Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

NUVEM DE TAGS

Copo meio cheio e meio vazio: 2021 do Náutico tem título histórico, mas sensação de frustração

O ano que termina será lembrado pela quebra do tabu de 53 anos sem títulos sobre o rival Sport, mas também pela chance de acesso desperdiçada após início arrasador na Série B

Por Redação ge — Recife

Globo Esporte

Quando lembrar de 2021, o torcedor do Náutico terá sempre uma boa recordação, mas também motivos para lamentar. Afinal, no ano que se encerra, o Timbu fez história ao conquistar o título pernambucano, quebrando um tabu de 53 anos sem derrotar o rival Sport em uma final. Porém, o Alvirrubro poderia ter feito ainda mais.

Afinal, o time do técnico Hélio dos Anjos iniciou a Série B quebrando o recorde de invencibilidade da competição na era dos pontos corridos ao passar as 14 primeiras rodadas sem ser derrotado, pavimentando uma campanha de acesso. Que acabou não se concretizando após a perda de jogadores importantes (e a falta de reposição à altura), com a equipe terminando em uma frustrante 8ª colocação.

O ano ainda terminou com um escândalo nos bastidores e com Diógenes Braga sendo eleito para comandar o clube no próximo biênio e escrever uma nova história.

Foi bom….

Com apenas o Campeonato Pernambucano e a Série B, o Náutico teve um calendário enxuto em 2021, com apenas 50 jogos disputados. Nos primeiros meses, apenas com o Estadual na agenda, o Alvirrubro chegou a ter intervalos de 15 dias entre algumas partidas.

Diante disso, e com a base mantida de 2020, o time do técnico Hélio dos Anjos soube tirar proveito, sobrando na primeira fase do Pernambucano garantindo a liderança com rodadas de antecedência. Ao mesmo tempo, surgiam os questionamentos com relação a necessidade da equipe ser testada diante de adversários mais difíceis.

Na semifinal, diante do Santa Cruz, a classificação com uma vitória por 2 a 1, derrubando uma escrita de 11 anos sem eliminar o rival de qualquer competição. Assim, o time se credenciou para tentar quebrar um tabu ainda maior. E bem mais incômodo.

No dia 23 de maio, a história foi escrita. Após empate por 1 a 1 no tempo normal (repetindo o placar do jogo de ida), o Náutico venceu o Sport nos pênaltis, com direito ao VAR mandar repetir a cobrança perdida pelo atacante Giovanny (Mailson se adiantou no lance), conquistando o título nos Aflitos (após 47 anos) e voltando a derrotar o arquirrival em uma final após longos 53 anos (e dez derrotas seguidas em decisões).

Náutico vence o Sport e se torna campeão pernambucano

…mas poderia ser melhor

No embalo do título pernambucano, o Náutico começou arrasador na Série B. Com cinco vitórias nas cinco primeiras rodadas e 14 partidas de invencibilidade (8 triunfos e 6 empates), o Timbu chamou a atenção do Brasil e passou a ser apontado como um dos favoritos ao acesso, ganhando o apelido de “Timbatível”.

Porém, com a perda de jogadores importantes, como o zagueiro Wagner Leonardo (que retornou ao Santos), Erick (não teve o empréstimo renovado com o Braga) e Kieza (sofreu uma lesão no tendão de Aquiles perdendo o restante da temporada), e sem reposição à altura, o time foi perdendo força.

Depois da série invicta inicial o Náutico só voltaria a vencer um jogo nas 14 rodadas seguintes (10 derrotas e três empates), deixou a liderança, o G4 e nunca mais voltou. Na reta final, ainda ameaçou uma recuperação, mas não o suficiente. Sensação de frustração.

Vinícius analisa fatores que levaram Náutico a sair da briga pelo acesso na Série B

Jean Mágico e Vini Malvadeza

Ao longo da temporada, dois jogadores dividiram o protagonismo no Náutico. Em sua terceira temporada pelo clube, o meia Jean Carlos foi o atleta que mais entrou em campo (45 vezes) e um dos artilheiros, com 13 gols (além de ter dado 12 assistências). O “Mágico” terminou o ano sendo eleito para a seleção da Série B e renovou contrato até 2024.

Já o atacante Vinícius viveu, aos 27 anos, o melhor ano da carreira. Também foi um dos artilheiros da equipe, com 13 gols, e liderou o ranking das assistências, com outros 13 passes decisivos. Desempenho que o fez assinar, ainda no meio da temporada, um pré-contrato com o Bahia. Mas com o rebaixamento do Tricolor à Série B, acabou cedido por empréstimo ao Goiás.

As “férias” de Hélio

A queda de rendimento do Náutico na Série B fez o técnico Hélio dos Anjos pedir demissão no dia 18 de agosto, logo após a derrota para o Cruzeiro, nos Aflitos, na virada do turno. Para o seu lugar, a diretoria contratou Marcelo Chamusca, que havia sido demitido do Botafogo.

Porém, a passagem de Chamusca pelos Aflitos foi relâmpago. Após a derrota em casa para o Londrina, diretoria e treinador anunciaram a rescisão “em comum acordo”. A solução encontrada? A volta de Hélio, apenas um mês depois da sua saída.

A reinvenção de Hélio dos Anjos: Como o veterano treinador atualizou conceitos táticos, comandou o “Timbatível”, pediu demissão, voltou ao Náutico após 36 dias e tenta levar o clube à Série A

Mesmo sem conseguir devolver o time ao G4, o treinador permanece no comando da equipe, com contrato até o final de 2022.

Escândalo nos bastidores

Já quase no apagar das luzes de 2021, os bastidores do Náutico foram abalados pela denúncia de assédio moral e sexual feita pela ex-diretora da mulher e de operações do clube, Tatiana Roma, contra o atual superintendente financeiro do clube, Errisson Rosendo de Melo. Irmão do presidente executivo, Edno Melo.

Nos dias seguintes, outras ex-funcionárias e também uma adolescente também acusaram Errisson Melo pelos mesmos crimes, que acabou demitido. Os casos de Tatiana e da adolescente seguem em investigação na Delegacia da Mulher e na Delegacia de Polícia de Crimes contra Crianças e Adolescentes, do Recife.

Mãe de adolescente registra BO contra ex-diretor do Náutico por assédio sexual

Diógenes Braga, o novo presidente

Após seis anos, o Náutico voltou a ter uma eleição com bate chapa. E com ampla vantagem (76% dos votos), o então vice-presidente Diógenes Braga foi eleito para comandar o clube no biênio 2022/2023 sucedendo Edno Melo.

Em segundo lugar no pleito ficou o empresário Plínio Albuquerque com 16,4% dos votos, seguido pelo advogado Bruno Becker, 7,6%.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Sport encaminha contratação de Ray Vanegas, que fala em “melhor do Nordeste” nas redes sociais

Colombiano tem 28 anos, atua principalmente como ponta e disputou as últimas três temporadas pelo Deportivo Pasto-COL

Por Redação do ge — Recife

Globo Esporte

Sport encaminhou a contratação do atacante Ray Vanegas, que estava defendendo o Deportivo Pasto nos últimos três anos. O clube ainda não comenta sobre a negociação oficialmente, mas o próprio colombiano tem utilizado as redes sociais para interagir com a torcida e referir-se ao Rubro-negro como “melhor do Nordeste”.

A informação do acerto havia sido divulgada inicialmente por Daniel Coral, da imprensa colombiana. A expectativa é de que o atacante chegue ao Recife ao longo dos próximos dias.

Ray Vanegas estava no Deportivo Pasto desde 2019 e nunca atuou fora da Colômbia. O atacante defendeu outros cincos clubes na carreira, passando por Patriotas, Uniautónoma, Envigado, Jaguares de Córdoba e Once Caldas.

Na Ilha do Retiro, o colombiano chega para o setor que tem sofrido com dificuldades nas últimas duas temporadas. O Rubro-negro perdeu opções no setor com o Brasileiro em andamento e teve o pior ataque do campeonato nas edições de 2020 e 2021.

Atualmente, a equipe tem o centroavante Mikael e o atacante Cristiano como nomes de origem no setor. Além de dupla, alternativas como Everton Felipe, Luciano Juba e Ewerthon podem desempenhar funções ofensivas.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Náutico tem esboço de time para iniciar 2022, mas ataque ainda precisa de reforços

Com as quatro contratações já oficializadas e algumas renovações, Timbu tem uma provável formação titular visando o início da temporada; porém setor ofensivo ainda requer atenção

Por João de Andrade Neto — Recife

Globo Esporte

Com a renovação do lateral esquerdo Júnior Tavares, pode-se dizer que o Náutico tem um time “para começar” a temporada 2022. Isso porque a posição era uma das principais carências do elenco para o início do ano. O que não significa, porém, que a diretoria alvirrubra irá diminuir o seu ímpeto no mercado. No momento, o principal foco é a contratação de atacantes.

O setor foi o que mais sofreu com perdas após o termino da Série B. Ao todo, oito jogadores deixaram o clube, entre eles Caio Dantas e Vinícius, titulares absolutos no Brasileiro.

Por outro lado, o clube anunciou, por enquanto, apenas a chegada de Ewandro, ex-CRB, que atua pelos lados do campo, enquanto renovou com Álvaro (até maio) e Kieza (vale ressaltar que o K9 ainda se recupera de uma lesão no Tendão de Aquiles).

Sendo assim, para uma possível formação inicial alvirrubra, seria provável que o técnico Hélio dos Anjos escalasse um time com quatro jogadores no meio de campo e apenas dois na frente. Isso porque entre as contratações realizadas está a do meia Eduardo Teixeira, que pode fazer dupla com Jean Carlos na armação ofensiva da equipe e ao mesmo tempo auxiliar na recomposição defensiva.

Náutico anuncia quarta contratação para 2022 e expectativa é que lista aumente

Na defesa, Hélio passa a contar com o goleiro Lucas Perri (emprestado pelo Sâo Paulo) e também ganha a opção de Wellington, ex-CSA, para a zaga. Vale lembrar que o clube ainda deve oficializar nos próximos dias a chegada de João Paulo, contratado por empréstimo junto ao Fortaleza.

Nas laterais Hereda e agora Júnior Tavares estão mantidos, assim como Rhaldney e Djavan como volantes.

Diógenes Braga fala sobre a montagem do elenco do Náutico para 2022

Desta forma, contando com o elenco atual, uma possível formação alvirrubra para o início de 2022 contaria com: Lucas Perri, Hereda, Wellington, Camutanga e Júnior Tavares; Djavan, Rhaldney, Eduardo Teixeira e Jean Carlos; Álvaro (Kieza) e Ewandro.

Possível Náutico para início de 2022 — Foto: Arte ge

Possível Náutico para início de 2022 — Foto: Arte ge

O primeiro jogo do Náutico na próxima temporada será contra o Íbis, no dia 22 de janeiro, nos Aflitos, na estreia do Campeonato Pernambucano. O início dos treinamentos do elenco está marcado para a próxima segunda-feira.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Olha ele aí! Ex-Botafogo, Jobson vai disputar o Pernambucano pelo Sete de Setembro

Atacante de 33 anos também passou por clubes como Bahia, Atlético-MG, Al Ittihad, da Arábia Saudita, e estava no Capixaba, onde foi artilheiro da Copa Espírito Santo na temporada 2021

Por Redação do ge — Garanhuns, PE

Globo Esporte

O Sete de Setembro anunciou nesta quarta-feira a principal contratação para a disputa do Campeonato Pernambucano 2022. O atacante Jobson, de 33 anos, vai disputar o Estadual pelo Lobo-guará.

Revelado pelo Brasiliense, foi no Botafogo que Jobson viveu os melhores momentos da carreira, entre 2009 e 2015. Mas, também passou por clubes como Bahia, Atlético-MG, Barueri e Al Ittihad, da Arábia Saudita.

O atacante estava no Capixaba, onde foi artilheiro da Copa Espírito Santo na temporada 2021 com sete gols marcados. Foi a primeira vez que o atleta terminou como goleador máximo de uma competição.

A apresentação do jogador está prevista para a próxima segunda-feira. O Sete de Setembro está fazendo a pré-temporada em Candeias, na região metropolitana do Recife. A estreia será no dia 23 de janeiro, contra o Sport, na Ilha do Retiro, às 16h.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Executivo do Sport comenta Série B reforçada e prega “criatividade” por contratações

Jorge Andrade avaliou também perfil de jogadores que podem chegar na Ilha do Retiro, de comprometimento com projeto, objetivos e comissão técnica

Por Redação do ge — Recife

Globo Esporte

O Sport se planeja para 2022 tendo queda de receitas após rebaixamento na Série A e com uma promessa de disputar talvez a mais difícil edição da segunda divisão do Brasileiro. Responsável pelo futebol rubro-negro, o executivo Jorge Andrade falou sobre o desafio que o Leão terá na próxima temporada.

– A Série B vai ser uma das mais difíceis pela previsão que a gente está vendo aí dos clubes na disputa, e que o pessoal vem se reforçando. Temos que ser criativos e buscar oportunidades de mercado. Quanto à questão de busca de receitas, a direção tem trabalhado muito, procurando patrocínios, buscando reuniões. É como disse, tem que ser criativo e buscar alternativas.

A Série B de 2022 reunirá equipes que totalizam 14 títulos brasileiros, um recorde histórico. Grêmio e Bahia somam quatro títulos da Série A. O Sport, um. Estes se juntam a Vasco e Cruzeiro (quatro títulos cada) e Guarani (um), que não conseguiram subir.

Quanto aos reforços, o Leão tenta nomes como Diego Souza e Everton, do Grêmio. Segundo o executivo, o perfil procurado pelo clube é de comprometimento.

– Ter jogadores que comprem a ideia de nosso projeto esportivo e tenham comprometimento com o clube. Esse é o principal perfil que estamos buscando. Comprometimento com o projeto do clube, acesso e nossa comissão técnica.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Leston vê dificuldades no mercado, mas pede cinco contratações para o Santa Cruz

Treinador avaliou calendário curto e orçamento como principais entraves para buscar reforços

Por Redação do ge — Recife

Globo Esporte

Com apenas o Campeonato Pernambucano e a Série D para disputar em 2022, o Santa Cruz vem encontrando dificuldades para convencer jogadores a defender o clube na próxima temporada. Além disso, o orçamento reduzido limita as buscas da diretoria. Mesmo assim, aposta na tradição e ambiente para seduzir jogadores a reforçar a equipe.

O técnico Leston Júnior vem estudando o mercado e observa uma dificuldade geral dos clubes, mas o Santa com mais obstáculos.

– Não tem sido fácil a gente contratar. O mercado não tem sido movimentado em relação a outros anos. Todo mundo está buscando estabilidade. Os clubes tentam manter seus jogadores e os jogadores buscam permanecer. A gente tem dificuldades a mais, como calendário e orçamento, o que limita um pouco – detalhou o treinador.

Apesar dos problemas, o Santa Cruz conseguiu fechar com 13 atletas para o próximo ano: o goleiro Kléver, o lateral-direito Marcos Martins, o lateral-esquerdo Dudu Mandai, o zagueiro Lucão, os volantes Gilberto, Matheus Lira e Rodrigo Yuri, os meias João Henrique e Esquerdinha, além dos atacantes Matheus Anderson, Matheusinho, Rafael Furtado e Walter. No entanto, Leston ainda planeja outros reforços até a volta do recesso.

– Temos a demanda de mais quatro ou cinco atletas para contratar nos próximos dias. Queremos voltar no dia 3 de janeiro com 100% do grupo montado, ou próximo disso – analisou.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Náutico encaminha transferência de jovem da base e aguarda reforços do Atlético-MG

Atacante Rodrigo Leal, de 17 anos, vai por empréstimo para o Galo até o final de 2023

Por Rafael Cabral — Recife

Globo Esporte

Náutico e Atlético-MG estão próximos de finalizar a transferência de um jovem da base alvirrubra. Rodrigo Leal, de 17 anos, irá por empréstimo não oneroso até o fim de 2023 para o clube mineiro, com opção de compra. Em troca, a diretoria do Timbu espera por atletas do Galo sem custos para compor o elenco da próxima temporada.

Inicialmente, o Atlético-MG alega que pretende utilizar os jogadores com poucas oportunidades no Campeonato Estadual e que a chance maior é disponibilizar opções para reforçar o Náutico na Série B. O Timbu, por outro lado, tenta para o início de 2022.

Rodrigo Leal é natural de Recife e entrou para escolinha do Náutico ainda aos 12 anos. Se destacou e passou a integrar as divisões de base do Timbu. Passou pelas categorias Sub-13, Sub-15 e Sub-17, onde estava atualmente. É centroavante e tem histórico de artilheiro nos campeonatos de base.

O jovem despertou o interesse do Atlético-MG. Após contato com o Timbu, o clube alvirrubro não dificultou o processo.

– Tanto o Atlético-MG quanto o jogador sentiram interesse de fazer o negócio. O Atlético vai dar uma boa condição ao atleta e para a gente manter um jogador do sub-17 é muito difícil. Ele vai ter uma valorização lá, mas vai com passe estipulado. Se o Atlético-MG quiser em definitivo, vai ter que exercer o direito de compra – explicou o presidente eleito, Diógenes Braga.

O atacante vai participar da Copa São Paulo de Futebol Júnior e depois irá para o Atlético-MG. O Timbu está no Grupo 30 da Copinha, com Ibrachina-SP, Inter de Limeira-SP e Serranense-MG. O torneio tem início no dia 2 de janeiro.

O técnico Hélio dos Anjos tinha no planejamento utilizar Rodrigo Leal no início da temporada, integrado ao grupo principal. Mas a negociação muda os planos. Agora, o treinador da equipe trabalha junto à direção para tentar viabilizar os reforços da contrapartida do Atlético-MG o quanto antes.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Novela Jorge Jesus no Fla, São Paulo monitora Soteldo e Luxemburgo sob avaliação no Cruzeiro

Resumão da Central teve não do técnico português ao Rubro-negro carioca ao final da noite, além de Navarro anunciado no Palmeiras, Santos mais próximo de Rodriguinho, e mais…

Por Redação do ge — Recife

Globo Esporte

No molde das grandes produções da Globo, a novela envolvendo Flamengo e Jorge Jesus ganhou novos capítulos nesta quarta-feira. Mas à noite, o “não” do treinador – pelo menos por enquanto – foi a notícia final e mais forte que encerrou o dia de movimentações da Central do Mercado.

Só que não ficou nisso. Teve também São Paulo monitorando Soteldo, Vanderlei Luxemburgo sob avaliação no Cruzeiro, Navarro confirmado no Palmeiras, Sport tentando atravessar o Vasco e contratar Diego Souza, Santos de olho em Rodriguinho e mais…

Novela Jesus no Flamengo chega ao fim?

O grande assunto do dia foi a expectativa do Flamengo pelo “sim” de Jorge Jesus. Só que no fim da noite, em contato rápido com o ge, o treinador jogou a real – não vê possibilidade de sair do Benfica no momento, já que ainda tem contrato até meados do ano que vem com o clube.

A resposta foi na linha do que o auxiliar de Jesus havia afirmado à tarde, de que o técnico não iria para o Fla agora. Mas será que já dá pra colocar fim nessa novela? Esperemos os próximos capítulos.

São Paulo monitora Soteldo

O São Paulo tem interesse na contratação de Soteldo e monitora os passos do atacante venezuelano, ex-Santos, que está no Toronto FC, do Canadá, onde fez 26 jogos e marcou quatro gols. A situação, no entanto, é complicada pelos altos valores envolvidos.

Quanto ao zagueiro Bruno Alves, o Tricolor está perto de rescindir com o jogador, que pretende assinar por dois anos com o Grêmio. Inicialmente, a informação é de que ele seria emprestado, mas o vínculo deve ser mesmo encerrado.

Botafogo renova com Gatito Fernández

O Botafogo anunciou no final da noite a renovação com o goleiro Gatito Fernández. O jogador perdeu a temporada inteira por conta de uma grave lesão no joelho direito e terá chance de tentar recuperar um pouco do espaço em 2022.

Rafael Navarro oficialmente no Palmeiras

Depois de mais de um dia de expectativa, o Palmeiras anunciou oficialmente a contratação do atacante Rafael Navarro. O centroavante de 21 anos, artilheiro do Botafogo em 2021, ganhou contrato longo, até o final de 2026. E já posou com a camisa alviverde.

Primeira contratação do Santos e Rodriguinho

O técnico Fábio Carille pediu e o Santos avançou em negociação pelo meia Rodriguinho, que está de saída do Bahia após duas temporadas. O Peixe fez proposta para contar com o jogador, que também é sondado por outros clubes.

Enquanto isso, o time santista teve sua primeira contratação confirmada. O presidente Andres Rueda revelou que chegou a acerto com Bruno Oliveira, meia da Caldense que estava no Vitória. No entanto, existe possibilidade de a maioria dos reforços só ser anunciada no início de 2022.

Fortaleza ativo no mercado

A Central do Mercado recebeu em sua live desta quarta-feira o vice-presidente do Fortaleza, Alex Santiago. O dirigente explicou as negociações pelo zagueiro Wagner Leonardo e o goleiro Fernando Miguel, e também falou sobre o interesse do clube no atacante Gilberto, artilheiro do Bahia em 2021.

Diego Souza disputado entre Sport e Vasco

O presidente do Sport, Yuri Romão, confirmou que o clube está no páreo com o Vasco pela contratação de Diego Souza. O jogador recebeu proposta do Rubro-negro, que espera resposta em até uma semana.

Enquanto isso, o presidente Jorge Salgado e o gerente Carlos Brazil, do Cruzmaltino, explicaram melhor a procura por Diego Souza – que está sendo feita dentro da realidade financeira do clube. Além disso, confirmaram Castan perto do adeus.

Luxemburgo e projeto sob avaliação no Cruzeiro

A equipe de transição do Cruzeiro tem trabalhado forte desde que Ronaldo Fenômeno assumiu o clube. Depois de definir a saída do executivo de futebol Alexandre Mattos, a Raposa agora avalia toda a estrutura de futebol para 2022, inclusive o técnico Vanderley Luxemburgo e seu projeto. O treinador renovou contrato para mais uma temporada antes das mudanças.

E entre as novidades, o Cruzeiro acertou o pagamento de R$ 600 mil à vista para o Brusque para ter o atacante Edu. O reforço já havia sido anunciado anteriormente, mas agora está confirmado.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Livre no mercado, Vinícius admite proposta para ficar no Náutico e nega “pedida absurda”

Atacante chegou a ter negociação com o Bahia, mas acerto travou e Timbu aproveita para tentar mantê-lo no elenco em 2022, após temporada de destaque

Por Rafael Cabral — Recife

Globo Esporte

A história de Vinícius e Náutico ainda não chegou ao final. Mesmo após o jogador se despedir do clube ao fim da Série B, as duas partes voltaram a negociar a permanência para a próxima temporada. A diretoria alvirrubra fez uma proposta ao atacante, que pediu um tempo para analisar e definir o futuro, ao mesmo tempo que nega ter pedido um valor alto para ficar.

“Chegou um convite, eu não sei os números, mas vi que tem gente falando que fiz uma pedida absurda e não é verdade. Não entramos em valores, porque a gente tem algumas coisas para resolver e é uma coisa que nem se iniciou”, diz Vinicius, que completa.

– Eu tenho uma relação muito boa com todos, com Hélio (dos Anjos, treinador), Guilherme (dos Anjos, auxiliar), Diógenes (Braga, presidente). É uma decisão difícil, porém estou tranquilo. Saem muitas coisas na imprensa e a torcida fica pensando isso ou aquilo e o que eu mais penso é na torcida, que recebi um carinho imenso. Eu sempre deixei claro que sou grato ao Náutico e ao torcedor.

O jogador chegou a ser colocado como alvo do Bahia, mas até o momento, não houve definição da negociação. Vinicius, no momento, está sem contrato com nenhuma equipe e analisa, junto ao empresário, o melhor caminho para a temporada de 2022.

– Pode acontecer qualquer coisa, eu estou livre no mercado. Muita gente bateu o martelo que eu estava fechado com o Bahia e não houve nada disso. Bahia é um grande clube, assim como o Náutico. Vou estudar com calma. Muitas coisas podem pesar – avaliou.

Vai pra onde? Vinícius se despede do Náutico, mas não revela novo clube

No Náutico, Vinícius viveu a melhor temporada da carreira e criou laços com jogadores, funcionários, torcida, diretoria e comissão técnica. No entanto, o atleta também tem pensado na família, já que deixou de lado questões financeiras para acertar com o Timbu em 2020.

– Quando eu vim para o Náutico, abri mão de muita coisa na questão financeira. Eu tenho que pensar na questão familiar, no futuro da minha esposa e filhos.

Campanha da torcida

Vinícius também comentou a respeito da mobilização da torcida do Náutico nas redes sociais pela permanência dele. A hashtag #FicaVini foi levantada pelos torcedores no perfil do atleta, que se comoveu com o movimento.

– Recebi mensagens de torcedores dizendo que não iam me deixar em paz (risos). Eu estava jogando videogame, nem me liguei no celular. Fui dormir, e quando acordei, uma foto que tinha 60 comentários, tinha 4 mil. Foi uma coisa de louco. A única coisa que posso fazer é agradecer o carinho enorme, é isso que a gente acaba levando. Em 1 ano e alguns meses, criamos essa relação maravilhosa.

Torcida "invade" perfil de Vinícius pedindo permanência — Foto: Reprodução

Torcida “invade” perfil de Vinícius pedindo permanência — Foto: Reprodução

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Com muitos atletas da base no elenco, Santa Cruz prega cautela para não “queimar” garotos

Dos 23 jogadores treinando com o grupo em pré-temporada, onze são oriundos das categorias de base do clube

Por Redação do ge — Recife

Globo Esporte

Ainda em processo de formação do seu elenco para a temporada 2022, o Santa Cruz vem fazendo uma mescla entre jogadores contratados e atletas das categorias de base do clube. Atualmente, são 20 garotos incorporados ao elenco principal. Alguns, já tiveram oportunidade no profissional, como João Cardoso e Ítalo Melo. Outros, estão tendo a primeira chance agora, como Humberto e Eduardo Guedes.

É com esses jogadores mais “verdes”, ou seja, sem experiência, que o Santa Cruz tem mais preocupação. Vivendo uma fase de dificuldades em campo, de muita pressão, o clube prega cautela para lançar esses atletas.

– Estamos tendo muito cuidado, por conta desse cenário do Santa. Esses atletas mais novos merecem nossa atenção, para que, se eles não venham a desempenhar o que a gente esperar, por conta desse momento difícil, a gente possa ter paciência – explicou o diretor coral Rogério Guedes.

Os jogadores da base que compõem o elenco hoje são: Jaime (goleiro), Jadson (lateral), Ítalo Melo (zagueiro), Igor Salatiel (zagueiro), Júnior Sergipano (zagueiro), Eduardo Guedes (zagueiro), Caetano (volante), Humberto (volante), João Cardoso (meia), Ytalo Borba (atacante), Arian (atacante).

Diante disso, o Santa Cruz tem buscado no mercado atletas que possam dar mais experiência ao elenco, além de dar mais qualidade ao grupo.

– Estamos buscando atletas que queiram vir para o Santa Cruz, comprando o projeto. Sabemos da dificuldade, mas o Santa é um clube de tradição. A gente sabe que não pode viver de aposta. Temos que dar uma resposta ao torcedor, que está sofrido – afirmou o dirigente.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.