Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

NUVEM DE TAGS

Estátua de Ariano Suassuna é alvo de vandalismo, no Recife

Escultura, que faz parte do Circuito da Poesia, amanheceu caída na calçada, na Rua da Aurora. Emlurb diz que monumento vai ser reparado.

Por G1 PE

A estátua do escritor Ariano Suassuna, localizada na Rua da Aurora, região central do Recife, apareceu quebrada na altura das pernas e caída no chão, nesta segunda-feira (21).

A Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb) informou que a escultura foi depredada e que equipes verificam a extensão dos danos para providenciar o reparo (veja vídeo acima).

O monumento de 1,8 metro foi feito pelo artistas plástico Demétrio Albuquerque e inaugurado em 2017. A obra foi instalada em frente ao Teatro do Arraial Ariano Suassuna, na Rua da Aurora.

A escultura faz parte do Circuito da Poesia do Recife, criado para perpetuar o legado de personalidades ligadas à arte em Pernambuco.

Além da obra em homenagem a Ariano, o circuito tem monumentos de artistas como os poetas Manuel Bandeira e João Cabral de Melo Neto; os músicos Chico Science e Luiz Gonzaga; e o compositor Capiba.

Vandalismo

Imagem da estátua de Ariano Suassuna, instalada na Rua da Aurora em 2017, antes de ser depredada — Foto: Divulgação/Lu Streithorst

Imagem da estátua de Ariano Suassuna, instalada na Rua da Aurora em 2017, antes de ser depredada — Foto: Divulgação/Lu Streithorst

As estátuas do Circuito da Poesia também foram alvos de vandalismo em março de 2020. Na data, a estátua de Ariano Suassuna teve o nariz quebrado e a de João Cabral de Melo Neto teve o nariz e parte do queixo quebrados, além das placas de identificação pichadas.

De acordo com a Emlurb, são gastos aproximadamente R$ 2 milhões por ano em recuperação de monumentos, pontes e edificações que sofrem com atos de vandalismo. O número para fazer denúncias é o 156.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Ônibus são paralisados em protesto no Centro do Recife

Com faixas e cartazes, manifestantes alegam que ato é contra demissões realizadas por empresas de ônibus ao longo da pandemia.

Por G1 PE e TV Globo

Ônibus ficaram parados em vias da região central do Recife durante um protesto, nesta segunda-feira (21). Os manifestantes afirmaram que o ato foi convocado para alertar para demissões feitas por empresas de ônibus ao longo da pandemia de Covid-19 .

O grupo afirmou que faz parte da oposição à atual direção do Sindicato dos Rodoviários e também pediu por 100% da frota de ônibus circulando na Região Metropolitana do Recife. Devido à pandemia, o frota foi reduzida. O ato foi iniciado por volta das 7h30.

Os manifestantes também alegaram que querem alertar sobre um projeto de lei em tramitação na Câmara dos Vereadores do Recife, que trata da saída dos cobradores e da dupla função por motoristas de ônibus.

O Grande Recife Consórcio de Transporte informou, por meio de nota, que não foi comunicado sobre o protesto. O consórcio afirmou que procura, em conjunto com a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), “alternativas para o desvio do itinerário das linhas que passam pela localidade com o objetivo de mitigar os impactos deste protesto para os usuários”.

Por meio de nota, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Pernambuco (Urbana-PE) informou que “o movimento ocorre sem qualquer diálogo prévio e não observa a antecedência mínima exigida aos serviços essenciais”. O G1 questionou sobre as demissões, mas não recebeu resposta.

Ônibus ficaram estacionados na Ponte Duarte Coelho, na região central do Recife, durante protesto de motoristas e cobradores, nesta segunda-feira (21) — Foto: Reprodução/TV Globo

Ônibus ficaram estacionados na Ponte Duarte Coelho, na região central do Recife, durante protesto de motoristas e cobradores, nesta segunda-feira (21) — Foto: Reprodução/TV Globo

Imagens feitas pela TV Globo mostraram os coletivos parados em filas. Com faixas e cartazes, eles ficaram posicionados no cruzamento da Rua da Aurora e Avenida Conde da Boa Vista e no da Rua do Sol com Avenida Guararapes. Os passageiros desceram dos coletivos e seguiram a pé pelas vias do Centro.

A CTTU informou que os motoristas que seguem pela Avenida Conde da Boa Vista foram orientados a desviar pelas ruas Gervásio Pires ou Soledade. Também devido à manifestação, a Avenida Cruz Cabugá estava apenas uma faixa de rolamento liberada no sentido Centro. O fluxo de veículos era intenso na altura do Ginásio Pernambucano.

Protestos anteriores

Outras paralisações foram realizadas por trabalhadores dos ônibus nas últimas semanas no Grande Recife. Em 25 de agosto, funcionários da empresa Vera Cruz não tiraram os coletivos da garagem. Na data, passageiros da Zona Sul do Recife e da parte sul da Região Metropolitana enfrentam dificuldades até à noite, pois não houve acordo entre os funcionários e os empregadores.

No dia 4 de setembro, os motoristas e cobradores da empresa Caxangá paralisaram as atividades dos ônibus e não saíram das garagens, afetando passageiros do Recife e de Olinda. Segundo o Sindicato dos Rodoviários, o protesto foi feito por conta das demissões por parte da empresa, classificadas como “abusivas” pelos trabalhadores.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Vídeo mostra entregador de comida sendo assaltado em Casa Amarela, no Recife

Assalto no cruzamento das ruas Rodrigues Sete e Professor Souto Maior, na Zona Norte da cidade, foi registrado por câmeras de segurança de um condomínio da área.

Por G1 PE e TV Globo

Um entregador de comida foi assaltado por dois homens no bairro de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife. O crime foi registrado por câmeras de segurança de um condomínio da região .

Nas imagens, registradas por volta das 19h25 do sábado (19) no cruzamento das ruas Rodrigues Sete e Professor Souto Maior, foi possível ver que o entregador passou em uma moto e foi abordado por dois homens. Um deles estava armado.

O trabalhador foi obrigado a descer do veículo, e os dois homens fugiram levando a motocicleta. Segundo moradores da área, os assaltos são comuns porque falta policiamento nessa região da cidade.

Assalto ocorreu no bairro de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Assalto ocorreu no bairro de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Em nota, a Polícia Militar informou que o policiamento no bairro de Casa Amarela é feito pelo 11º Batalhão da PM, por meio de guarnições táticas de combate aos crimes violentos contra o patrimônio, com o auxílio de equipes do Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI) e de policiais em motocicletas. Ainda segundo a corporação, a Operação Comércio Seguro também intensifica a segurança do local.

Também no texto, a PM disse que a denúncia desse caso do assalto ao entregador de comida foi encaminhada ao comandante do 11º Batalhão, que afirmou que intensificará as rondas no local. “Lembrando que a PM ratifica a importância do registro de ocorrências através do 190 e também na Delegacia da Polícia Civil para viabilizar ajustes na estratégia de segurança”, declarou no comunicado.

G1 entrou em contato com a Polícia Civil, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.

Roubos em Pernambuco

Ao longo do mês de agosto de 2020, Pernambuco registrou 3.952 ocorrências de roubo. O número representa uma queda de 41,2% em relação aos 6.723 crimes do mesmo tipo ocorridos em agosto de 2019. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Defesa Social (SDS).

Somente no Recife, foram registrados 1.400 casos de roubos a estabelecimentos, ônibus e pedestres. Em agosto do ano passado, foram 2.505 ocorrências do mesmo tipo, o que representa uma queda de 44,1% se comparados os dois períodos.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Pernambuco confirma mais 475 casos de coronavírus e 12 mortes de pacientes com Covid-19

Neste domingo (20), o estado totalizou 141.517 confirmações da Covid-19 e 8.016 óbitos.

Por G1 PE

Pernambuco tem mais de 141 mil casos e 8 mil mortes por Covid-19

Com mais 475 casos e mais 12 mortes, Pernambuco totalizou, neste domingo (20), 141.517 confirmações da Covid-19 e 8.016 óbitos, registrados desde março, quando surgiram os primeiros casos do novo coronavírus, de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde .

Entre os novos casos, 22 são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e as outras 453 ocorrências são de pacientes com quadro de saúde considerado leve, de pacientes que não demandaram internamento hospitalar ou que já estavam curados da doença.

Do total de confirmações, 26.054 são de pacientes com Srag e outros 115.463, casos leves. Todos os 184 municípios pernambucanos e o Arquipélago de Fernando de Noronha registraram casos do novo coronavírus.

Também neste domingo, foram registrados 511 novos pacientes curados da Covid-19. Ao todo, há 123.023 pessoas recuperadas da doença, desde março.

Mortes

Segundo o boletim deste domingo, foram confirmadas mortes de quatro homens e de oito mulheres. Esses pacientes moravam nos seguintes municípios:

Aliança (1), Bezerros (1), Cabo de Santo Agostinho (1), Caruaru (1), Escada (1), Igarassu (1), Mirandiba (1), Petrolina (1), Recife (1), Santa Cruz da Baixa Verde (1), Trindade (1) e Vitória de Santo Antão (1). Com

As mortes registradas no boletim deste domingo ocorreram entre 30 de abril e 19 de setembro. Do total de óbitos, um ocorreu em abril e cinco, em maio.

Os pacientes tinham idades entre 51 e 88 anos. As faixas etárias são: 50 a 59 (3), 60 a 69 (1), 70 a 79 (6), 80 anos ou mais (2).

Dos 12 pacientes que vieram a óbito, cinco apresentavam comorbidades confirmadas: doença cardiovascular (3), diabestes (2), doença renal crônica (2), doença respiratória (1), lupus (1), hipertensão (1), tabagismo (1) e obesidade (1).

Um paciente pode ter mais de uma doença pré-existente. Um doente não apresentava comorbidades e os demais estão em investigação.

Testagem

Desde o início da pandemia, em março, o estado realizou 427.305 testes para detectar a Covid-19. Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 21.621 casos foram confirmados, 35.341 foram descartados, 302 tiveram resultado inconclusivo e outros sete estão em investigação.

Leitos

Segundo o governo, a taxa global de ocupação de leitos para a Covid-19, neste domingo (20), era de 51%. Havia pacientes em 67% das UITS e em 38% das enfermarias.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

INSS retoma perícias médicas em duas das oito agências abertas no Grande Recife

Serviço voltou a ser oferecido em Casa Amarela, na Zona Norte, e na agência Corredor do Bispo, no Centro, onde um dos peritos faltou nesta segunda (21), mas foi substituído por volta das 10h.

Por G1 PE e TV Globo

Perícias são retomadas em agência do INSS do Recife

Após a dificuldade para a realização de perícias médicas com a reabertura das agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), pessoas que compareceram à agência de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife, conseguiram ter acesso ao serviço nesta segunda-feira (21). Essa é uma das duas agências na Região Metropolitana que retomaram o serviço 

No local, segundo o INSS, há 32 perícias médicas agendadas para os períodos da manhã e da tarde. O atendimento teve início às 7h30 e é feito por dois peritos. À tarde, outros dois profissionais devem realizar os atendimentos restantes.

Além de Casa Amarela, a agência Corredor do Bispo, no Centro da cidade, também retomou o serviço de perícia médica. De acordo com a assessoria de comunicação do INSS, o perito responsável pelo serviço no período da manhã não havia comparecido ao trabalho até as 9h30.

Pouco antes das 10h, o profissional foi substituído por outra pessoa. Havia 16 atendimentos agendados para esta segunda-feira (21), sendo oito pela manhã.

Agência do INSS no Recife retoma perícia médica — Foto: Reprodução/TV Globo

Agência do INSS no Recife retoma perícia médica — Foto: Reprodução/TV Globo

Na semana anterior, apesar da reabertura das agências, houve dificuldades para a realização das perícias, mesmo para beneficiários que haviam agendado os exames. Isso ocorreu porque os médicos peritos decidiram não retomar as atividades presenciais em todo o país.

As duas agências fazem parte do grupo de oito que voltaram às atividades no Grande Recife. De acordo com o INSS, as perícias médicas não foram retomadas em todas elas porque as outras estão passando por inspeções.

Em relação às cinco agências que não abriram, o INSS informou que faz adequações para que os espaços possam voltar a oferecer atendimentos durante a pandemia.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Caruaru registra 13 tremores de terra no domingo (20)

Os mais fortes tiveram magnitude de 1,8 e foram sentidos pela população.

Por G1 Caruaru

Epicentro dos eventos está representado pela estrela vermelha; o triângulo azul é a estação de Caruaru — Foto: Divulgação/ LabSis/UFRN

Epicentro dos eventos está representado pela estrela vermelha; o triângulo azul é a estação de Caruaru — Foto: Divulgação/ LabSis/UFRN

Foram registrados 13 tremores de terra em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, no domingo (20). De acordo com o Laboratório de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis-UFRN), os mais fortes tiveram magnitude de 1,8 e foram sentidos pela população por voltas das 16h50 e 17h25.

Segundo o LabSis-UFRN, do dia 8 de setembro até esta segunda-feira (21), já foram registrados 262 abalos sísmicos em Caruaru.

O Laboratório Sismológico segue monitorando e divulgando a atividade sísmica da região. Os abalos são considerados normais e de baixa intensidade.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Igreja Adventista promove evento drive in em Caruaru e Garanhuns

Programação contará com louvores, palestras e orações.

Por G1 Caruaru

A Igreja Adventista vai promover nesta sexta-feira (18) e sábado (19) em Caruaru e Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, um evento no formato drive in. Após cinco meses dos templos religiosos fechados por causa da pandemia, o público poderá participar da programação religiosa de dentro dos veículos.

O formato drive in tem o intuito de reunir as pessoas sem provocar aglomeração. O público chega de carro ou moto e estaciona no local determinado para acompanhar o momento sem sair do veículo. A programação contará com louvores, palestras e orações.

Em Caruaru o evento acontecerá na sexta-feira (18) no Polo Caruaru, às 19h. Em Garanhuns a programação ocorrerá no sábado (20) na praça Dominguinhos, às 17h. Participarão da ação líderes da Igreja Adventista do Sétimo Dia na região do Nordeste.

Para mais informações o público pode entrar em contato com a Associação Pernambucana Central Da Igreja Adventista Do Sétimo Dia (APeC) pelos telefones: (81) 9.9168-0810 e (81) 9.9744-6493.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Detran-PE passa a funcionar aos sábados para atendimentos de primeira habilitação

Atendimento é das 8h às 13h e deve ser agendado pelo site. A partir do sábado (19), abrem as Ciretrans do estado e, na semana seguinte, postos em shoppings.

Por G1 PE e TV Globo

O Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) anunciou, nesta sexta-feira (18), que vai passar a abrir unidades aos sábados para atender a demanda reprimida de atendimentos para a primeira carteira nacional de habilitação (CNH), mediante agendamento.

A abertura não acontece imediatamente em todas as unidades. No sábado (19), passam a ser abertas as agências Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), que são aquelas localizadas no interior do estado. As localizadas nos shoppings oferecem o serviço a partir do dia 26 de setembro.

Assim como nos dias de semana, o atendimento é das 8h às 13h. A sede, no Recife, localizada no bairro da Iputinga, na Zona Oeste da cidade, não abre aos sábados.

Aos sábados, são atendidas exclusivamente atendimentos da primeira CNH. Os interessados devem fazer o agendamento através do site do Detran-PE, escolhendo o local e o horário.

Diretor geral do departamento, Sebastião Marinho explicou que, durante o período da pandemia, ficaram retidos mais de 50 mil pedidos. “Tivemos um acúmulo grande. Nós vamos atender em quatro ou cinco sábados em que vamos fazer exclusivamente esse serviço nos shoppings e nas Ciretrans”, afirmou.

Marinho apontou que o agendamento e comparecimento ao posto do Detran com a identificação é a primeira fase do processo para o novo motorista.

“Depois, ele vai realizar os exames psicológicos e médicos, para então ir para a autoescola, realizar as aulas teóricas e o exame teórico. Depois, passa para as aulas práticas e o exame prático. A partir daí adquire sua CNH, sendo aprovado em nossos pátios de exames”, disse.

Os atendimentos para outros serviços nas unidades do Detran funcionam das 8h às 13h. Nas unidades dos shoppings, a população tem acesso das 10h às 20h, e nas unidades do Expresso Cidadão, das 11h às 17h.

Todos os atendimentos devem ser agendados no site. Dúvidas podem ser solucionado pelo telefone (81) 3435-1514.

Carteira Nacional de Habilitação (CNH) — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Carteira Nacional de Habilitação (CNH) — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Coronavírus em Pernambuco

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, na quinta (17), 757 novos casos da Covid-19, aumentando para 139.325 pessoas infectadas pelo vírus. Também foram registrados 21 óbitos em Pernambuco. Com isso o estado contabiliza 7.954 mortes pelo novo coronavírus. Os dados são registrados desde março, data no início da pandemia.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

PE autoriza eventos corporativos, exposições e museus no interior e reserva 10 leitos de UTI para crianças em Olinda

Todas as regiões do estado passam para a 8ª etapa do Plano de Convivência com a Covid-19, a partir da segunda (21). Ouricuri e Afogados da Ingazeira vão para a 7ª fase.

Por G1 PE

O governo de Pernambuco decidiu nivelar dez das 12 regiões de saúde do estado na etapa 8 do Plano de Convivência com a Covid-19. Nessa fase, é permitida a realização de eventos corporativos, comércio de praia, funcionamento de locais de exposições e museus. Também foi anunciado que dez leitos de UTI que antes eram usados no tratamento de adultos com o novo coronavírus foram reservados para crianças na Maternidade Brites de Albuquerque, em Olinda .

As regiões que têm como sede Afogados da Ingazeira e Ouricuri, ambas no sertão, avançam para a fase 7 do plano, ampliando horário de funcionamento de bares, restaurantes e shoppings para até as 22h (veja todas as regiões no fim da matéria).

As informações foram divulgadas, nesta quinta-feira (17), em coletiva de imprensa transmitida pela internet. Participaram os secretários de Saúde e Desenvolvimento Econômico, André Longo e Bruno Schwambach, respectivamente.

As mudanças são válidas a partir da segunda-feira (21) e, segundo o governo, 97% das atividades econômicas ficam autorizadas a retomar na pandemia.

“As gerências de Ouricuri e Afogados da Ingazeira avançam para a etapa 7 e todas as demais regiões vão estar niveladas na etapa 8, com a permissão de funcionamento de museu e espaços de exposição. Assim, temos regiões do estado em apenas duas etapas do plano”, explicou o secretário Bruno Schwambach.

Afogados da Ingazeira e Ouricuri são regiões em que, de acordo com o governo, os dados epidemiológicos não estavam tão positivos quanto as outras. Ouricuri, inclusive, passou por um período de quarentena mais rígida para evitar a disseminação do novo coronavírus.

“Esperamos, em breve, que todas as regiões do estado estejam na etapa 8 do Plano de Convivência com a Covid-19, que é o início da fase verde, quando chegamos mais perto de viver aquilo que chamamos de ‘novo normal'”, declarou Schwambach.

Leitos

De acordo com o secretário André Longo, até o final de setembro, outros 30 leitos que eram de atendimento de adultos também serão reservados para crianças com sintomas gripais, totalizando 40 leitos. São, segundo o governo, mais de 100 leitos pediátricos e neonatais, sendo mais de 40 de terapia intensiva (UTI).

“Atualmente, a ocupação média dessas vagas está em 62%. Diante da necessidade de reforçar a assistência ao público pediátrico, os leitos, antes voltados para adultos, estão sendo readequados e convertidos, dentro do nosso planejamento, o que vai nos dar ainda mais segurança no plano de convivência”, disse o secretário estadual de Saúde.

O que é permitido em cada região:

Fase 8

Esta etapa foi alcançada pelas regionais de saúde 1, 2, 3 e 12. Nessas regiões, estão liberadas as seguintes atividades e espaços:

Confira os municípios de cada Gerência Regional de Saúde desta fase:

  • Gerência 1: Abreu e Lima, Araçoiaba, Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Chã Grande, Chã de Alegria, Glória de Goitá, Fernando de Noronha, Igarassu, Ipojuca, Itamaracá, Itapissuma, Jaboatão dos Guararapes, Moreno, Olinda, Paulista, Pombos, Recife, São Lourenço da Mata e Vitória de Santo Antão.
  • Gerência 2: Bom Jardim, Buenos Aires, Carpina, Casinhas, Cumaru, Feira Nova, João Alfredo, Lagoa de Itaenga, Lagoa do Carro, Limoeiro, Machados, Nazaré da Mata, Orobó, Passira, Paudalho, Salgadinho, Surubim, Tracunhaém, Vertente do Lério e Vicência.
  • Gerência 3: Água Preta, Amaraji, Barreiros, Belém de Maria, Catende, Cortês, Escada, Gameleira, Jaqueira, Joaquim Nabuco, Lagoa dos Gatos, Maraial, Palmares, Primavera, Quipapá, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito do Sul, São José da Coroa Grande, Sirinhaém, Tamandaré e Xexéu.
  • Gerência 4: Agrestina, Alagoinha, Altinho, Barra de Guabiraba, Belo Jardim , Bezerros, Bonito, Brejo da Madre de Deus, Cachoeirinha, Camocim de São Felix, Caruaru, Cupira, Frei Miguelinho, Gravatá, Ibirajuba, Jataúba, Jurema, Panelas, Pesqueira, Poção, Riacho das Almas, Sairé, Sanharó, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, São Bento do Uma, São Caetano, São Joaquim do Monte, Tacaimbó, Taquaritinga do Norte, Toritama e Vertentes.
  • Gerência 5: Águas Belas, Angelim, Bom Conselho, Brejão, Caetés, Calçados, Canhotinho, Capoeiras, Correntes, Garanhuns, Iati, Itaíba, Jucati, Jupi, Lagoa do Ouro, Lajedo, Palmerina, Paranatama, Saloá, São João e Terezinha.
  • Gerência 6: Arcoverde, Buíque, Custódia, Ibimirim, Inajá, Jatobá, Manari, Pedra, Petrolândia, Sertânia, Tacaratu, Tupanatinga e Venturosa.
  • Gerência 7: Belém do São Francisco, Cedro, Mirandiba, Salgueiro, Serrita, Terra Nova e Verdejante.
  • Gerência 8: Afrânio, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó, Petrolina e Santa Maria da Boa Vista.
  • Gerência 11: Betânia, Calumbi, Carnaubeira da Penha, Flores, Floresta, Itacuruba, Santa Cruz da Baixa Verde, São José do Belmonte, Serra Talhada e Triunfo.
  • Gerência 12: Goiana, Aliança, Camutanga, Condado, Ferreiros, Itambé, Itaquitinga, Macaparana, São Vicente Ferrer e Timbaúba.

Fase 7

Os serviços de alimentação e shoppings centers poderão funcionar das 6h às 22h, com 50% da capacidade de clientes, assim como as academias de ginástica e polos de confecção, ambos com novos protocolos de segurança.

O comércio varejista permanecerá aberto, atendendo à exigência de um cliente para cada dez metros quadrados da loja. Igrejas e templos com espaço para até 999 fiéis poderão receber 30% da sua capacidade total e as com área para mais de mil fiéis poderão funcionar com 20% da capacidade.

  • Gerência 9: Araripina, Bodocó, Exu, Granito, Ipubi, Moreilândia, Ouricuri, Parnamirim, Santa Cruz, Santa Filomena e Trindade.
  • Gerência 10: Afogados da Ingazeira, Brejinho, Carnaíba, Iguaraci, Ingazeira, Itapetim, Quixaba, Santa Terezinha, São José do Egito, Solidão, Tabira e Tuparetama.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Cadastrada como ‘gênero masculino’, mulher tem valor integral de auxílio emergencial negado na pandemia

Responsável pelo sustento do único filho, ela procurou a Defensoria Pública da União (DPU) e ganhou na Justiça Federal o direito de receber as parcelas restantes.

Por G1 PE

Defensoria Pública da União fica na Boa Vista, na área central do Recife — Foto: Reprodução/Google Street View

Defensoria Pública da União fica na Boa Vista, na área central do Recife — Foto: Reprodução/Google Street View

Uma mulher, responsável pelo sustento do único filho, teve negado o direito ao valor integral do auxílio emergencial da pandemia. Ao questionar o governo federal, a moradora do Recife descobriu que estava registrada como “gênero masculino” no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).

Diante do problema, a mulher, que pediu para não ter o nome todo divulgado, procurou a Defensoria Pública da União (DPU). O caso foi parar na Justiça Federal, que determinou o pagamento dos valores restantes. .

A história de M.P.S. começou quando ela descobriu que não poderia receber duas cotas do auxílio emergencial. Segundo a DPU, ela ganhou uma parcela, mas tinha direito ao dobro do valor, por ser “provedora de uma família monoparental”, composta por ela e seu filho.

Responsável pelo caso, a defensora pública da União Ana Carolina Cavalcanti Erhardt informou que, a princípio, M.P.S teve o auxílio emergencial autorizado, como beneficiária do Bolsa Família. Por isso, recebeu R$ 600. Ainda de acordo com a defensora, a beneficiária esperava receber o valor devido para “mãe solo”, que é de R$ 1,2 mil.

“Isso mostra um problema que vem acontecendo em todo o Brasil. Cada vez mais aparecem falhas nos cadastramentos. Nesse caso, foi diferente. Não tinha recebido uma problema desses ainda”, afirmou Ana Carolina, ao G1, nesta quinta-feira (17).

Mesmo diagnosticando a falha, os problemas não foram resolvidos de imediato. A mulher, segundo a DPU, procurou um Centro de Referência da Assistência Social (Cras) para atualizar seus dados com a informação correta de gênero e tentar obter a concessão do benefício integral, como “provedora de família monoparental”

Na ação judicial, a defensora da União afirmou que o problema persistiu. As informações ficaram desatualizadas, mesmo após ter feito alteração do Cadastro Único, por intermédio do Cras, com a devida correção para o gênero feminino.

Ana Carolina Erhardt disse que M.P.S. não teve o direito de fazer novo cadastro do auxílio emergencial, devido à inserção automática como beneficiária do Bolsa Família.

De acordo com a defensora, ela ainda tentou fazer nova solicitação, mas não conseguiu, pois esse tipo de pedido é “bloqueado”, em casos semelhantes.

A DPU identificou que o único obstáculo para o recebimento do benefício era a proibição de fazer novo pedido de cadastramento, mesmo com os dados já atualizados de gênero.

O problema ocorreu, segundo a defensora, por causa da autorização anterior dada pelo governo federal, com base em redirecionamento automático do site.

“Essas falhas acontecem e a gente tem que reconhecer a grande demanda de pessoas. Em Pernambuco, são cerca de 20 mil pessoas na fila para conseguir chegar ao Judiciário , nesses casos de auxílio. São 300 procedimentos diários, sendo a maioria por causa desse tipo de benefício”, afirmou.

O caso foi parar na 15ª Vara Federal da Seção Judiciária de Pernambuco. De acordo a DPU, a juíza Ivana Mafra Marinho reconheceu, em sentença judicial, a presença de indícios que confirmam a versão de que o núcleo familiar da autora é composto “apenas pela assistida”, como provedora de família “monoparental” e seu filho.

Além disso, ficou comprovado, de acordo com a Defensoria Pública da União, que ela cumpria exigência para ser beneficiária do valor integral do auxílio.

M.P.S é maior de 18 anos, não tem vínculo de trabalho com carteira assinada possui o registro no CadÚnico em que constam como integrantes da família a autora e seu único filho.

Além disso, a Justiça reconheceu que não havia indicativo de pagamento de mais de duas quotas de auxílio emergencial em favor do núcleo familiar para M.P.S.

“Tivemos uma vitória nesses caso. Acredito que fica o exemplo para s pessoas de que é possível conseguir a assistência na defensoria pública para chegar até a Justiça nesses casos”, comentou a defensora pública da União.

Covid-19 em Pernambuco

Pernambuco chega a 139.325 casos confirmados e 7.954 mortes por Covid-19

Pernambuco confirmou, nesta quinta-feira (17), mais 21 mortes e 757 casos de Covid-19. Com isso, o estado passou a ter, ao todo, 139.325 pessoas que testaram positivo para o novo coronavírus e 7.954 óbitos relacionados à doença 

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

contato@encartenoticias.com
jencartnoticias@gmail.com