavam empresários e prefeituras de cidades de Pernambuco, como Riacho das Almas e São Bento do Una, no Agreste, e Afogados da Ingazeira e Parnamirim, no Sertão, segundo a polícia.

A corporação não informou se as administrações municipais chegaram a repassar dinheiro público para as supostas ações sociais e informou que isso ainda está sob investigação.

Também foram alvos dos mandados de prisão mais quatro pessoas: outras duas detentas da Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima, um preso do Centro de Observação e Triagem Everardo Luna (Cotel) e um homem que atuava fora dos presídios.

Dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos na Colônia Prisional Feminina de Abreu e Lima, no Grande Recife — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos na Colônia Prisional Feminina de Abreu e Lima, no Grande Recife — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Cada integrante do grupo tinha tarefas específicas. Segundo o delegado Paulo Berenguer, titular do Grupo de Operações Especiais (GOE) da Polícia Civil, a detenta Viviane Assad Tomelic comandava a quadrilha, junto com a também detenta Thais Maria de Oliveira.

Também de dentro do sistema prisional, Mayara de Cássia Souza dos Santos, Paula Cosmo do Nascimento e Jonathan Souza dos Santos emprestavam suas contas bancárias para depósitos e ganhavam comissões enquanto, do lado de fora dos presídios, Bruno Eusébio de Souza fazia as atividades logísticas e cobranças, segundo a polícia.

“O escritório da organização criminosa era a Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima. Através de celulares usados dentro do sistema prisional, as detentas se passavam por magistrados, defensores públicos, promotores de Justiça e pessoas que exercem cargos públicos para obter recursos para eventuais campanhas sociais. Algumas pessoas caíam no golpe e outras, não”, diz.

Segundo Paulo Berenguer, algumas vítimas procuraram o Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco). “Algumas pessoas que conheciam as autoridades públicas, desconfiadas do fato, procuraram a polícia, para que a gente pudesse desenvolver a investigação. Na verdade, era tudo mentira. Era um golpe”, diz.

Participaram da Operação Farsante 30 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães. Segundo a corporação, os alvos da operação respondem pelos crimes de estelionato em continuidade delitiva e organização criminosa.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Lombadas em rodovias estaduais e na BR-232 são desligadas para a Semana Santa

Por G1 PE

Lombada vai ser desligada na BR-232, no Grande Recife, para evitar engarrafamentos na Semana Santa — Foto: Reprodução/TV Globo

Lombada vai ser desligada na BR-232, no Grande Recife, para evitar engarrafamentos na Semana Santa — Foto: Reprodução/TV Globo

Parte das lombadas eletrônicas localizadas na PE-35, em Itapissuma; PE-60, em Ipojuca, e na BR-232, no trecho do Curado, na Zona Oeste do Recife, são desligadas pelo Departamento e Estradas de Rodagem (DER), a partir das 22h desta quarta-feira (17). A medida visa evitar engarrafamentos na saída para o feriado da Semana Santa.

Além disso, a Polícia Rodoviária Federal intensifica a fiscalização nas estradas do Grande Recife a partir da quinta-feira (18). Desde a sexta-feira (12), a PRF já atua nas estradas que levam ao interior devido aos festejos e a apresentação da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, no Brejo da Madre de Deus.

Os esquipamentos são religados às 5h da segunda-feira (22). Com o desligamento, o DER espera dar mais fluidez no tráfego de veículos em direção ao interior, especialmente na BR-232. A expectativa é de que no feriado, haja um acréscimo aproximado de 40% no fluxo de veículos nos dias de ida e de volta pra casa.

Confira as lombadas desligadas no feriadão da Semana Santa:

Na Operação Semana Santa, a PRF conta com um reforço concentrado no policiamento ostensivo preventivo em locais e horários de maior incidência de acidentes e criminalidade.

Equipes da Operação Lei Seca serão distribuídas nas vias e a autuação de um motorista por embriaguez prevê multa no valor de R$2.934,70, sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e suspensão do direito de dirigir por 12 meses.

Em caso de acidentes, a Base de Operações Aéreas da PRF, que atua em conjunto com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), também está na escala de plantões durante o feriadão.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

TCE-PE aponta que 16 das 184 prefeituras têm índice de transparência insuficiente ou crítico

Por G1 PE

Dezesseis prefeituras pernambucanas tem níveis de transparência considerados insuficiente ou crítico, segundo balanço divulgado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), nesta terça-feira (16). O Índice de Transparência dos Municípios Pernambucanos analisou portais e sites oficiais dos governos de 184 cidades do estado, em 2018. (Veja vídeo acima)

Entre as câmaras municipais, 36 têm índices de transparência considerados insuficientes ou críticos e outras duas são inexistentes. A avaliação busca verificar o grau de disponibilização do acesso à informação aos cidadãos.

Mapa mostra o Nível de Transparência das prefeituras dos municípios pernambucanos — Foto: Reprodução/TCE

Mapa mostra o Nível de Transparência das prefeituras dos municípios pernambucanos — Foto: Reprodução/TCE

O levantamento, que é feito desde de 2015, adotou nova metodologia nesta edição. O documento apontou que nenhum governo municipal foi classificado como transparência inexistente.

O índice desejado foi atingido por 103 governos municipais, enquanto moderado vale para outros 65. Dez ainda têm índice insuficiente e outras seis, crítico.

Distribuição dos Municípios cujas Câmaras foram enquadradas nos Níveis de Transparência “Insuficiente”, “Crítico” e “Inexistente” no ITMPE 2018 — Foto: Reprodução/TCE

Distribuição dos Municípios cujas Câmaras foram enquadradas nos Níveis de Transparência “Insuficiente”, “Crítico” e “Inexistente” no ITMPE 2018 — Foto: Reprodução/TCE

O índice leva em consideração as legislações federal e estadual sobre transparência pública, classificando prefeituras e câmaras nas categorias: desejado, moderado, insuficiente, crítico e inexistente. Entre as mudanças, está uma redução dos critérios técnicos avaliados, segundo o TCE.

Além da mudança na metodologia, o tribunal passou a comunicar previamente os gestores, dando chance de que os mesmos apresentem defesa antes da divulgação dos dados. Por meio do site do Tribunal, é possível acompanhar quais municípios se adequaram e como é possível acompanhar a questão da transparência.

Segundo o TCE, as prefeituras e Câmaras classificadas até o nível insuficiente e que descumpriram critérios de avaliação vão responder a um processo de gestão fiscal.

Confira, abaixo, a relação das prefeituras que tiveram níveis de transparência crítico e insuficiente pela avaliação do Tribunal de Contas de Pernambuco, em 2018:

Insuficiente

Crítico

Confira a relação de Câmaras Municipais com níveis insuficiente, crítico e inexistente:

Insuficiente

  • Aliança
  • Belo Jardim
  • Calçado
  • Calumbi
  • Capoeiras
  • Cumaru
  • Exu
  • Ibirajuba
  • Igarassu
  • Inajá
  • Itamaracá
  • Limoeiro
  • Palmares
  • Paudalho
  • Petrolândia
  • Petrolina
  • Quipapá
  • Rio Formoso
  • Saloá
  • Santa Cruz
  • Santa Filomena
  • Santa Maria do Cambucá
  • São Vicente Férrer
  • Serrita
  • Tupanatinga
  • Vertente do Lério
  • Vertentes

Crítico

  • Bodocó
  • Cachoeirinha
  • Frei Miguelinho
  • Ibimirim
  • Ipojuca
  • Itaíba
  • São Joaquim do Monte
  • Surubim
  • Venturosa

Inexistente

  • Iati
  • Quixaba

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

UFPE adia inscrições em concurso público com 166 vagas e salários de até R$ 4,1 mil

Por G1 PE

Há vagas para o Campus Recife da UFPE, além dos campi Caruaru e Vitória de Santo Antão — Foto: UFPE/Divulgação

Há vagas para o Campus Recife da UFPE, além dos campi Caruaru e Vitória de Santo Antão — Foto: UFPE/Divulgação

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) adiou o período de inscrições em um concurso público com 166 vagas para técnicos administrativos, com salários de até R$ 4.180,66. As inscrições, que começariam nesta terça (16), podem ser realizadas entre os dias 16 de julho e 18 de agosto.

Segundo o edital do certame, disponível na internet, há vagas nos níveis de classificação C e D, para nível médio, e E, para nível superior. São oportunidades de trabalho nos campi do Recife, de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata, e Caruaru, no Agreste.

Com a mudança na data das inscrições, as provas ficam previstas para os meses de novembro e dezembro. Os vencimentos iniciais são de R$ 1.945,07 (nível de classificação C), R$ 2.446,96 (nível de classificação D) e R$ 4.180,66 (nível de classificação E). (Confira lista de cargos de cada nível no fim da matéria.)

A inscrição pode ser feita na internet e é preciso pagar uma taxa de R$ 78, para os cargos pertencentes aos níveis de classificação C e D; e de R$ 125, para os cargos do nível de classificação E.

O concurso tem validade de um ano, contado a partir da data de publicação da homologação do resultado no Diário Oficial da União. É possível que seja prorrogado pelo mesmo período, a critério da UFPE.

Confira os cargos por nível de classificação

Nível de Classificação C

  • Administrador de edifícios

Nível de Classificação D

  • Assistente em administração
  • Desenhista de artes gráficas
  • Técnico de laboratório
  • Técnico de tecnologia da informação/área sistemas
  • Técnico em artes gráficas
  • Técnico em contabilidade
  • Técnico em eletrotécnica
  • Técnico em mecânica
  • Técnico em radiologia
  • Técnico em enfermagem

Nível de classificação E

  • Administrador
  • Analista de tecnologia da informação/área sistemas
  • Arquiteto e urbanista
  • Assistente social
  • Diretor de produção
  • Economista
  • Engenheiro
  • Médico
  • Químico
  • Sanitarista
  • Psicólogo
  • Tecnólogo (formação em segurança privada, biomedicina ou enfermagem)

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Integrantes do MST ocupam sede do Incra em ato pela reforma agrária, no Recife

Por G1 PE

Integrantes do MST ocuparam a sede do Incra, na Avenida Rosa e Silva, na Zona Norte do Recife, nesta terça-feira (16) — Foto: Reprodução/WhatsApp

Integrantes do MST ocuparam a sede do Incra, na Avenida Rosa e Silva, na Zona Norte do Recife, nesta terça-feira (16) — Foto: Reprodução/WhatsApp

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) ocuparam a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), na Zona Norte do Recife, na manhã desta terça-feira (16). O ato faz parte das ações do Dia de Luta Pela Reforma Agrária, que ocorre na quarta-feira (17), e do Abril Vermelho.

Segundo o MST, cerca de mil pessoas participam do ato no Recife, que é também contra a violência. A Polícia Militar não acompanha a ação.

Funcionários do Incra afirmaram que o grupo fechou os portões da sede e impediu que os trabalhadores deixassem o local. Um manifesto em prol da reforma agrária foi entregue a representantes do instituto.

O coordenador do MST em Pernambuco, Jaime Amorim, disse que a ocupação se deu apenas pela manhã. “Estamos aqui para lutar contra o desmonte do Incra também. Nós assumimos o compromisso de lutar pela reforma agrária. Enquanto tiver um latifúndio improdutivo e uma família para ser assentada, vamos seguir na luta”, afirmou.

Após a entrega do documento, o grupo deve seguir em caminhada para a Secretaria de Desenvolvimento Agrário, onde outra cópia do manifesto deve ser entregue a integrantes do governo estadual.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.