Renovado no Náutico, Willian Simões vê 2020 de grandes conquistas para o Timbu

Por GloboEsporte.com — Recife

Willian Simões chegou ao Náutico para suprir uma demanda urgente do clube. Sem lateral-esquerdo de ofício, após a lesão do titular Assis, o capitão Josa vinha sendo improvisado na posição, e a cobrança da torcida por um jogador que atuasse nesta área do campo era cada vez maior. A estreia de Simões foi tão logo depois de sua chegada – apenas sete dias após o anúncio da contratação – e não poderia ser melhor: vitória do Timbu por 2 a 0, fora de casa, contra o Sampaio Corrêa.

+ Mesmo com derrota na final do Estadual, Náutico vê grupo do Sub-20 como celeiro de talentos
+ Vai ou fica? Artilheiro do Náutico na Série C, Álvaro tem futuro indefinido no Timbu

O restante da temporada foi tão positivo quando o começo, tanto que resultou na renovação do contrato do atleta até o final de 2020. Sobre o momento no Náutico e na carreira, Simões considera-se grato pelo apoio da torcida e endossa ainda mais a importância do 12º jogador para a temporada que vem pela frente.

– Existia uma carência e quando cheguei ao clube tive pouco tempo para treinar. Cheguei com uma responsabilidade e uma desconfiança grande. Fico feliz por ter correspondido a expectativa. Sabemos que temos que estar trabalhando a cada dia, mais focado, porque todo esse carinho e respeito que a torcida tem é pelo o trabalho que a gente fez. O torcedor será fundamental em 2020, nos apoiando em busca de grandes conquistas – afirmou Simões.

Em relação ao desempenho individual, o jogador ponderou que em seu segundo ano no Náutico não vai faltar empenho e determinação, características que o fizeram cair nos braços do torcedor alvirrubro.

– Podem esperar muito trabalho, muita dedicação e empenho. Sou um cara que trabalha muito forte. Não gosto de perder em nada que eu faço na vida. O que podem esperar é isso. Muito desempenho, disposição e vontade. Mostrei disposição a cada jogo. Sempre entrei em campo dando a vida pelo meu clube e meus companheiros – contou Willian.

E o reserva?

Suplente de Willian Simões em 2019, Erick Daltro ainda não tem a permanência oficializada no Náutico para a próxima temporada. Em conversa com a reportagem do GloboEsporte.com, o vice-presidente alvirrubro Diógenes Braga afirmou que a renovação do contrato do atleta apenas está pendente de ajustes finais com o Joinville, clube com que Daltro tem vínculo, e que tal alinhamento deve acontecer em breve.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

“Pagode do Tetra” embala festa do título do Brasil sub-17 no vestiário e até na churrascaria

Por GloboEsporte.com — Brasília

música que embalou toda a campanha da seleção brasileira não poderia faltar na comemoração do título. O “Pagode do Tetra” virou realidade com o quarto Mundial Sub-17 conquistado pelo Brasil e foi a música mais cantada pelos jogadores e membros da comissão técnica no vestiário e até na churrascaria onde o grupo celebra a vitória por 2 a 1 sobre o México na decisão deste domingo.

Daniel Mundim@dcmundim

No ritmo do “Pagode do Tetra”, assim foi a festa no vestiário do Brasil após o título do Mundial Sub-17. Detalhe para o Dalla Déa pulando igual menino, com a taça na mão, e com algumas infiltrações no joelho depois de uma lesão sofrida na semifinal contra a França…

Embedded video

101:58 AM – Nov 18, 2019Twitter Ads info and privacySee Daniel Mundim’s other Tweets

Ainda no vestiário do Bezerrão, os jogadores cantavam a música, criada pelo médico Guilherme Dilda e apresentada aos jovens durante o Mundial. O ápice foi quando o técnico Guilherme Dalla Déa apareceu com a taça nas mãos e saltou como um dos garotos que treina. Mas há um detalhe: o treinador teve uma lesão no joelho durante a virada por 3 a 2 contra a França e precisou tomar injeção com um medicamento na região para aliviar a dor.

Tudo foi amplamente registrado pelos jogadores nas redes sociais. Os atacantes Peglow e Kaio Jorge, por exemplo, aproveitaram as comemorações e fizeram uma videochamada com o MC Kevin, que também postou em homenagem aos dois amigos.

Peglow faz videochamada com MC Kevin durante a comemoração no vestiário — Foto: Reprodução/Instagram

Peglow faz videochamada com MC Kevin durante a comemoração no vestiário — Foto: Reprodução/Instagram

Daniel Mundim@dcmundim

O pagode continuou até na churrascaria onde eles estão comemorando o título em Brasília…

Embedded video

112:01 AM – Nov 18, 2019Twitter Ads info and privacySee Daniel Mundim’s other Tweets

Depois do vestiário, a festa continuou no ônibus, e o grupo da seleção sub-17 e os familiares dos jogadores, que estavam todos presentes no Bezerrão, foram para uma churrascaria na Asa Sul de Brasília. No local, o “Pagode do Tetra” seguiu.

Depois do tetracampeonato, os jogadores brasileiros serão liberados nesta segunda-feira e devem retornar aos seus clubes. O Brasil conquistou seu quarto título do Mundial Sub-17 e agora é o segundo maior vencedor da competição, atrás apenas da Nigéria, que tem cinco taças.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Elton lamenta chance de acesso antecipado desperdiçada pelo Sport: “A bola não quis entrar”

Por Sarah Porto — Recife

Globo Esporte

Substituto de Hernane Brocador, que fraturou um osso do rosto no jogo contra o Criciúma e não joga mais neste ano, o centroavante Elton foi feliz na última rodada da Série B quando marcou um gol e deu uma assistência para Guilherme, na vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto. Desta vez, não repetiu a receita, e deixou passar a oportunidade de ser o herói da classificação.

Aos 35 minutos do primeiro tempo, sozinho, na pequena área, cabeceou para fora a melhor chance do Sport no jogo. Na saída do campo ao término do jogo, o jogador falou sobre a frustração de não garantir o acesso à Série A de forma antecipada. Quarta-feira, na penúltima rodada da Série B, o Leão precisa apenas de um empate diante da Ponte Preta, novamente na Ilha.

+ Veja como foi Sport x Vila Nova pela 36ª rodada da Série B

– É claro que o sentimento não é bom. Todo mundo esperava esse acesso hoje, festa linda que a torcida fez. Em campo, tentamos, batalhamos, criamos chances, mas infelizmente hoje a bola não quis entrar. Mas nesse campeonato nada foi fácil pra gente, então é continuar trabalhando, temos mais outro jogo em casa na sequência para buscar esse acesso – afirmou Elton.

Quarta-feira, os rubro-negros esperam, enfim, poderem comemorar o acesso à Série A. Ironicamente, um novo empate – que seria o 17º da campanha – será o bastante para cravar matematicamente a classificação. A bola vai rolar a partir das 21h30, na Ilha do Retiro.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Com dores no púbis, Adryelson é dúvida para jogo contra a Ponte Preta

Por GloboEsporte.com — Recife

O técnico Guto Ferreira ganhou mais uma dor de cabeça para a partida contra a Ponte Preta, nesta quarta-feira. Além de ainda não saber se poderá contar com Rafael Thyere, que sente uma lesão no tendão, o treinador aguarda o exame que será feito no púbis do zagueiro Adryelson para saber se terá o atleta para a próxima rodada. Segundo médico Raul Lins, o defensor vinha se queixando de dores no local antes mesmo do jogo deste domingo.

– Adryelson vinha reclamando de dores há algum tempo. No intervalo do jogo contra o Vila Nova-GO ele se queixou, tentou voltar e não aguentou. Agora ele fará um exame no local para vermos a gravidade da lesão. Para o próximo jogo ele é dúvida – disse Raul Lins.

+ Confira como foi o Tempo Real da partida

Caso não possa contar com Adryelson e Thyere, Guto Ferreira terá que escalar a dupla de zaga reserva, Éder e Cleberson, que atuaram no segundo tempo da partida contra o Vila Nova-GO. Situação que foi encarada com naturalidade pelo técnico Guto Ferreira.

– Vamos ver as opções que temos e colocar o melhor Sport possível. Primeiro eu quero saber as condições de todo mundo. Vamos com o melhor Sport que tivemos.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Com retorno de Charles, Guto Ferreira prepara Sport para decisão contra o Vila Nova-GO

Por GloboEsporte.com — Recife

Faltando três pontos para o Sport chegar aos 66 e assegurar uma vaga na Série A 2020, o técnico Guto Ferreira começa a armar a estratégia para o jogo diante do Vila Nova-GO, neste domingo, na Ilha do Retiro. Desta vez, o trabalho do treinador deve ser facilitado. Isso porque ele contará com o retorno do volante Charles, que cumpriu suspensão, e deve ter as voltas do lateral-esquerdo, Sander, e do lateral-direito, Norberto. Ambos poupados por desgaste na última quarta.

– Charles é certeza de que volta. Os outros ainda vou esperar o posicionamento do Departamento Médico, para saber com quem poderei contar, mas tenho a certeza de que o jogador que entrar dará conta do recado.

A principal dúvida do treinador é se poderá contar com os meias Leandrinho, que sente uma lesão na panturrilha, e Pedro Carmona, que se queixou de dores no joelho. A incerteza, porém, parece não tirar o sono de Guto Ferreira.

– Ainda não sei a condição do Leandrinho. Estava focado no jogo contra o Criciúma e o Departamento Médico não me passou. Mas vamos olhar para frente, ver o que precisaremos e conseguir mais três pontos, que nos colocarão na Série A.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Nem Gallo, nem Osmar Loss, Santa Cruz busca técnico com experiência na Série C para 2020

Por Sarah Porto — Recife

Globo Esporte

Depois de especular Alexandre Gallo para assumir o comando do Santa Cruz em 2020, cogitar Osmar Loss, trabalhar com o nome de Itamar Schulle, o executivo de futebol Nei Pandolfo cravou à reportagem do GloboEsporte.com que o treinador do time para a próxima temporada terá experiência vasta na Série C. Com um perfil definido, os nomes estão sendo trabalhados dia após dia e deve ser escolhido até o final da Série B.

– Hoje já temos um universo restrito de treinadores que estamos trabalhando. Nosso foco é que o perfil seja compatível com a Série C em questão de experiência e vivência. Trabalhei com muitas frentes mas ainda não definimos um nome – afirmou Pandolfo.

+ Contrato de produtividade? Entenda os planos do Santa Cruz para finanças em 2020
+ Constantino Júnior prevê Santa Cruz sem novas ações judiciais após 2019

Entre os nomes que vieram à tona, o de Itamar Schulle se mostra mais compatível, mas o treinador, que hoje está no Vila Nova-GO, já descartou qualquer tipo de negociação até que o trabalho no time goiano se encerre.

Mesmo amigo de Nei Pandolfo, Alexandre Gallo nunca trabalhou na Série C e, assim, foge do perfil almejado pelo clube. Osmar Loss, por sua vez, já comandou o Juventude, em 2010, na terceira divisão, porém, ainda assim, se mostra como uma opção pouco experiente para o executivo de futebol.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Com chapa única ao executivo, comissão encerra prazo de inscrições para eleições no Náutico

Por Sarah Porto — Recife

Globo Esporte

Após dezessete dias para o registro das candidaturas à presidência e vice-presidência da Diretoria Executiva e ao Conselho Deliberativo do Náutico, o prazo para as inscrições se encerrou na última quarta-feira. Com apenas uma chapa inscrita para comandar o executivo, e três ao Conselho Deliberativo, a aclamação para formalizar o comando do Timbu para o biênio 2020/2021 e as eleições para o Conselho acontecerão no próximo dia 8 de dezembro.

+ Ítalo Rodrigues vai ao Paraguai em busca de novos talentos para Náutico 2020

+ Náutico anuncia renovação com Jhonnatan e Lombardi para 2020

Sobre não ter concorrência para o executivo, a chapa denominada “Para cima, Náutico”, que tem os atuais presidente, Edno Melo, e vice-presidente, Diógenes Braga, como protagonistas, acredita que a ausência de opositores formais é reflexo do trabalho positivo que vem sendo feito no clube.

– Eu vejo isso como um reconhecimento do trabalho. E isso não foi conquistado só por mim, mas sim por equipe toda que trabalha para fazer o Náutico chegar cada vez mais longe. A torcida entendeu que foi um fato que mudou a história e o momento do clube. Para o próximo biênio vamos continuar com esse trabalho que viemos fazendo e buscando colher os frutos através de conquistas – ponderou Edno Melo.

Para as chapas candidatas ao Conselho Deliberativo, uma é ligada à situação, comandada por Alexandre Carneiro, e as outras duas ligadas vinculadas à oposição.

Veja os tópicos do projeto de gestão:

  1. Qualificação dos Aflitos
  2. Avanço na saúde financeira
  3. Fortalecimento institucional (implantação de processos de gestão, valorização da marca e aumento no programa de sócio-torcedor)
  4. Vitórias no campo
  5. Responsabilidade social
  6. Estruturação do projeto Náutico 120 anos

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Botafogo-SP x Sport: veja como assistir, escalações, desfalques e arbitragem

Por GloboEsporte.com — Campinas, SP

Botafogo-SP e Sport-PE se enfrentam com a calculadora nas mãos nesta quarta-feria, às 21h30, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Os visitantes estão perto de selar o acesso à elite do futebol nacional em 2020, com 99% de chances, de acordo com o site Infobola. Já o Pantera se agarra à possibilidade mínima que tem de seguir o mesmo caminho, 1%. É o duelo da esperança contra a ansiedade.

+ CLIQUE AQUI e veja a tabela da Série B

O Botafogo precisa vencer o Leão e torcer por uma série de resultados para não ver encerradas as chances de acesso que ainda tem. Contudo, é improvável que o time mude a irregularidade apresentada na competição até o momento. O time vem de um empate sem gols com o Atlético-GO, derrota para o Coritiba e para o CRB-AL, ambas por 1 x 0, vitória sobre o Oeste (2 a 0) e nova derrota para o líder Bragantino (3 a 2). O técnico Hemerson Maria, que há cinco rodadas citou: “enquanto houver 1% de chance, teremos 99% de fé”, agora pode literalmente se agarrar ao preceito.

Transmissão: Narração de Rembrandt Júnior, comentários de Maurício Noriega e reportagens de Geraldo Neto. A partida será transmitida pelo Sportv e Premiere.

Tempo Real: GloboEsporte.com, com vídeos, a partir das 20h30.

Escalações prováveis — Foto: Infografia

Escalações prováveis — Foto: Infografia

Botafogo-SP – Técnico: Hemerson Maria

Após conseguir repetir o time por duas partidas seguidas, Maria terá de lidar com três baixas para o duelo contra o Leão. O zagueiro Luiz Otávio e o meia Murilo receberam o terceiro cartão amarelo, enquanto o atacante Rafael Costa foi expulso na derrota contra o Bragantino-GO.

Para as respectivas vagas, o treinador pode escolher até mesmo uma mudança tática e tem, ao menos, três variáveis. A primeira é colocar o volante Meritão e deslocar Nadson para a função que Murilo fazia, deixando o time mais defensivo. Caso opte em partir para cima do Sport, pode colocar Bruno José, que marcou gols nos últimos dois jogos, ou Júlio César.

Na defesa, Leandro Amaro pode assumir a vaga, pois Naylhor acabou de se recuperar de lesão e tem chances mínimas de começar jogando. Rafael Costa, como era opção no banco de reserva, abre espaço para Henan entrar no decorrer da partida.

Quem está fora: Luiz Otávio, Murilo e Rafael Costa (Suspensos). Plínio e Dodô (Machucados)

Pendurados: Naylhor, Erick Luiz, Bruno José, Willian Oliveira, Bruno Moraes, Lucas Marques, Didi e Darley.

+ CLIQUE AQUI e leia mais sobre o Botafogo-SP

Provável escalação do Botafogo-SP contra o Sport, pela Série B do Brasileiro — Foto: Infografia/GE

Provável escalação do Botafogo-SP contra o Sport, pela Série B do Brasileiro — Foto: Infografia/GE

Sport – Técnico: Guto Ferreira

Muito perto de conseguir o acesso, Guto tem problemas para armar o time no jogo desta quarta-feira. Nada menos do que seis desfalques: cinco titulares e um reserva imediato. Não jogam o atacante Hernane Brocador, os meias Leandrinho e Pedro Carmona, o volante Charles, o lateral-esquerdo Sander e o lateral-direito Norberto, único destes a ser relacionado – mas que deve ir para o banco.

Sem todas essas peças, o treinador será obrigado a mexer – mas não deve mudar na estrutura tática do time. Assim, Raul Prata substitui Norberto, Guilherme Lazaroni joga na vaga de Sander, Yago atua no lugar de Charles, Elton faz a de Brocador e Léo Artur deve ser o meia do time.

Quem está fora: Hernane, Leandrinho ,Carmona, Charles e Sander

Pendurados: Rafael Thyere, Willian Farias, Adryelson, Hernane Brocador, Guilherme, Marcão e Cleberson.

+ CLIQUE AQUI e leia mais sobre o Sport

Provável Sport contra Botafogo-SP — Foto: Globoesporte.com

Provável Sport contra Botafogo-SP — Foto: Globoesporte.com

 — Foto: Foto: infoesporte

— Foto: Foto: infoesporte

Rafael Tranci apita o jogo auxiliado por Helton Nunes e Johnny Barros de Oliveira, todos de Santa Catarina. O quarto árbitro é o paulista Marcio Henrique de Gois.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

No Sport, Guilherme mira artilharia e acesso: “Agora é por Hernane”

Por Rômulo Alcoforado — Ribeirão Preto

Globo Esporte

Durante muito tempo, o atacante Guilherme esquivou-se da possibilidade de ser artilheiro da Série B. Ainda que estivesse próximo ou dividindo o topo de ranking, sempre ressaltou que seu colega, o centroavante Hernane, é quem deveria ser o goleador da competição. Mas com a lesão que antecipou o fim de ano do Brocador, ele mudou de ideia: agora quer ser artilheiro e, de quebra, mira o acesso – justamente para homenagear o amigo contundido.

– Agora é por ele. Comentei nas redes sociais que é por ele e por Maílson (goleiro). A gente está nessa “briga” desde o começo da competição. Igualei os 14 gols e sempre deixei claro que minha torcida era por ele, que queria ajudar. Infelizmente aconteceu a situação e agora vou buscar, já que meu companheiro não está mais na competição. Vai ser um gostinho especial para mim brigar por essa artilharia e dividir com ele – afirmou.

E Elton?

Sem Brocador, Elton será o centroavante do Sport. Embora os números do novo titular sejam modestos (três gols em 29 jogos), Guilherme acredita que ele é capaz de suprir bem a ausência do artilheiro do Leão na temporada, com 23 gols.

– Gosto de Elton, também. É um parceiro meu também. Não tem o que falar de Elton. Onde passou, foi artilheiro. Neste ano, não teve muita oportunidade, até pelo momento que Hernane vive. Fico tranquilo. A oportunidade caiu no colo dele, como a gente diz no futebol, e acredito muito que ele vai fazer grandes jogos e nos ajudar nessa reta final.

Nova parceria

A parceria com Hernane foi de muito sucesso. Jogando juntos, os dois fizeram 28 gols na Série B, democraticamente divididos: 14 para cada. Com o novo companheiro, ainda que com menos jogos, Guilherme espera repetir o bom desmpenho.

– É o que a gente espera. Tanto eu quanto Elton. Guilherme e Brocador deu certo, tomara que Guilherme e Elton dê certo também.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Ítalo Rodrigues vai ao Paraguai em busca de novos talentos para Náutico 2020

Por GloboEsporte.com — Recife

Depois de se consagrar como o executivo de futebol responsável, pelo primeiro título nacional da história do Náutico, Ítalo Rodrigues tenta repetir o sucesso na próxima temporada. Com o elenco já composto por um time base, seja por renovações ou contratos vigentes, Ítalo partiu para o Paraguai com o objetivo de trazer um nome capaz de ajudar a equipe alvirrubra a seguir no caminho das vitórias. Vale o destaque que nas últimas duas campanhas o Náutico contou com paraguaios de peso no elenco (Ortigoza, em 2018, e Jiménez, em 2018 e 2019).

– Nosso objetivo é monitorar os atletas prospectados ano passado e também observar e levantar novos nomes. Não temos nenhum jogador específico em mente, mas o mercado paraguaio nos dá atletas de baixo custo com nível competitivo alto – declarou Ítalo.

Sobre nomes específicos, jogador de determinada posição ou dentro de alguma faixa etária, o executivo afirmou que não há limitações para as contratações.

– Não temos preferência sobre jogadores mais experientes ou promessas. Estamos avaliando todos, independente de idade. Dependendo do atleta ele pode chegar parar ter um papel de protagonista no time ou para compor o elenco – finalizou

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.