Operação do MP prende em Petrolina, PE, mulher suspeita de ajudar na lavagem de dinheiro de organizações criminosas

Por G1 Petrolina

Uma mulher foi presa nesta quinta-feira (15) em Petrolina, no Sertão pernambucano. De acordo com informações do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Gabriela Lorrani de Souza Silva é suspeita de ajudar na lavagem de dinheiro originado de organizações criminosas. A prisão faz parte de uma operação realizada pelo Ministério Público de nove estados contra integrantes de organizações criminosas, como o tráfico, e contra policiais suspeitos de ligação com o crime.

Segundo o MPPE, ainda é preciso aprofundar as investigações para saber o grau de participação de Gabriela Lorrani no caso. As investigações dos Grupos de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaecos) resultaram em um total de 300 mandados, entre prisões e buscas, nos nove estados.

Além de Pernambuco, operação do Ministério Público está sendo realizada nos seguinte estados: Acre, Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Boato sobre bomba em avião atrasa voo no Aeroporto do Recife

Por G1 PE

Boato sobre bomba foi registrado no Aeroporto Internacional do Recife nesta quarta-feira (14) — Foto: Reprodução/TV Globo

Boato sobre bomba foi registrado no Aeroporto Internacional do Recife nesta quarta-feira (14) — Foto: Reprodução/TV Globo

Um boato sobre uma bomba dentro de um avião atrasou um voo que saiu do Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre, na tarde desta quarta-feira (14). A Polícia Federal (PF) foi acionada para a ocorrência e informou que o caso foi informado por um passageiro, dentro da aeronave, mas que a informação não procedia.

De acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), a companhia foi acionada para a ocorrência às 14h. O voo de número 2502 estava saindo do Recife para Natal, capital do Rio Grande do Norte, operado pela companhia Azul Linhas Aéreas.

A PF disse que um idoso de 64 anos avisou que estava transportando em sua bagagem de mão líquidos inflamáveis e explosivos e, em seguida, informou a uma comissária de bordo que se tratava de uma bomba. A aeronave foi esvaziada e uma vistoria foi feita na bagagem do homem, além de outros processos técnicos de segurança.

A polícia confirmou que não havia ameaça ou substâncias explosivas na bagagem e que se tratava de uma brincadeira. Um registro da ocorrência foi feito na Polícia Federal e o passageiro poderá responder criminalmente pelo caso. Ele não embarcou no mesmo voo, mas a PF não esclareceu se ele ficou detido ou se foi liberado.

A Infraero informou, ainda, que o voo em questão teve a partida atrasada, por causa dos procedimentos realizados pela Polícia Federal. Depois disso, o voo seguiu para a capital potiguar. De acordo com o site da Infraero, o voo, que estava previsto para as 14h, teve o embarque confirmado às 16h18.

G1 entrou em contato com a Azul, para saber se outros voos foram afetados e foi informado que a empresa não irá comentar o caso “para não atrapalhar as investigações policiais.”

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Ato contra bloqueios de verbas para universidades federais e reforma da Previdência é realizado no Recife

Por Pedro Alves, G1 PE

Estudantes, integrantes de movimentos sociais e representantes de sindicatos se reuniram, na tarde desta terça-feira (13), no Recife, para protestar contra bloqueios das verbas para as universidades federais, determinados pelo Ministério da Educação (MEC). Os manifestantes também se mobilizaram para criticar a reforma da Previdência, que está em tramitação no Senado Federal. Grupo fez passeata e bloqueou ruas na área central. Ato foi encerrado às 18h48. (Veja vídeo acima)

Na manhã desta terça, escolas e universidades suspenderam atividades no Recife. As ações fazem parte de uma mobilização nacional registrada em dezenas de cidades do Brasil.

No Recife, eles se concentraram na Rua da Aurora, no bairro da Boa Vista, em frente ao colégio Ginásio Pernambucano, uma das escolas estaduais que fecharam as portas nesta terça.

Com faixas e cartazes contrários aos bloqueios do governo federal e contra frases ditas pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) e pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub.

Por volta das 16h30, os manifestantes começaram uma caminhada. Trios elétricos participaram da mobilização. O ato seguiu pelas Ruas João Lira e do Hospício, Avenida Conde da Boa Vista, Ponte Duarte Coelho, Avenida Guararapes e Praça da Independência.

No fim da tarde, os manifestantes seguiram pela Rua Princesa Isabel, também no Centro. Integrantes do grupo colocaram fogo em entulho no meio da pista e bloquearam a via durante alguns minutos.

Às 17h48, o grupo chegou até a Avenida Conde da Boa Vista, um dos principais corredores de ônibus do recife. Os dois sentidos da via foram bloqueados. Às 18h48, o protesto foi encerrado, na Avenida Guararapes.

A estudante de engenharia biomédica Tatianne Matos foi para a rua protestar contra o bloqueio de verbas na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), instituição onde estuda.

No dia 6 de agosto, a UFPE suspendeu o uso de ares-condicionadospara economizar o orçamento. A instituição diz que, com os bloqueios, o semestre letivo poderá ser interrompido em setembro.

“Vim aqui para defender o Brasil desse governo opressor. Os cortes vão prejudicar muito o país, porque muita inovação depende dos investimentos, que para o governo, são chamados de gastos. A infraestrutura já não era boa, mas sempre tentamos fazer nosso melhor com o que tínhamos. Agora, não sei como será. Nossos direitos, constitucionalmente garantidos, precisam ser mantidos”, afirma a estudante.

Segundo Ivete Caetano, integrante da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação de Pernambuco (Sintepe), um dos organizadores do ato, os bloqueios feitos pelo governo afetam, além das universidades e institutos federais, a educação básica.

“O povo tem direito à educação pública gratuita. Tanto os cortes quanto a reforma da Previdência atingem diretamente os mais pobres. Na educação básica, por exemplo, já não sabemos se, no ano que vem, os alunos vão ter livros didáticos”, afirma Ivete Caetano.

Marcos Lima e Fernando Revoredo são técnicos administrativos na Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e participam do Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais de Pernambuco (Sintufepe). Para Marcos, a reforma da Previdência não beneficia a classe trabalhadora.

“Essa reforma foi um arranjo que o ministro Paulo Guedes e o governo Bolsonaro encontraram para tirar dinheiro dos mais pobres e transferir para a iniciativa privada. Quem vai lucrar com isso são os banqueiros e grandes empresas de capital privado. Quem vai pagar pela reforma é quem ganha até dois salários mínimos e os ricos não serão afetados”, afirma Marcos Lima.

Fernando Revoredo criticou o projeto Future-se, iniciativa proposta pelo MEC que tem como objetivo aumentar a autonomia administrativa das universidades federais.

“O Future-se tem como objetivo entregar as federais a um grupo privado de educação. Nós, da UFRPE, fizemos uma assembleia conjunta e repudiamos o projeto. Essa decisão vai ser enviada ao Conselho Superior da instituição para que os outros segmentos também se juntem”, diz Revoredo.

Este é o terceiro ato realizado por estudantes, integrantes de movimentos sociais e sindicalistas contra os bloqueios na educação. O primeiro deles aconteceu em 15 de maio e o segundo, no dia 30 do mesmo mês.

Outros atos

Nesta terça-feira (13), parte das instituições de ensino do Recife não teve aula, por causa da paralisação em defesa da educação pública e contra a reforma da Previdência.

A Secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco informou, por nota, que participaram 577 unidades, sendo 201 com adesão parcial. Ao todo, 482 colégios funcionaram normalmente.

Ainda segundo a secretaria, as escolas vão montar um cronograma de reposição para cumprimento dos 200 dias letivos e “nenhum estudante será prejudicado”.

A mobilização foi convocada por sindicatos e outras entidades. Universidades paralisaram parcialmente as atividades. Também houve manifestações em Caruaru, no Agreste.

A mobilização foi convocada após o governo federal editar novo decreto com bloqueios orçamentários, no final de julho. O bloqueio adicional, que se soma aos R$ 29,7 bilhões divulgados em março, prevê contingenciamento de R$ 348,47 milhões no Ministério da Educação.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Vereadores aprovam abertura de processo de impeachment de prefeito afastado em Camaragibe

Por Mhatteus Sampaio, TV Globo

Os vereadores de Camaragibe, no Grande Recife, aprovaram nesta terça-feira (13) um novo pedido de abertura de processo de impeachment do prefeito afastado da cidade, Demóstenes Meira (PTB). O chefe do Executivo foi preso pela Polícia Civil em junho, sob suspeita de fraude em licitação, corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Outro processo para cassar o prefeito foi aberto em 26 de fevereiro, após o político exigir a presença de servidores comissionados em uma prévia carnavalesca, durante o show da noiva dele, Taty Dantas, que também era secretária de Assistência Social do município. Em maio, no dia da votação do afastamento, a Justiça impediu a realização da sessão.

A sessão desta terça-feira, realizada na Câmara de Camaragibe, começou por volta das 9h40, com 40 minutos de atraso. Estavam presentes 11 dos 13 vereadores da cidade. Doze votaram a favor da abertura do processo.

O vereador Paulo André (PSB), primeiro secretário da Câmara, leu a ata e falou sobre a importância do processo de impeachment. Ele se absteve de votar. A vereadora Lindomar Santos (PSDB) faltou, alegando um problema de saúde.

Do lado de fora da Câmara, muita gente aguardava o início da sessão. O plenário ficou lotado e não houve registro de tumulto.

Com a aprovação do pedido, os vereadores criaram uma comissão. Formado por três parlamentares, o colegiado terá 90 dias para avaliar o caso e marcar a data para a votação do afastamento, em sessão no plenário.

Procurada pela G1, a assessoria do advogado Ademar Rigueira, que defende Meira, informou que só atua na esfera penal. Os casos administrativos, disse a defesa, não são da competência do escritório, que não trata de questões políticas.

Moradores acompanharam sessão sobre impeachment de prefeito na Câmara de Camaragibe — Foto: Reprodução/TV Globo

Moradores acompanharam sessão sobre impeachment de prefeito na Câmara de Camaragibe — Foto: Reprodução/TV Globo

Comissionados em show

No dia 17 de fevereiro, o então prefeito Demóstenes Meira divulgou mensagens de voz, pelas redes sociais e WhatsApp, convocando os servidores comissionados para participar o desfile do bloco Canário Elétrico, no Centro de Camaragibe.

A festa da agremiação, que teve a participação da cantora e ex-secretária da prefeitura, foi organizada pelo ex-secretário de Educação Denivaldo Freire. A contratação de Taty Dantas, segundo o ex-secretário, ocorreu a partir de um pedido de Demóstenes Meira.

Nas mensagens, Meira afirmou que filmaria o evento para saber quantos comissionados compareceriam, de fato, para prestigiar Taty Dantas.

Pouco antes do desfile do bloco, o prefeito confirmou que fez a convocação dos servidores e justificou que “era preciso apoiar a noiva”.

Investigação e prisão

Operação Harpalo, do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco), começou em dezembro de 2018 e investiga o superfaturamento em contratos da prefeitura de Camaragibe. A primeira fase foi deflagrada em março de 2019. (

Segundo a delegada Jéssica Ramos, que comanda as investigações, o rombo pode chegar a R$ 117 mil em um contrato de R$ 1,2 milhão para a manutenção de escolas municipais, em que houve dispensa de licitação.

Após a deflagração da primeira fase, a delegada afirmou que dois funcionários públicos haviam sido ameaçados a mando de Meira por “saberem demais”.

A prisão preventiva e o afastamento cautelar do prefeito, ocorridos em 20 de julho, fazem parte da segunda fase da operação e foram determinados pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), em decisão assinada pelo desembargador Mauro Alencar.

Demóstenes Meira foi preso no apartamento onde mora, no bairro da Madalena, na Zona Oeste do Recife. Com o afastamento de Meira, a vice-prefeita Nadegi Queiroz (DC), tomou posse e assumiu a prefeitura da cidade. Nadegi já havia rompido com o prefeito afastado desde janeiro de 2017.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Aulas são suspensas no Recife em dia de mobilização pela educação

Por G1 PE

Parte das instituições de ensino do Recife não teve aula, nesta terça-feira (13), dia de paralisação em defesa da educação pública e contra a reforma da Previdência, convocada por sindicatos e outras entidades. Há escolas sem funcionar na região central da capital, e universidades suspendem parcialmente as atividades.

A mobilização foi convocada após o governo federal editar novo decreto com bloqueios orçamentários, no final de julho. O bloqueio adicional, que se soma aos R$ 29,7 bilhões divulgados em março, prevê contingenciamento de R$ 348,47 milhões no Ministério da Educação.

No Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), na Cidade Universitária, na Zona Oeste da capital, faixas foram penduradas nas grades e funcionários informaram que não haveria aula. Nos Centros de Artes e Comunicação, de Ciências Ciências Sociais Aplicadas e de Filosofia e Ciências Humanas, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), as aulas também foram afetadas.

No complexo de escolas do Instituto de Educação de Pernambuco, localizado na região central do Recife, três das quatro unidades estavam sem estudantes nesta manhã: Sylvio Rabelo, João Barbalho e Sizenando Silveira. Próximo a elas, o Ginásio Pernambucano também não teve expediente.

O Conselho Universitário da Universidade de Pernambuco (Consun/UPE) emitiu comunicado apoiando o ato desta terça-feira e manifestado-se “contra os cortes na educação e qualquer projeto que terceirize o financiamento da educação pública”. Segundo a assessoria da UPE, cabe a chefia de cada centro decidir sobre a suspensão das aulas.

A UFPE e a UFRPE informaram os sindicatos fizeram a convocação e cada servidor decide sobre paralisar as atividades.

A Universidade Católica de Pernambuco cancelou as aulas e atividades administrativas a partir das 17h desta terça-feira.

Na rede municipal do Recife, segundo a Secretaria de Educação, das 310 escolas, 43 fecharam. Além dessas, 212 funcionaram parcialmente, 43 abriram normalmente. Duas escolas não informaram o status de funcionamento.

Na rede estadual, 577 escolas aderiram à paralisação, sendo 201 unidades com adesão parcial, de acordo com a Secretaria da Educação. Segundo nota enviada à imprensa, 482 escolas funcionaram normalmente. O texto diz ainda que as escolas “vão montar um cronograma de reposição para cumprimento dos 200 dias letivos e nenhum estudante será prejudicado”.

Protesto no interior

Em Caruaru, no Agreste do estado, manifestantes realizaram um protesto no Centro da cidade, nesta terça (13). Professores, alunos e representantes de partidos e associações participaram do movimento, que é contra os cortes de verbas para a Educação e a Reforma da Previdência

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Jovem tem couro cabeludo reimplantado após acidente com kart no Recife

Do G1 PE

A reimplantação do couro cabeludo da jovem de 19 anos, que foi escalpelada durante um acidente com kart, foi um sucesso, informou o Hospital da Restauração (HR) nesta terça-feira (13). Apesar do quadro clínico considerado estável após o reimplante, Débora Stefanny Dantas de Oliveira foi submetida a uma nova cirurgia no fim da manhã.

À tarde, a unidade de saúde informou que o estado de saúde dela era estável. Segundo a assessoria de comunicação do HR, foram feitos procedimentos para retirar pequenas obstruções em vasos sanguíneos.

Durante o acidente no domingo (11), quando o cabelo dela prendeu no motor do veículo, a pele desde a testa até a nuca da vítima foi arrancada. Como o material foi levado para o hospital, médicos dos setores de neurologia e de cirurgia plástica do HR conseguiram recuperar e reimplantar 80% da área atingida em uma cirurgia que durou cinco horas.

“Infelizmente nós não conseguimos aproveitar 100% porque, durante o trauma, esse couro cabeludo foi seccionado, foi cortado. Então a gente aproveitou basicamente 80% e a parte principal, que envolve as pálpebras, a sobrancelha, a região da testa e um bom pedaço do couro cabeludo. A cicatriz vai ficar porque foi um corte muito grande, mas, diante da perda que iria haver, vai ser bem pequena em relação ao procedimento feito”, afirmou o médico cirurgião Jonathan Vidal.

Segundo o médico, outros procedimentos precisam ser feitos na paciente. “Esse foi um procedimento inicial, um grande avanço porque ela vai preservar boa parte do rosto e a parte principal para manter relação social dela. A porção posterior, vamos reconstruir no segundo tempo”, declarou.

Perícia na pista

O acidente aconteceu no domingo (11), na pista de corrida de kart localizada no estacionamento do Walmart na esquina da Avenida Fernando Simões Barbosa com a Rua Padre Carapuceiro, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. A pista, que foi interditada pelo Procon na segunda (12), passou por perícia do Instituto de Criminalística nesta terça (13).

A perícia durou aproximadamente três horas e contou com a participação de três peritos.

“Nós avaliamos as condições da pista, de tráfego e segurança, as manchas de sangue no local e exames do kart. Tinha fios de cabelo e sangue no carrinho. Foi feita uma interdição, mas, por parte da perícia, já está liberado, exceto o carrinho número 1, usado por ela, que está reservado para uma eventual necessidade de complementação de exames”, afirmou o perito Rogério Dantas.

O advogado da empresa Adrenalina Kart Racing, Carlos Arthur Ferrão Júnior, acompanhou a perícia a distância e apresentou o documento com regras da atividade que é assinado pelos participantes antes de entrarem na pista.

“Todos os procedimentos de segurança foram tomados. O cabelo da senhora Débora foi preso usando uma balaclava e um capacete. O kartódromo está tomando as providências para que, após a cirurgia no Hospital da Restauração, que é referência para esse tipo de situação, ela seja removida para um hospital particular para ter um acompanhamento médico mais adequado, que requer mais cuidados”, disse.

Investigação

De acordo com o tio da vítima, Douglas Nascimento, a jovem estava com o namorado participando de uma corrida de kart pela primeira vez quando o cabelo dela prendeu na engrenagem do veículo. Ela e o namorado não receberam ajuda no local do acidente, afirmou Nascimento. (Veja vídeo acima)

Sogra de Débora, Andréa Tumajan, registrou um boletim de ocorrência na Delegacia de Boa Viagem, na segunda. Ela contou que tinha ido ao banheiro com a neta e, ao voltar, já viu a vítima no chão, sem receber socorro.

A Polícia Civil informou que vai investigar o caso e que perícias serão realizadas no kart e na pista. Peritos do Instituto de Medicina Legal (IML) vão ao HR realizar um exame de corpo de delito em Débora. Se for comprovado que os funcionários não ofereceram todos os equipamentos de segurança, a empresa pode ser responsabilizada por negligência.

Um vídeo enviado para o WhatsApp da TV Globo mostra a jovem na corrida de kart momentos antes do acidente. Ela é a primeira a aparecer no vídeo, no carro de número 01.

Por telefone, na segunda (12), o dono da empresa Adrenalina Kart Racing, Fábio Dreyer, viajou para o Recife para acompanhar o caso e disse que vai prestar toda a assistência à vítima.

Dreyer disse que ela estava com o cabelo amarrado, com coque, e usava capacete, mas o cabelo se soltou. Ele também disse que vai apurar o acidente para saber o que houve de errado.

Por meio de nota, a Adrenalina Kart Racing informou que funcionários da empresa solicitaram assistência médica, mas “os familiares entenderam remover a cliente para o Hospital da Restauração, referência em Pernambuco, para pronto atendimento.”

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Polícia Rodoviária apreende 29 motos irregulares em fiscalizações na BR-232

Por G1 PE

Motocicletas foram apreendidas pela PRF no Agreste e Zona da Mata de Pernambuco — Foto: PRF/Divulgação

Motocicletas foram apreendidas pela PRF no Agreste e Zona da Mata de Pernambuco — Foto: PRF/Divulgação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 29 motocicletas irregulares que trafegavam pela BR-232, nos municípios de Bezerros, no Agreste de Pernambuco, e Pombos, na Zona da Mata de Pernambuco.

As apreensões ocorrerem durante ação realizada no sábado (10) e o resultado foi divulgado pela corporação nesta segunda-feira (12). Segundo a PRF, o objetivo é diminuir os acidentes com motocicletas.

Ao todo, foram fiscalizadas 67 motos e 74 pessoas. A PRF informou ter emitido 122 autuações por diversas irregularidades. Além disso, um homem foi levado à Delegacia de Gravatá, no Agreste, por suspeita de adulteração em nota fiscal.

Entre as principais infrações verificadas estavam condutores sem habilitação, adolescentes na condução de veículos, excesso de passageiros e crianças transportadas de forma irregular.

Também foram constatadas falta de capacete, falta de documentos de porte obrigatório e licenciamento atrasado.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Jovem tem cabelo reimplantado após acidente durante corrida de kart no Recife

Do G1 PE

A cirurgia para reimplantar o cabelo da jovem de 19 anos, que teve o couro cabeludo arrancado durante uma corrida de kart, foi um sucesso, informou o Hospital da Restauração nesta terça-feira (13). O estado de saúde de Débora Stefanny Dantas de Oliveira é considerado estável pelos médicos. (

O acidente aconteceu no domingo (11), no estacionamento do Walmart localizado na esquina da Avenida Fernando Simões Barbosa com a Rua Padre Carapuceiro, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. A pista foi interditada pelo Procon na segunda (12).

A assessoria do HR informou, também nesta terça, que Débora foi atendida por médicos dos setores de neurologia e de cirurgia plástica, permanecendo na sala de recuperação, após o procedimento cirúrgico. Outros detalhes devem ser passados durante a manhã pela equipe médica.

Acidente

De acordo com o tio da vítima, Douglas Nascimento, a jovem estava com o namorado participando de uma corrida de kart pela primeira vez quando o cabelo dela prendeu na engrenagem do veículo. Ela e o namorado não receberam ajuda no local do acidente, afirmou Nascimento.

Sogra de Débora, Andréa Tumajan, registrou um boletim de ocorrência na Delegacia de Boa Viagem, na segunda. Ela contou que tinha ido ao banheiro com a neta e, ao voltar, já viu a vítima no chão, sem receber socorro.

A Polícia Civil informou que vai investigar o caso e que perícias serão realizadas no kart e na pista. Peritos do Instituto de Medicina Legal (IML) vão ao HR realizar um exame de corpo de delito em Débora. Se for comprovado que os funcionários não ofereceram todos os equipamentos de segurança, a empresa pode ser responsabilizada por negligência.

Um vídeo enviado para o WhatsApp da TV Globo mostra a jovem na corrida de kart momentos antes do acidente. Ela é a primeira a aparecer no vídeo, no carro de número 01.

Por telefone, na segunda (12), o dono da empresa Adrenalina Kart Racing, Fábio Dreyer, viajou para o Recife para acompanhar o caso e disse que vai prestar toda a assistência à vítima.

Dreyer disse que ela estava com o cabelo amarrado, com coque, e usava capacete, mas o cabelo se soltou. Ele também disse que vai apurar o acidente para saber o que houve de errado.

Por meio de nota, a Adrenalina Kart Racing informou que funcionários da empresa solicitaram assistência médica, mas “os familiares entenderam remover a cliente para o Hospital da Restauração, referência em Pernambuco, para pronto atendimento.”

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Carro pega fogo na Zona Norte do Recife

Por G1 PE

Um carro pegou fogo, no fim da tarde desta segunda-feira (12), na Avenida 17 de Agosto, em Casa Forte, na Zona Norte do Recife.Segundo o Corpo de Bombeiros, uma equipe foi acionada para conter as chamas.

O fogo começou por volta das 17h50 e foi controlado por volta das 19h. Testemunhas disseram que ouviram pequenas explosões, antes de as chamas tomarem conta do veículo. Os bombeiros informaram que não houve pessoas feridas.

Um vídeo enviado para o WhatsApp da TV Globo mostra o carro pegando fogo. De longe, era possível observar as chamas e muita fumaça. O trânsito, que já é complicado no horário, ficou ainda mais lento.

Os bombeiros informaram que o condutor contou ter sentido o cheiro de fumaça, ao parar o carro em um sinal, mas não detectou que era no seu automóvel.

Ainda segundo a corporação, após o sinal abrir, o motorista disse que deu partida. Em seguida, viu as chamas, sendo obrigado a parar o veículo. Ele disse aos bombeiros que retirou alguns objetos e se afastou do carro.

Carro pegou fogo, nesta segunda-feira (12), na Avenida 17 de Agosto, na Zona Norte do Recife  — Foto: Reprodução/WhatsApp

Carro pegou fogo, nesta segunda-feira (12), na Avenida 17 de Agosto, na Zona Norte do Recife — Foto: Reprodução/WhatsApp

Outros casos

Na quarta-feira (7), um carro pegou fogo no bairro de Santana, na Zona Norte do Recife. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o veículo ficou destruído, mas não houve vítimas.

Ainda segundo os bombeiros, o carro pegou fogo na Rua Afonso Albuquerque Melo, por volta das 21h. O veículo atingido era uma EcoSport prata.

Uma viatura foi acionada para combater as chamas. Os bombeiros informaram que foi constatada perda total no carro.

Segundo a corporação, o motorista contou que estava conversando com amigos, quando o motor começou a pegar fogo.

No dia 1º de agosto, um motorista ficou ferido depois que o carro que ele dirigia explodiu e pegou fogo, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o homem, que não teve o nome divulgado, sofreu queimaduras de primeiro e segundo graus no rosto, braços e tronco.

Ainda de acordo com os bombeiros, o incêndio no veículo, uma Spin branca, ocorreu às 19h15, na Avenida Juarez Távora, perto do Hotel Enseada.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Jovem é morto a tiros em escadaria de estação de metrô

Por G1 PE

Estação do metrô do Barro fica na Zona Oeste do Recife — Foto: Reprodução/Google Street View

Estação do metrô do Barro fica na Zona Oeste do Recife — Foto: Reprodução/Google Street View

Um jovem foi assassinado na escadaria de acesso à Estação de Metrô do Barro, na Zona Oeste do Recife. Segundo a Polícia Civil, Jonas Yuri Silva de Carvalho, de 22 aos, levou vários tiros que foram disparados por desconhecidos.

O crime ocorreu na noite de domingo (11), mas o caso foi divulgado nesta segunda-feira (12). A polícia trabalha com a hipótese de acerto de contas. A vítima tinha passagem anterior pelo sistema prisional e estava em liberdade havia um ano.

De acordo com a corporação, Jonas Yuri trabalhava como ambulante na estação do metrô do Barro. A vítima, disse a polícia, frequentava bares na área.

Ainda de acordo com a polícia, um inquérito foi aberto para apurar a autoria do homicídio. O caso está sendo investigado pela Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Estatísticas

No primeiro semestre de 2019, Pernambuco contabilizou 1.757 homicídios em todo o estado. O número é 23% menor do que as 2.284 ocorrências do mesmo tipo registradas no mesmo período do ano passado.

De acordo com os números apresentados pela Secretaria de Defesa Social (SDS), a redução mais expressiva ocorreu em fevereiro, com 33,7% a menos de homicídios em relação a 2018.

Em junho, último mês contabilizado, a redução foi de 24,7%, passando de 336 homicídios em 2018 para 253 crimes do mesmo tipo em 2019.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.