Por gramado ruim, Milton Mendes cogita jogos do Santa Cruz fora do Arruda

Por Daniel Gomes — Recife

Globo Esporte

O Santa Cruz corre o risco de realizar jogos distante do Arruda, nesta Série C. Tudo depende da situação do gramado do estádio. O técnico Milton Mendes afirmou que, se não houver melhora, a opção é se apresentar em outra praça esportiva. Na vitória por 3 a 1, sobre o Confiança, no último domingo, a aparência era muito ruim. Nesta segunda-feira, durante o treino, funcionários usaram pás de areia para tapar os buracos, durante as atividades.

– Queremos assumir o protagonismo da equipe no jogo, mas precisamos de campo. Nosso time joga em construção e precisamos ter um campo bom. A diretoria está trabalhando forte em cima disso e, nesta semana, teremos uma posição. Se não melhorarmos esse campo, teremos que jogar em outro campo.

O treinador disse que o assunto não é novidade nas reuniões entre direção e comissão técnica.

– Já falei sobre isso e não foi a primeira vez. Uma empresa que trata do gramado, e eles (os diretores) pagam a peso de ouro. Obviamente que, quando não há resposta, medidas têm de ser tomadas. Eu, como treinador, pretendo que os meus jogadores tenham as melhores condições, dentro e fora de campo. E, principalmente, o campo porque, se não tiver campo, não tem jogo. O campo e os jogadores são os mais importantes. E é fundamental ter um campo bom.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Náutico espera contar com Jhonnatan e Matheus Carvalho diante do Botafogo-PB

Por Rômulo Alcoforado — Recife

Globo Esporte

No último jogo pela Série C, contra o Sampaio Corrêa, o Náutico teve 11 jogadores fora de ação. Todos com problemas físicos. Para o confronto com o Botafogo-PB, no próximo domingo, o clube espera contar com a volta de, pelo menos, dois deles: o volante Jhonnatan e o atacante Matheus Carvalho.

O técnico Gilmar Dal Pozzo falou sobre os dois atletas.

– Em relação aos atletas que ficaram no Recife, a gente ainda não falou muito, por conta do foco no jogo (contra o Sampaio), mas tem notícias boas. O pessoal está recuperando. Acredito que Matheus e Jhonnatan vão estar à disposição, agregando qualidade para o próximo jogo – afirmou.

Análise: pressionado, Náutico dá resposta e apresenta alternativa de jogo

Jhonnatan teve uma lesão muscular na coxa esquerda. Está fora desde o dia 15 de maio, quando o Timbu pegou o Campinense, na seletiva da Copa do Nordeste.

Matheus Carvalho sofreu uma contusão na coxa esquerda, mas num nível mais leve. Ele não joga desde o dia 25 de maio, quando o Timbu enfrentou o Treze-PB, na Série C.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Guilherme calibra pé e comemora “persistência” em finalizações no Sport

Por Lucas Liausu — Recife

Globo Esporte

O atacante Guilherme é um dos jogadores da Série B do Campeonato Brasileiro que mais finaliza para o gol. Hoje, é o vice-líder da estatística, atrás de Rodrigão, do Coritiba. Mas a efetividade dos chutes não estava em dia. Até o último sábado, quando marcou dois gols na vitória do Sport por 3 a 1 diante do Vitória, o jogador tinha um índice alto de erros. E vinha sendo cobrado, mas não deixou de acreditar no potencial que tem.

+ Veja mais notícias do Sport

– Acho que a palavra não é cobrança. É persistência. Eu sei da minha qualidade e do meu trabalho diariamente. Era mais persistência mesmo. Eu sou um cara que persisto muito. Sei que tenho qualidade de bater no gol. Sou o cara que mais finaliza e não vou deixar de bater no gol nunca. Sempre brinco que só faz gol quem finaliza.

Nos dois gols contra o Vitória, Guilherme mostrou repertório. No primeiro, bateu cruzado e rasteiro para vencer o goleiro Ronaldo. E no segundo, mandou uma bomba no ângulo sem chances para o goleiro baiano.

– Foram dois gols diferentes. O primeiro batendo de primeira é uma especialidade que eu tenho também. O segundo foi um gol muito bonito. Os caras brincaram que foi sem querer. Estou treinando para isso e estou feliz por ter acertado essas duas finalizações.

+ Quer ver o jogo ao vivo e ainda ajudar seu time do coração? Clique aqui e assine o Premiere

Guilherme é o vice-artilheiro do Sport em 2019 e na Série B do Campeonato Brasileiro. Ao todo, ele tem sete gols marcados, sendo quatro no Campeonato Pernambucano e três na Série B. Hernane Brocador lidera as estatísticas de gols, com 14 ao todo, sendo cinco deles na Série B.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Santa Cruz eleva nível e tem sua melhor atuação na Série C

Por Rômulo Alcoforado — Recife

Globo Esporte

O tempo fez bem ao Santa Cruz. No terceiro jogo sob comando de Milton Mendes, sempre com o intervalo de uma semana entre eles, o time demonstrou evolução técnica. O treinador foi certeiro ao dizer que, ao contrário das partidas anteriores, a vitória por 3 a 1 diante do Confiança, no domingo, teve alguma “inspiração”.

Antes, os resultados só vieram por conta da dose certa de transpiração da equipe. Não que o futebol tenha sido brilhante – mas foi animador para uma torcida que, até então, vira muito pouco em campo. Há muito a evoluir, mas há pontos a serem avaliados de forma positiva.

Contra o Confiança, o Santa Cruz conseguiu controlar o jogo ofensivamente e jogar um futebol mais fluido. Houve mais domínio da posse no setor de meio de campo do que antes, mais triangulações pelos lados do campo e mais coordenação nas movimentações ofensivas. O segundo gol, com enfiada de Charles para infiltração de Misael, que serve Pipico, é um dos exemplo.

O Santa também teve força na bola parada, forma como saiu o primeiro gol. Assim como marcação alta em boa parte do jogo – pressionando e empurrando o adversário para seu campo de defesa.

Até alguns jogadores, que vinham deixando a desejar, melhoraram. O exemplo maior é Marcos Martins. O lateral-direito começou bem o ano, mas havia caído de produção. No jogo do último domingo, voltou a ser uma peça perigosa pelo lado do campo.

É importante ressaltar, porém, que ainda há vários pontos a melhorar. Milton Mendes saiu insatisfeito, por exemplo, com o gol sofrido no segundo tempo, que deu emoção desnecessária à partida. Também cobrou mais eficiência nas finalizações. Elias perdeu um gol feito na segunda etapa que poderia ter ampliado o placar para 3 a 0.

Ainda há muito a caminhar, sobretudo quando se considera que desafios mais difíceis do que o Confiança, no Arruda, surgirão na luta pelo acesso. Mas, enfim, o torcedor do Santa Cruz viu algo de bom futebol do Santa Cruz – mesmo que o gramado não ajudasse.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Guto Ferreira tem três opções para substituir Charles, suspenso contra o CRB

Por Lucas Liausu — Recife

Globo Esporte

Depois de repetir o time do Sport nos dois últimos jogos, o técnico Guto Ferreira será obrigado a mexer na equipe para o jogo da próxima terça-feira, contra o CRB, na Ilha do Retiro, pela 8ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O volante Charles tomou o terceiro cartão amarelo contra o Vitória, sábado, e não poderá entrar em campo diante dos alagoanos.

+ Veja mais notícias do Sport

Sem ele, Guto tem algumas opções para a vaga. Quem surge como principal opção é o também volante Yago, segundo volante e que tem uma característica mais parecida com a de Charles.

Uma outra opção é a entrada de Ronaldo. Com isso, João Igor seria deslocado para jogar um pouco mais na frente. João tem atuado como primeiro volante, mas já deixou claro que também gosta de jogar saindo mais e com liberdade para chegar perto da área.

A terceira e mais remota opção é a entrada de Leandrinho. Esse é um pedido da torcida do Sport há algum tempo, mas o próprio Guto já falou em outras oportunidades que dificilmente vai começar uma partida com Leandrinho, que é meia, como segundo volante.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Hernane Brocador releva demora em renovação com Sport

Por Sarah Porto — Recife

Globo Esporte

Em boa fase no Sport, o artilheiro Hernane Brocador precisa manter a sequência positiva para se garantir o ano de 2020 no time rubro-negro. Isso porque no contrato do atleta há uma cláusula de renovação automática, que prega que, em caso do atleta atingir determinada meta (não revelada pelo clube e nem pelo jogador), fica automaticamente para a temporada seguinte. Para chegar a esse objetivo, o atacante tem pela frente o Vitória, pela 7ª rodada da Série B, às 20h30 do sábado, na Ilha do Retiro.

– Eu tenho contrato até o final de 2019 e ele tem uma renovação automática. Preciso cumprir determinadas metas, até porque é bom para mim e bom para o clube. A diretoria está cuidando dessa parte. E eles falam: “Hernane, vamos fazer o que é bom para você também. Até porque o que você viveu no clube e aceitou continuar com a gente, precisamos retribuir” – destacou o atleta.

+ Sport vende quase 10 mil ingressos para jogo contra o Vitória e espera Ilha lotada

A meta, segundo o próprio Brocador, envolve percentual de jogos, sendo que o próximo adversário do Sport é um velho conhecido do atacante, que já atuou contra o Vitória tanto pelo Flamengo quanto pelo Bahia.

– A gente sabe que o Vitória não vive um bom momento, mas a nossa equipe está jogando dentro de casa, então temos que nos impor. Temos que jogar um bom futebol, tentar ao máximo fazer mais de um gol para não sofrer contra uma equipe que pode nos surpreender dentro de casa. É um jogo de atenção, temos que ter atenção durante os 90 minutos – afirmou.

Para o jogo, Guto Ferreira não deve ter desfalques, o que soa positivo em se tratando do entrosamento da equipe que estará em campo nesta partida decisiva para o posicionamento do Sport antes da parada para a Copa América. Depois do sábado, o Sport só terá mais um jogo para definir a situação do clube antes da pausa.

– Eu sei que esses dois jogos podem nos colocar no G4. A gente sabe que a Série B é bem difícil. Se fizermos os 6 pontos, sabemos que temos muita chance de no G4 ficar na parada. Essa pausa é boa para alguns times e ruim para outros. Alguns times vão se preparar mais, vão ter um período longo para treinar, para contratar, então o Sport tem consciência que esses dois jogos são fundamentais para ficar no g4.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Após avaliação, Santa Cruz só deve ir ao mercado em casos pontuais

Por Daniel Gomes — Recife

Globo Esporte

Há exatos 16 dias, Milton Mendes começou a trabalhar no Santa Cruz. Nesse período, o clube anunciou dois reforços: o volante Marcelo Mattos, ex-Vasco, e o meia Daniel Costa, antes no Atlético Tubarão. Agora, ao que parece, as buscas por novas contratações não vão parar. Só que, até pelo número de inscrições que o Santa tem na Série C, a procura será pontual.

– Automaticamente, isso é avaliado sempre. Pode ser que a gente vá no mercado, mas sem prazo e sem data. O futebol muda muito rápido, até porque existem circunstâncias, como lesões, que podem fazer a gente ir no mercado com maior rapidez – disse o executivo de futebol Luciano Sorriso.

O Santa Cruz tem direito a fazer 35 inscrições na Série C. Com a chegada de Daniel Costa e Danny Morais – zagueiro não estreou na competição -, esse número vai subir para 34. O time tem 40 jogadores no elenco. Cada clube pode confirmar 35 atletas até a 12ª rodada. Mas pode substituir cinco na véspera da 15ª rodada, ou seja, no dia 2 de agosto.

– Óbvio que toda a contratação e mudança falo na comissão técnica. E assim trazer novos atletas. Milton não viu um elenco com muita deficiência. Ele está fazendo com que a gente eleve o nível. Até com a lesão do Celsinho também, Milton também pontuou sobre Everton, que é um jogador mais de lado do que centralizado e com 100% do aval dele a gente trouxe Daniel Costa para obtermos novos resultados – completou Sorriso.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Jefferson e Wilian Simões são regularizados e já devem estrear pelo Náutico na segunda

Por Lucas Liausu — Recife

Globo Esporte

Sem tempo a perder, o Náutico já deve colocar em campo na próxima segunda-feira, contra o Sampaio Corrêa, os dois reforços recebidos pelo técnico Gilmar Dal Pozzo nesta semana. O goleiro Jefferson e o lateral-esquerdo Willian Simões tiveram seus nomes publicados no Boletim Informativo da Confederação Brasileira de Futebol e estão aptos para entrar em campo no próximo compromisso do Náutico.

+ Veja mais notícias do Náutico

Os dois treinaram na equipe titular nesta quinta-feira num indicativo de que estão bem cotados no radar do técnico Gilmar Dal Pozzo.

A escalação de Wilian Simões é mais fácil de cravar, já que ele hoje é o único lateral-esquerdo disponível no elenco. Assis, que era titular até a última rodada, machucou o ombro e está fora da disputa da Série C. Willian estava disputando a Série D pelo Maringá e não deve ter problemas com ritmo de jogo.

+ Recém-contratado e titular do Náutico, Wilian Simões apresenta credenciais

Já Jefferson, aguarda uma definição do departamento médico em relação ao goleiro Bruno, que é o titular da equipe, mas perdeu os últimos treinos por conta de uma dor na panturrilha. Bruno realizou um exame de imagem e na sexta-feira o departamento médico deve se pronunciar sobre a situação dele.

+ Após ganhar rodagem, Jefferson quer criar raízes no Náutico

O técnico Gilmar Dal Pozzo tem treinado o time do Náutico com Jefferson; Hereda, Camutanga, Fernando Lombardi e Wilian Simões; Josa, Luiz Henrique e Danilo Pires; Neto Pessoa, Thiago e Wallace Pernambucano.

+ Cabral Neto analisa mudanças no time do Náutico para enfrentar Sampaio; Assista

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Três em um: Eder Ferreira diz que pode jogar como zagueiro, lateral e volante no Sport

Por Lucas Liausu — Recife

Globo Esporte

O zagueiro Eder Ferreira chegou ao Sport para brigar por uma vaga como zagueiro, mas no que depender dele, vai dar outras duas opções ao técnico Guto Ferreira. Na base do Bahia, era volante e também já atuou como lateral-direito. E garante se sentir bem fazendo qualquer uma das três funções no campo.

+ Eder é regularizado e fica à disposição de Guto Ferreira contra Vitória

– Já joguei de lateral e na base do Bahia fui volante. Eu vim pegando um pouco de cada e no profissional me formei como zagueiro. Pude pegar um pouco da técnica de volante e noção de espaço de lateral e agregar tudo num só. Não vejo muita dificuldade. Procuro fazer bem feito onde for necessitado.

A apresentação de Eder foi basicamente para a torcida do Sport. O técnico Guto Ferreira já conhece bem o jogador. Os dois trabalharam juntos no Bahia antes de ele defender o Athletico Paranaense.

+ Veja mais notícias do Sport

– Trabalhei com Guto em 2016 e 2017 no Bahia. Foram praticamente dois anos trabalhando juntos e bem trabalhados. Guto sempre fez um bom trabalho onde esteve. Eu tive oportunidade de estar com ele em dois trabalhos vitoriosos. Foi um acesso para a Série A e a conquista da Copa do Nordeste.

+ Guto Ferreira esboça time do Sport e repete escalação do último jogo

Eder vive a ansiedade de poder jogar pelo Sport. Na semana passada, ele conseguiu iniciar os treinos depois de duas semanas apenas trabalhando na academia por conta de problemas burocráticos entre Sport e Athletico.

– Fiquei duas semanas na academia por uma situação que fugia do meu controle e do controle do Sport. Estou bem ansioso. Tive que ter paciência. Não via a hora de poder treinar. Agora é trabalhar para jogar. Já joguei na Ilha contra o Sport com a Ilha lotada e agora estou jogando a favor.

Eder deve ser uma opção para o técnico Guto Ferreira no jogo contra o Vitória-BA, que acontece no próximo sábado, às 20h30, na Ilha do Retiro. A partida, válida pela 7ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, terá transmissão do Premiere.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.

  

Após ganhar rodagem, Jefferson quer criar raízes no Náutico

Por Rômulo Alcoforado — Recife

Globo Esporte

Após um ano e meio, Jefferson está de volta ao Náutico. O goleiro passou por duas equipes no período: o Atlético-GO e o Joinville. Mas não quer mais mudar de clube por algum tempo. A ideia dele é fincar raízes no Timbu e deixar seu nome na história do clube que o revelou. Seu contrato vai até o final do próximo ano.

– Hoje o pensamento é retornar ao Náutico, parar um pouco aqui, conquistar algo. Meu primeiro objetivo é o acesso. O jogador tem que ter um período de experiência, mas não pode ficar pulando de clube em clube a cada seis meses. Assim, ele passa a ser olhado com outros olhos pelo mercado e pelo clube de origem. Ele tem qualidade, mas não consegue firmar. A saída foi até um pedido meu, até para adquirir essa experiência, rodagem, mas para voltar e continuar o trabalho no clube – disse.

Em disputa pela titularidade com Bruno, Jefferson apresenta suas credenciais. Garante ser, hoje, um goleiro melhor do que o que deixou o Náutico em 2018. Ele explica em que pontos se desenvolveu.

– Evoluí em todos os aspectos. Foi um ano e poucos meses de muito aprendizado. Tive de sair, conhecer pessoas e metodologias novas. Foi um período muito importante, em que pude crescer bastante. Volto mais cabeça, mais maduro.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.