Seu Vídeo Aqui!!!

————————————————————————————-

————————————————————————————

NUVEM DE TAGS

Após gol marcado em clássico, Bruno Moraes ganha sobrevida no Santa

Por Daniel Gomes

Recife

Globo Esporte

Havia dois confrontos, Bruno Moraes não era relacionado no Santa Cruz – estava fora até do banco de reservas. Ao menos enfrentaria o Sport, pela Sul-Americana, na última quarta-feira. Mas, de última hora, Wallyson sentiu dores no pé e foi vetado. Bruno foi chamado de última hora. No encontro decisivo com o Leão, entrou na etapa final no lugar de Grafite, machucado, para decretar a classificação do Santa Cruz na Sul-Americana, na vitória por 1 a 0, sobre o rival. O técnico Doriva, que tinha falado da necessidade de contratar mais um atacante, disse ter ficado surpreso com a atuação do jogador.

– A surpresa, lógico, foi Bruno. O atleta tem de estar preparado sempre. As oportunidades aparecem a qualquer hora. Foi relacionado, foi para o banco e fez o que a gente esperava.

Bruno é acostumado a fazer gols decisivos para o Santa Cruz. Foi assim na vitória por 2 a 1, contra o Bahia, pela Série B do ano passado. Marcou o da vitória. A partida foi considerada pelo grupo um marco da arrancada que resultou no acesso. No mesmo ano, somou mais um, na vitória por 3 a 0, sobre o Mogi Mirim, no confronto que culminou na volta do Santa Cruz à Série A após dez anos.

Neste ano, fez o do triunfo por 2 a 1 do Santa Cruz, sobre o Campinense, pela Copa do Nordeste, no primeiro jogo, no Arruda. A rede balançou nos minutos finais.

Bruno Moraes não tinha jogado sob o comando de Doriva, mas, por necessidade, após a saída de Grafite, que foi levado de maca depois de um choque de cabeça com Mansur, foi lançado na partida. Fez o dele e foi elogiado.

– Bruno é um atleta que vem treinando bem. Mesmo não sendo relacionado, estava trabalhando e aproveitou a oportunidade.

Deixe aqui sua Mensagem




1 - Os campos marcados com asterico (*) são de preenchimento obrigatório.
2 - Dados pessoais como email e telefone não serão divulgados.