Carmen Lúcia dá 15 dias para Salles apresentar resposta em ação movida pelo Greenpeace

TOPO

Por Matheus Leitão

Matheus Leitão recebeu o Prêmio Esso duas vezes. Trabalhou, entre outros, em ‘Época’, e ‘Folha de S.Paulo’.

Do G1 Política

BLOG DO MATHEUS LEITÃO

A ministra Carmen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, seja notificado a apresentar resposta, no prazo de 15 dias, na ação em que ele é acusado de cometer difamação contra o Greenpeace.

A ação é movida pela própria Organização Não Governamental (ONG) e Carmen Lúcia foi sorteada como relatora no STF. “Determino à Secretaria Judiciária notificar o Querelado, Ministro Ricardo de Aquino Salles, para, querendo, oferecer resposta no prazo de quinze dias”, afirma a magistrada.

O Greenpeace protocolou a ação na semana passada contestando declarações de Ricardo Salles. O ministro sugeriu em uma rede social que a ONG pode ter sido responsável pelo derramamento de óleo em praias do Nordeste.

Na ocasião, Salles ainda se referiu à organização com o termo “#greenpixe“. O Greenpeace citou ainda o fato de o ministro ter se referido a ativistas da ONG como “ecoterroristas” e depredadores do patrimônio público.

Na avaliação do Greenpeace, as declarações do ministro são “levianas e irresponsáveis” e constituem fato grave que não pode ser normalizado. Ricardo Salles não respondeu às perguntas enviadas pelo blog a ele via assessoria de imprensa.

A ministra Carmen Lúcia afirma ainda no despacho que os autos devem voltar a ficar à sua disposição após o prazo de 15 dias, com ou sem a manifestação do ministro do Meio Ambiente.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.